Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Estados Unidos da América » Estados Unidos da América » Los Ângeles » Submundo » 

Ir à página : 1, 2, 3 ... 9 ... 17  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 17]

Hades

Hades
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
Na manhã do dia 13 de setembro, Ryan Fercondinni, filho de Ares foi chamado por Quíron até a casa grande.
Chegando lá, um pouco apreensivo, pois apesar de ser um campista muito experiente, um chamado particular de Quíron nunca era bom sinal. Certamente ele não iria parabenizar o garoto.

Quíron estava em sua forma de centauro na varanda, olhando para o topo da colina. Ao perceber que o garoto chegara, o coordenador do acampamento virou para ele, tentando disfarçar a preocupação nos olhos, mas mesmo ele não conseguia.
Ele olha com uma certa relutância para o campista, e fala com voz grave e séria:

-Você foi requisitado para uma missão. - Ele fez uma pausa dramática, para ver a expressão do filho de Ares, então prossegue - O problema é que não recebi a mensagem do Olimpo. Tânatos apareceu num sonho meu, e sim, eu também sonho, e disse que o melhor filho de Ares deveria atender o chamado. Não me pergunte porque ele quer isso, mas você deve visitar o oráculo.

Ryan acha estranho o centaura falar tão rápido e sem emoção nenhuma uma notícia dessas.
Há tempos missão não eram feitas. As coisas no mundo fora do Acampamento pareciam estar boas, e eles estavam felizes com o tempo para treinar. O pedido de um deus do mundo inferior não devia ser visto como trivial.

De qualquer forma, o filho de Ares sobe ao sótão para ouvir a múmia. O garoto não tinha medo algum desse tipo de situação, e logo que entra só olha para ela esperando sua profecia.
Em apenas alguns segundos, a névoa recitou em seus ouvidos:


"Os oposto frio e quente, altura e profundeza, terão que se unir,
Com a força bruta a frente e inteligente destreza
Quatro semideuses devem ao oeste sombrio ir.
Se no caminho não tiverem atenção, toda a batalha será em vão."


Ao voltar à varanda, um pouco aturdido, Ryan repete as palavras do oráculo ao Mestre.
Quíron pára por alguns minutos em silêncio, e mesmo sem gostar de pensar muito, o filho de Ares sabia que não era o momento de abrir a boca.
Depois de uns 7 minutos, o centauro começa:

-Outro ponto estranho. A profecia foi clara demais, como se fosse um alerta. Você tem que ir rápido.
Acredito que não tenha tido dificuldades em decifrá-la. Quente e frio, altura e profunde-as se refere a um filho de Hades ou Hefesto e Quione ou Éolo. Força bruta é você, ou até mesmo um filho de Hefesto... E inteligência, filho de Atena. Se têm que ter destreza e atenção, esse grupo seria ótimo.
Espero que faça boas escolhas dos seus companheiros, e que seja rápido. Vocês precisam partir nessa mesma manhã, o mais rápido possível.
Chame quem quiser, nesses parâmetros preferencialmente, e comprem tudo que precisarem. Boa sorte.


E sem deixar Ryan fazer uma pergunta sequer, Quíron sai galopando com pressa, em direção à floresta.
Nervoso, o campista desce o vale fazer suas decisões.





*Primeiro post Obrigatoriamente com o Ryan. A partir daí, a ordem não vai importar em rodadas free.

*Sempre que quiserem será permitido a postagem de ataques combinados, ou seja, post de batalha em formato rodada free. Todos podem postar seus golpes, em qualquer ordem, e eu só irei postar depois dos 4, ou depois do que eu achar certo postar. Se for pra fazer ataque combinado, pode ser fora de ordem, exemplo: Ryan posta um ataque contando com a ajuda de um colega, e Gerrard, mesmo sendo o último da lista, posta fazendo seu ataque combinado com Ryan. Neste caso, eu posso postar depois dos dois, ou os outros dois podem postar para fechar a rodada dos 4, tanto faz.

*Será esperado no máximo 18 horas para o jogador postar. Se a batalha estiver em ordem normal (Player¹ - Deus - Player² - Deus...) e o jogador da vez não postar em 18 horas, o próximo da lista pode postar. O mesmo vale para rodadas free, ou batalha em modo free: mesmo sendo fora de ordem, se 3 postarem, e o quarto não postar em 18 horas, eu posto fechando a rodada.






Mega-Missão | Ryan Fercondinni, Johnny Singer, Aleksander Nowa e Gerrard Boredio Hades%2B9

Ω Lord of the Underworld Ω
#1

Ω Legendaryy Ryan

Ω Legendaryy Ryan
Filho(a) de Ares
Filho(a) de Ares
Ver perfil do usuário
Aê sexta feira 13, dia de usar a mascara do Jason e sair por aí, assustando os campistas novatos. Faz tempo, que eu esperava por esse dia, o que eu vou usar como arma? Uma serra elétrica? Ótimo! Eram os meus planos para hoje, antes de um sátiro entrar na arena, trazendo consigo uma mensagem.-- Senhor Ryan, Quíron precisa conversar contigo, e é urgente!-- O sátiro interrompia meu treinamento, ao me dizer tais palavras. O suor se sobressaía em minha face, meus olhos se direcionavam ao fauno, enquanto eu embainhava a minha espada e arrumava meu cabelo -- E você sabe o motivo? -- Dizia ao sátiro, enquanto tirava um pouco de suor do rosto, que se limitou a responder um simples "me acompanhe"

Sem questionamentos acompanhei o sátiro, até a varanda da casa grande, onde o centauro me aguardava.
-- Senhor Quíron, aqui está o senhor Ryan, como me pediu -- Ao dizer isso e receber um sutil aceno com a cabeça, o sátiro se despediu e saiu galopando acampamento à dentro. -- À que devo a honra, Quíron? -- Caminhei até o centauro e apertei-lhe a mão, me postando ao seu lado. Para Quíron ter me chamado aqui sozinho, deve ser algo muito importante. Meus olhos se fixavam em Quíron, até que ele começasse a falar e quando ele disse a primeira frase, eu senti um leve frio na barriga e engoli em seco um sorriso. Eu gostava de missões, sempre têm seu propósito, mas sem deixar de ter oponentes muito fortes. Eu já era um guerreiro experiente, mas qualquer chance de batalha, por mínima que fosse me agradava bastante. Nessas horas que o sangue de Ares, corre e festeja junto ao espírito de Héracles, que eu levo comigo. Mas a disciplina falou mais alto e eu me limitei, a simplesmente concordar com a cabeça, sem soltar nenhum som nem demonstrar nada. Ao receber o meu sutil feedback, Quíron prosseguiu e mandou, que eu fosse ao Oráculo.

Enquanto subia para o sótão, ficava pensando nos motivos dele ter me chamado sozinho, por que ele não chamou os demais? Seria uma missão solo? Por que algo assim, repentino? E por que acatar uma ordem de um Deus menor, com tanta ênfase? Bom, de qualquer forma eu saberia em breve, então me mantive quieto e esperei por mais surpresas. Foi quando cheguei no sótão e olhei pro local, que estava totalmente bagunçado e empoeirado, mas isso não era importante. A múmia como sempre, estava sentada ao centro, esperando alguém para fazer-lhe uma profecia. Não é por nada não, mas uma pitonisa seria bem melhor. Não demorou muito para a névoa sair de dentro da múmia e vagar pelo sótão, até chegar em meus ouvidos com a profecia. Não demorou muito também, para que aquele pó me lembrassem da minha alergia. Em meio aos espirros, a profecia foi dita completamente e eu, saí do local as pressas.

Descendo do local fui direto à varanda, em meio de espirros e coceiras nos olhos. Quem diria um filho de Ares, que desce a lenha em todo mundo, vencido por uma alergia. Ao voltar à varanda, recitei a profecia ao centauro, que me olhava e ouvia atentamente. Com a profecia recitada, Quíron ficou alguns minutos em silêncio, o que me deu a oportunidade de me recuperar. Passados sete minutos, Quíron disse o óbvio, embromou um pouco e saiu galopando para a floresta. Agora era comigo.

Desci o vale pensativo e passei em meu chalé antes, coloquei uma roupa leve e preta, vesti minha armadura, peguei o colar e coloquei em meu pescoço e peguei minha espada de esparta e minha espada espartana. Depois foi só por o elmo de Ares e levar algumas poções comigo. Finalmente pronto, saí do chalé e fui direto à biblioteca, já com os escolhidos em mente.

Ao entrar na biblioteca fui atacado, por vários olhares curiosos e cochichos aleatórios
-- Silêncio! -- Isso aí, mandei todo mundo calar a boca. Continuei andando até meu alvo, e este era Aleksander Nowa -Aaron e Leonardo é o caralho!- ele estava acompanhado de Gerrard Boredio, o garoto da arena, da noite passada. -- Ei, preciso de vocês, me acompanhem. -- Não cheguei nem a cumprimenta-los, embora eu gostasse deles, ainda faltava mais um. Seguido pelos outros dois, marchei com certa pressa até o chalé de Héracles.

Ao entrar no local vi que o mesmo estava vazio, com exceção de um indivíduo, Johnny Singer. Meu melhor amigo estava distraído, cuidando de seus brinquedinhos e o som de Matanza no último volume, não permitiu que ele nos ouvisse chegar. Nossa presença só fora percebida, quando eu desliguei a música, abaixo de protestos do filho de Hefesto.
-- Agora não, Johnny, temos visitas -- Apontei com o queixo para Alek e Gerrard, fazendo com que o filho de Hefesto olhasse direto para eles -- Tem um monte de cama aí, escolham uma e se sentem -- Me sentei na cama mais próxima de mim, e esperei Gerrard e Alek se sentarem, para começar a falar -- Primeiramente, bom dia -- Finalmente havia cumprimentado os garotos -- Mais cedo, Quíron me intimou e me disse que temos uma missão, pedida por Tânatos. Ele não me disse muita coisa, mas a profecia é a seguinte "Os oposto frio e quente, altura e profundeza, terão que se unir, Com a força bruta a frente e inteligente destreza. Quatro semideuses devem ao oeste sombrio ir. Se no caminho não tiverem atenção, toda a batalha será em vão." -- Fiz uma pausa, para que a informação fosse absorvida por todos -- Como ele disse, fogo e gelo. Força e inteligência, bem simples. -- Mais uma pausa

-- Seguinte, escolhi vocês, porque os conheço o suficiente pra isso. Mais uns do que outros -- Sim, uma indireta para Johnny -- Eu poderia escolher qualquer outro, mas escolhi vocês, porque são vocês que tem que ir. -- Olhei para o relógio do chalé, este marcava 8:30 -- Seguinte, vocês tem duas horas para fazer suas compras, se arrumar, comer, e qualquer outra coisa a mais. Eu mesmo vou no refeitório, comer alguma coisa mas logo volto. Se chegarem antes do prazo, ótimo. Daí a gente vê se colhe mais informações, ou qualquer outra coisa. e vocês podem e devem opinar. -- Ao dar as ordens, me levantei e saí do chalé, indo direto ao refeitório.



Ela joga o cabelo, ela desce até o chão, ela faz tudo que pode, só pra agradar o patrão ♪
Mega-Missão | Ryan Fercondinni, Johnny Singer, Aleksander Nowa e Gerrard Boredio Tumblr_mqifmjUmfB1rivbp9o1_400
#2

Ω Gerrard Fernandes

Ω Gerrard Fernandes
Filho(a) de Quione
Filho(a) de Quione
Ver perfil do usuário
Não acredito que desmaiara depois de derrotar os ossudos. Acordei com um pouco de dor mas apesar de tudo estava menos cansado que quando a luta acabou. Assim que criei vontade me levantei, peguei meus pertences e agradeci a ajuda aos filhos de Apolo, mas logo que o fiz eles me avisaram que quem me ajudara tinha sido o conselheiro do chalé de Ares, que entrou gritando e depois me jogou num leito e me deu uma poção... Carregado pelo Ryan... Discreto do jeito que ele é não deve ter sido pouca gente que viu desmaiado no caminho à enfermaria.

Sexta-feira 13 realmente é um dia infernal, afinal o calor estava insuportável, pelo menos para os filhos de Quione. Só não estavam no frio aconchegante do chalé mais gelado do acampamento aqueles que estavam lutando/treinando. Deixei minha Armadura Atheniense Completa e meu Escudo Médio na minha cama fui para a biblioteca, mesmo confiando em meus irmãos levo meu Anel Misterioso do Gelo comigo, mesmo não tendo uma utilidade certa ele já estava confortável em meu dedo quando eu o tirava sentia uma falta dele. No meio do caminho encontro o Aleksander e como não havia o parabenizado direito pelo reconhecimento de sua mãe aproveito para isso e acabamos trocando um papo até a biblioteca. Sempre gostei de ler histórias sobre a Russia, só de pensar nas lutas acontecendo em baixo de uma nevasca ou sobre a mais pura e branca neve eu já me sentia mais calmo e relaxado, pego um livro especializado na Revolução Russa e não consigo ver que livro Alek pega.

Não passo muito tempo e o discreto filho da guerra entra gritando e mandando calar a boca, realmente conveniente para uma biblioteca --Filhos de Ares não devem ser os mais inteligentes justamente por isso, foram expulsos das bibliotecas--. Tinha ouvido alguns dos viados filhos de Apolo na enfermaria comentar que ele havia sido chamado por Quíron e que provavelmente seria uma missão. Ele ter chamado o Aleksander eu entendo, mas eu? Ele mesmo me viu desmaiando na arena, mas se era uma missão mesmo eu não ia discutir, uma missão era uma boa desculpa para fugir do calor que fazia no acampamento.

Depois de ouvir a profecia percebi que ele não tinha me chamado por engano mesmo. Ele disse "..., porque os conheço o suficiente pra isso." e o que eu ouvi foi "sei que tu é um filho de Quione e como a profecia fala em frio ta valendo"... Bom... Ta valendo mesmo =D. Volto para o chalé pensando no caminho sobre o "Oeste sombrio", realmente nada me vinha em mente, estava, ainda, um pouco afetado de ter desmaiado. Diferente do Fercondinni visto uma camisa branca por baixo da minha armadura, uma preta me superaqueceria e não estava planejando desmaiar de novo, colo o escudo em meu braço e confiro a lamina da minha Wasaki, espadas nunca foram minhas armas favoritas mas guardava aquela com carinho, e era justamente isso que faria, guardo ela embaixo do meu colchão. Vou para as forjas de Hefesto e la esta minha nova Lança Média[Gélida].Com ela em mãos volto para o local de reencontro.



Nível 8 – Frio Aconchegante [Intermediário]: Os filhos de Quione recebem bônus em seus poderes quando expostos ao frio (+10 FOR, AGI). Eles não ficarão fatigados e adquirem uma maior resistência física (+10CON), porém recebem uma pequena penalidade se expostos ao calor forte (-10 CON). Recuperam 7 pontos de vida e energia quando expostos a temperaturas abaixo de zero graus célsius. [NESSAS CONDIÇÕES]

Parte em negrito sempre ativa devido à:
Casaco glacial²² O casaco é extremamente frio, somente um filho de Quione pode usá-lo. A baixa temperatura é tanta que este emanará fumaça congelada, como a de gelo seco.

Nível 6 – Aura Glacial [Inicial]: O filho de Quione desprende uma aura fria. Neste nível a aura é fraca e serve apenas para amenizar o calor, não causando efeito em inimigos. (+7 WIS)
#3

Convidado

Anonymous
Convidado
Mais um dia de merda naquele acampamento, isso não ia ficar assim por muito tempo.

A ideia de sair daquele lugar agora era bem antiga e se solidificou ao passar do tempo, principalmente depois do ataque, onde meu amigo, Vincent, acabou morrendo. Aquele lugar não era seguro, era apenas um matadouro de pessoas. Todos nós iríamos ser assassinados uma hora em nome de nossos pais, e eu já estava cansado.

Já havia recolhido todas as minhas coisas do chalê de Hefesto e estava arrumando outras no chalê de Héracles, planejava sair de noite, para evitar perguntas.

"Quero que haja sempre uma cerveja em sua mão e que esteja ao seu lado seu grande amor. (8')"

A musica estava alta para evitar de que alguém escutasse algum barulho estranho vindo do chalê, mesmo assim consegui ouvir passos pesados e alguns outros nem tanto, vindo da soleira da porta, eu conseguia ouvir tudo perfeitamente graças os meus filtros auriculares, até mesmo seus batimentos cardíacos.

Pelas pesadas passadas e a batida de um coração acelerado, eu sabia de quem se tratava, só me virei para xingá-lo quando desligou a musica.

-Seu filho da |Meretriz|, quem mandou...

- Agora não, Johnny, temos visitas. - Diz Ryan apontado para os outros dois garotos de passadas leves. Eu não os conhecia muito bem, porem um garoto que eu tinha certeza que seria filho de Atena, usava um braço automato muito daora. Fui para perto dele e fiquei encarando seu braço por alguns segundos até perceber que era obra de meu pai.

O filho de Ares começa a explicar o do porque estava ali e o porque havia nos "convocado". -Parabéns Ryan, você sabe juntar um mais um. -Olho pra ele sorrindo um pouco. -Temos que ir na gravadora M.A.C. e... -Dou um pequena pausa e olho para os garotos magricelas. -Duas horas? Corram até os seus chales agora! Quero que nos encontrem no topo da colina em 20 minutos e contando!

Se os garotos não andarem me levanto e bato nos dois até irem.

Chamo Sophie, minha fênix. "Garota, preciso de você agora." Então ouço um pio meio distante e em poucos segundos a ave já estava parada na porta do chalê. Pego minha mochila de combate que estava em cima da cama perto das minhas roupas e tralhas.

-Eu arrumo o transporte, vá se arrumar Ryan. Só estou indo nessa missão com você porque não quero que mais nenhum de meus irmãos morra... -Olha para baixo um pouco triste. -Anda logo.

Depois de todos terem saído do chalê eu também saiu e vou na direção da colina meio sangue. Lá em cima uso minha habilidade Pet Mecânico [Intermediário] para invocar 3 águias gigantes de bronze. Como eu estava usando meu medalhão do fogo, minha |Febre| deixava meus poderes mais fortes e as águias seriam maiores que as de costume.

Espero resto dos meus companheiros chegar.

-Ninguém aqui tem aracnofobia, certo? -Invoco 3 aranhas das minhas tatuagens e cada uma pula no ombro de um campista. -Elas vão servir para vocês se comunicarem comigo caso se percam e para protege-los, caso precisem. Não receberão nenhum tipo de ordens suas, só pra avisar.

Monto em minha fênix e falo para cada um escolher sua águia. Depois disso começo a voar no sentido da gravadora.





Habilidades:

Nível 2 - Febre: Quando o filho de Hefesto luta em lugares quentes ou abafados, assim como nas forjas, sua força e suas habilidades são ampliadas.

Nível 13 - Pet Mecânico [Intermediário]: O campista pode invocar um companheiro animal autômato feito de prata, ou 3 feitos de bronze. Este terá um porte intermediário como um Rinoceronte, por exemplo. De escolha da escolha do invocador. O custo dessa habilidade requer 70 de energia, ela durara enquanto o animal sobreviver, ou até o combate sessar. Essa habilidade entrara em espera depois de 5 turnos.

Equipes:
Braçadeira do Conselheiro [9]
Tatuagem Grega {Escopeta (Shotgun) Franchi SPAS-12 [Bronze Celestial]}
Tatuagem Grega {Martelo de Guerra Gigante com Dois Lados [Bronze Celestial][H]}
Tatuagem Grega {Aranha Automato** [Pequeno][Oricalco][Venenosas][Sombras][H][20x]}
Tatuagem Grega {Aranha Automato** [Pequeno][Oricalco][Venenosas][Sombras][H][20x]}
Tatuagem Grega {Aranha Automato** [Pequeno][Oricalco][Venenosas][Sombras][H][20x]}
Tatuagem Grega “Itens de Cura” {Poção de Cura [Mítico] & Poção de Energia Mítico (x4)}

____________________

Armadura Espartana Completa [Prata][Sombras][Isolante][Alada][H][Transmutação = Anel]*
Elmo Espartano***
Escudo Espartano [Oricalco][Heroico][H][Transmutação = anel]
Cutelo [Oricalco][2x]
Martelo de Guerra Gigante com Dois Lados [Bronze Celestial][H]
Luva de Neméia [Heroico][Prata, banhada][Flamejante][Sônica][H][2x]²
****Macro Filtros Auriculares "Audientes"
Escopeta (Shotgun) Franchi SPAS-12 [Bronze Celestial] {Projétil  Frag-12 Rounds [Bronze Celestial & Fogo Grego][20x]{³
Aranha Automato** [Pequeno][Oricalco][Venenosas][Sombras][H][60x]
'-'Cilindros de armazenamento [Acoplado a armadura][Mágico][Pequeno][6x]{
1º - Possui oxigênio para o usuário poder respirar durante 5h;
2º - Armazena 10 Doses de Ares Personalité
3º - Armazena 10 Doses de Héracles Personalité
4º - Armazena 10 Doses de Hermes Personalité
5º - Armazena 10 Doses Ervas Medicinais [Forte]
6º - Armazena 10 Doses Ervas Revigorantes [Forte]

_______________


Mochila “Rumos e Trilhas”{
Lasca de Diamante Imperial *-* [Presente de Hera]
­Cantil de Cura [Mitico](10 Goles)(x2)
Cantil de Energia [Mitico] (10Goles)(x2)
Gail Air [Forte]
Insanity' Voir[Forte] (x2)
Livro do Forjador
Livro "O Arsenal"
Manual Taurus 9mm
Pistola Tauros 9mm
35 Projeteis comuns {Pistola}
Manual Franchi SPAS-12
Medalhão do Soberano do Fogo¹ (2/?)
Monóculo Sagrado¢ [Acoplado ao Elmo]}

#4

Convidado

Anonymous
Convidado
Era uma manhã tranquila e tranquila até de mais e sempre que acho essas coisas, logo que acordo no chalé de minha mãe, Lady Athena, acontece alguma coisa.
"Estranho, muito estranho" - Logo penso.

Costumeiramente, depois de conseguir uma prótese de um braço, comecei a treinar logo de manhã. Eu me recolhia para a parte de treinamento do acampamento pois lá, antes das 6h, era bastante calmo.
Meu braço novo de oricalco pesava mais ou menos o dobro de um peso de um braço normal e eu não podia sonhar em vacilar em uma missão sem estar acostumado com o peso real do novo braço.
Treinei mais um pouco antes de tomar um banho e partir para a biblioteca. Exercitar a mente também faz parte =D

No caminho da biblioteca, encontro Gerrard. Um filho de Quione gente boa. Bem, pelo menos eu achava mesmo sobre negações de alguns em pensar que filhos de Quione são gelados além da conta.

_Parabéns pelo reconhecimento Alek. Ele fala.
_O cara, muito obrigado. Já era hora né. Digo e logo dou uma gargalhada.

Conversamos mais um pouco, até falei sobre o braço novo e como estava sendo gratificante ter duas mãos e logo chegamos a biblioteca.
Adentramos na biblioteca e logo fui ler um livro sobre a arte da guerra. era fascinante como Sun Tzu encarava de maneira brilhante as coisas mas antes que começasse a degustar de suas palavras alguém chega
do nada e manda calar a boca.
_Silêncio!

Bem, quando eu começo a ler, quase nada me distrai a não ser quando chamam meu nome e dessa vez foi diferente. Ryan, um filho de Ares, parrudo como dizem os franzinos dos filhos de Hermes.
Ao vê-lo se aproximar de mim e de Guerrard, notei que estava bastante sério.

_Ei, preciso de vocês, me acompanhem.

Olhei para Gerrard e deixei o livro no seu lugar ignorando os cochichos de meus irmãos sobre um filho de Ares na biblioteca. Ao meu ver, era ridículo pensarem isso deles mas acho que Gerrard não pensava assim.
Sorrio levemente entendendo sua expressão e digo:
_Vamos lá.

Acompanhei Ryan até o chalé de Héracles. Nunca tinha ido lá mas ao entrar e reparei que era um lugar bom para treinar a suportar meu braço.

"Que música doida" - Pensei assim que o som invadiu minhas orelhas. O som era tão alto que John nem nos percebeu mas o Ryan deu um jeito desligando o som fazendo o mesmo desferir algumas palavras que não ouso escreve-las UAHuHAu mas acho que ele nos percebeu entrando.
"Interessante. Agora não sei se tento ser um atleta ou um Guarda" - Sorrio logo que penso.

Ao ver Johnny, um filho de Hefesto super gente boa e Atleta de Héracles, comprimento costumeiramente apesar de parecer, por parte dele que não me conhecia muito bem mas acho que ao ver meu braço braço "automato muito daora",ele deve ter se lembrado de mim KKK
_E ae cara, tudo bem !? - Logo me sento em uma das camas sugeridas por Ryan e fico atento a suas palavras.
_Bom dia. - Respondo.

Ryan nos contou que Quíron, nosso amigo, o requeri-o para um missão dada por Tânatos e que nós envolvia também por causa da profecia do Oraculo.
"Os oposto frio e quente, altura e profundeza, terão que se unir, Com a força bruta a frente e inteligente destreza. Quatro semideuses devem ao oeste sombrio ir. Se no caminho não tiverem atenção, toda a batalha será em vão."
"Interessante mas..."

Antes que eu falace sobre uma parte da profecia "altura e profundeza", para mim era um filho de Zeus e um de Hades, Ryan nos conta o porquê de suas escolhas e logo pede para nos apressássemos, para arrumar nossos equipamentos.
Concordo com a minha cabeça sem dizer nada mas com um sorriso de satisfação por ter me escolhido e rapidamente me dirijo ao meu chalé.

_Duas horas? Corram até os seus chales agora! Quero que nos encontrem no topo da colina em 20 minutos e contando!
Me surpreendi ouvindo isso quando me dirigia ao meu chalé e logo me aprecei sem saber muito o motivo de tal temperamento naquele momento.


Equipamentos:
Elmo Comum
Peitoral de Couro
Espada Curta
Escudo Médio
Mochila Rumos e Trilhas {
Poção de Cura[Mítico] (x7)}

Minhas armas eram comuns. Eram mas mesmas que ganhei quando fui escoltado e mesmo assim tinha orgulho delas. Sempre me estiveram comigo nos melhores e piores momentos nas batalhas fora o meu escudo médio, presente de minha amada mãe Lady Athena.
Logo que terminei de reunir tudo que eu precisava, tomei meu café rápido. Terminando, segui para a colina para encontrar com os demais.

#5

Hades

Hades
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
Ryan escolhe rapidamente seus companheiros de missão, e aparentemente a profecia estava acertando bem. Seus companheiros já os esperavam onde ele achava que devia ir.
Depois de algumas discussão com seu 'irmão' Johnny, acabando com um clima estranho para os dois garotos de fora, e bonito para os velhos amigos.

Os quatro campistas seguem para seus chalés, recolhem os itens que irão usar na missão, e seguem para a colina.
Todos chegam tão rápido quanto Johnny queria, e lá já estava, como prometido, o filho de Hefesto com algumas surprezinhas metálicas para os 3 garotos.
Os deuses também pareciam saber o que fazer, pois uma das águias era maior que as outras, para Ryan, e as outras duas com uma pequena diferença de tamanho.

Assim que Johnny dá a ordem para sua Fênix, Sophie e para seus autômatos, eles alçam vôo, com um destino direto, reto: Los Ângeles.
Até mesmo Quíron se espanta ao olhar para cima. Primeiro porque a saída havia sido rápida demais. Segundo porque nem sequer informaram ao centauro quem iria, embora ele pudesse descobrir sozinho, e terceiro porque eles não queria a mínima ajuda. Ele respira fundo, e volta às suas atividades, esperando não perder mais ordem dessa vez.




O garotos sobrevoam o golfo que separa Long Island do continente, e o frio começa a ser sentido.
O sereno começava a açoitar o rosto dos campistas, o que incomodava muito Johnny, ao contrário do filho de Quione, que sentia tão bem, como se fosse um deus menor do olimpo.
Ryan e Aleksander ficam completamente calados e concentrados. O primeiro provavelmente por estar preocupado com uma missão liderada por ele, e o segundo por já estar pensando em táticas de batalha.

Depois de quase uma hora, tudo que eles vêm são campos e mato, provavelmente na Pensilvania. Nesse ponto, a chuva começa a engrossar, mesmo estando na altura das nuvens.
Mesmo sendo verão, o outono estava chegando, e o granizo podia começar a cair a qualquer momento.

Já bastante incomodado com a chuva, mas sem ter onde descer, Johnny escuta o piar de uma ave. Era um piar muito forte, mas só ele ouviu.
Depois de alguns minutos, e depois do filho de Hefesto começar a achar que estava enlouquecendo, mais pios foram ouvidos, dessa vez por todos, e parecia ser mais de um animal.

Todos ficam em alerta, mas a visibilidade era horrível. Só Gerrard conseguia enxergar, e ele não via nada a sua volta.
Depois de mais alguns segundos de silêncio, surge em velocidade um animal grande por baixo de Aleksander, que só só conseguir desviar pela sua sensibilidade para sentir aproximação de inimigos.

Mais alguns vultos começam a voar na frente do grupo, e suas aves começam a desacelerar.
Todos olham para Gerrard, mas ele não sabia dizer o que eram ainda. Voavam rápido.






Mega-Missão | Ryan Fercondinni, Johnny Singer, Aleksander Nowa e Gerrard Boredio Hades%2B9

Ω Lord of the Underworld Ω
#6

Ω Gerrard Fernandes

Ω Gerrard Fernandes
Filho(a) de Quione
Filho(a) de Quione
Ver perfil do usuário
Não tinha nada contra aranhas então o robozinho não me atrapalharia em nada, e quanto a voar em um autômato de bronze? Estava animado com isso, quando mais alto eu estiver mas frio será devido as diferenças de pressão. A briga de liderança entre Johnny e Ryan tava no minimo engraçada para mim, só não deixo isso claro. Não tinha ideia do plano do Singer mas eu não tinha melhor, melhor começar mal do que nem começar...

A temperatura abaixando e a brisa fria na minha cara minha me deixava cada vez mais calmo e pronto, apesar de ter sido pego de surpresa pelos monstros eu me mantive focado para o que aconteceria a seguir. Pelo olhar dos outros só a minha visão estava decente naquele clima.

Mesmo sendo o único com visão da situação os seres eram muito rápidos, ao passarem eles não passavam de borrões para mim. Para conseguir vê-los direito deveria saber de onde iam aparecer, peço através das aranhas que caso alguém conseguisse perceber, pelos sons, de onde eles iriam vir que avisassem para nos prepararmos antes de chegarem e assim eu teria visão deles antes mesmo de chegarem em nós. Creio que vendo quem estava nos atacando facilitaria a situação. Me mantenho atento também aos autômatos de meus colegas, caso fosse atingidos e danificados sem que eles percebam eu deveria ser capaz de avisa-los.

Mantenho minha lança e escudo firmes em mãos e pronto para atacar em reflexo caso algo aparecesse de repente. Mantenho o corpo curvo para frente para não sofrer muito com o impacto do vento em meu corpo, diminuindo o risco de perder o equilíbrio ou ser derrubado de minha montaria. Tento manter a aranha protegida também, se ela cair eu perco minha comunicação e o johnny me mata.

Ouço tudo que meus companheiros tem a falar e caso algum tenha um plano concreto e possível tento seguir o mais fielmente possível.



Nível 8 – Frio Aconchegante [Intermediário]: Os filhos de Quione recebem bônus em seus poderes quando expostos ao frio (+10 FOR, AGI). Eles não ficarão fatigados e adquirem uma maior resistência física (+10CON), porém recebem uma pequena penalidade se expostos ao calor forte (-10 CON). Recuperam 7 pontos de vida e energia quando expostos a temperaturas abaixo de zero graus célsius. [NESSAS CONDIÇÕES]

Parte em negrito sempre ativa devido à:
Casaco glacial²² O casaco é extremamente frio, somente um filho de Quione pode usá-lo. A baixa temperatura é tanta que este emanará fumaça congelada, como a de gelo seco.

Nível 6 – Aura Glacial [Inicial]: O filho de Quione desprende uma aura fria. Neste nível a aura é fraca e serve apenas para amenizar o calor, não causando efeito em inimigos. (+7 WIS)
#7

Ω Legendaryy Ryan

Ω Legendaryy Ryan
Filho(a) de Ares
Filho(a) de Ares
Ver perfil do usuário
Duas horas, essa é boa. Está ficando mole, Ryan? -- Duas horas? Corram até os seus chales agora! Quero que nos encontrem no topo da colina em 20 minutos e contando! -- Sorte que Johnny estava ali, não foi sequer necessário concordar com o filho de Hefesto, para que os garotos saíssem e rapidamente. Pouco depois de Alek e Gerrard saírem, Johnny chamou sua Fênix e voltou sua atenção à mim -- Eu arrumo o transporte, vá se arrumar Ryan. Só estou indo nessa missão com você porque não quero que mais nenhum de meus irmãos morra... Anda logo. -- O filho de Hefesto estava cabisbaixo, o que me fez por minha mão sobre seu ombro e aperta-la -- Não se preocupe comigo, irmão. Ninguém vai morrer, não enquanto estivermos juntos -- Apertei o ombro do filho de Hefesto mais uma vez, antes de solta-lo e me levantar -- Eu já estou pronto, esse negócio de tecnologia é contigo -- Ria discretamente, enquanto aguardava Johnny pegar suas tralhas, para sairmos lado a lado do chalé.

Chegando à colina vi Johnny conjurar três autômatos, eram águias imensas e de tamanhos diferentes, claro que a maior era a minha. Não demorou muito para Alek e Gerrard chegarem, sorri discretamente para os garotos, mas me mantive onde estava
-- 20 minutos, perfeito. -- Olhei para Johnny, que já colocara uma de suas aranhas em meu ombro, assim como fez com os demais -- Ninguém aqui tem aracnofobia, certo? --Olhei de soslaio para a aranha e lembrei do estrago, que esses pequenos autômatos fizeram em mim, no teste de Héracles. Mas tudo bem, qualquer coisa era só destruir. Depois de mais algumas considerações, subimos nos nossos animais e voamos rumo ao nosso destino

Percorremos uma grande área em pouquíssimo tempo, em quase uma hora já estávamos sob um forte chuva, lá pras bandas da Pensilvânia. Aquilo me incomodava um pouco, mas não era hora de reclamar nem nada, estávamos em missão. Pouco tempo se passou, quando Johnny começa a ficar estranho, movendo a cabeça de um lado para o outro tentando ver alguma coisa
-- Está tudo bem, Johnny? -- Foi só eu terminar de falar, que o som de pássaros começara a rondar-nos, mantendo todos em alerta. Bum! Algo passa a toda velocidade, por baixo do filho de Atena, que por sorte conseguiu escapar

-- Mas que... Alguém consegue ver alguma coisa? -- bradei aos meus companheiros, para que mantivéssemos uma comunicação, enquanto eu puxava um pouco a rédea da águia diminuindo sua velocidade. Não sabia exatamente o que era, mas eram pássaros, sim no plural. Com essa visibilidade, estávamos enrascados, então a atenção era redobrada -- Fiquem espertos... -- Certo, um comandante de batalha, que não sabia o que falar. Esse negócio de céu não é comigo, mas eu me manteria atento para me defender, e defender meus amigos.

passivas:
Nível 4 - Filho da Guerra: Em batalha, o filho de Ares dificilmente erra seu movimento, executando sempre com sucesso aquilo que nasceu para fazer.

Nível 4 - Flexibilidade com Armadura: O filho de Ares, poderá se locomover bem em batalhas, de forma que a armadura não lhe causa algum problema, desconforto ou atrapalhe.

Nível 5 - Comandante de Batalha: Aqueles que lutam a seu lado ganham capacidades extremas.

Nível 6 - Instinto de Batalha: O filho de Ares consegue perceber a batalha por um ângulo completo, ciente mesmo dos golpes vindos por suas costas, dando-lhe chance de esquivar-se, defender-se ou mesmo de revidar.

Equipamentos (havia esquecido):
Elmo de Ares [Ouro Imperial]
Armadura Espartana de Neméia [Heróico][Personalizada][H]
Braçadeira de Conselheiro [5]
Espada Espartana [Oricalco][Heróico][Flamejante]
Espada de Esparta [Bronze Celestial][Flamejante][H]
Símbolo Grego Escudo Espartano [Braço Esquerdo]
Símbolo Grego Escudo de Casca de Teixo [Braço Direito]
Poção de Energia [Mítico][3x]



Ela joga o cabelo, ela desce até o chão, ela faz tudo que pode, só pra agradar o patrão ♪
Mega-Missão | Ryan Fercondinni, Johnny Singer, Aleksander Nowa e Gerrard Boredio Tumblr_mqifmjUmfB1rivbp9o1_400
#8

Convidado

Anonymous
Convidado
Chegando a colina, reparei que John já estava aprontando alguns de seus autômatos. Algumas aranhas e algumas águias de tamanhos bem elevados.
Me aproximei da que me aparentava ser a mais ágil, acariciei um pouco acima de seu bico agradecendo a ajuda e aos deuses e sem dizer nada, montei observando para que lado
estaríamos tomando para a viagem. Coloquei a mochila no meu peito e me certifiquei se minha espada e escudo estavam bem presos e afivelados.

Em pleno voo, tento me aproximar de John para lhe perguntar sobre a direção que estávamos tomando pois até então não houve alguma discussão a respeito da direção a ser tomada.
Mantenho meu silêncio me preparando mentalmente para o inesperado. Estar em prontidão nesses momentos era como respirar. Era natural só não mais natural que o sereno que gelava minha face e partes de meu corpo.

"Esse meu braço de oricalco está ficando mais gelado a cada minutos, uff" - Pensei

Passamos por Los Ângeles, pelo o golfo que separa Long Island do continente e depois de 1h mais ou menos estávamos sobrevoando campos e matos na Pensilvânia. Nessa parte, a chuva começa a engrossar diminuindo nosso campo de visão mas eu estava atento como podia e não duvidava que os demais estariam também.

Em certa parte da viagem, notei que John estava inquieto de mais, olhava para cima como se estivesse procurando algo. Os demais notam sua preocupação. Era visível que estávamos preocupados e alertas com o momento, ainda mais nessa visibilidade precária. Seguro as rédias da águia mais firme e me recolho para mais perto de seu corpo, diminuindo o espaço de meu peito e das costas da ave para que ela consiga voar com mais agilidade.

Por um momento, um animal grande passa por debaixo da ave onde estava montado e por milésimos de diferença, eu consigo desviar.
"Acho que os poderes dos filhos de Athena estão fluindo mais forte mesmo possuindo pouca experiencia" - Logo penso depois do susto.

Logo, alguns vultos começam a voar na nossa frente, percebo que estávamos desacelerando e logo avanço para ficar mais ou menos no centro do grupo.
_Não desacelerem. Seremos alvos fáceis. - Seguro mais firme as rédias da minha ave.
_Não lembram das aulas de voo nos pégasos !? vamos manter nosso rumo um pouco afastados um do outro para não nos derrubar de uma vez só e sobrevoaremos em zigue zague.
Respiro mais um pouco e me seguro mais firme.

_Gerrard, você consegue dar um jeito nessas nuvens!?
_Já que você manipula gelo(água), poderia tentar melhorar nossa visão para nos defendermos melhor.

Olho para os demais.
_Se ele não conseguir, vamos para o mais alto possível. Por cima das nuvens é mais limpo mas o ar é mais rarefeito.


Logo me concentro na habilidade |Estrategista| para ativa-la. Essa habilidade prevê os movimentos dos inimigos para atacar mas eu precisava nessa hora usar para nos defender. Ativo e se possível, alerto a aproximação de nossos inimigos para que possamos tentar desviar com mais agilidade.




Estrategista - Os filhos de Atena conseguem prever um movimento do inimigo ,tendo mais chance de acertar o alvo.[de 30 a 50% mais chance] O uso desta habilidade requer 25 pontos de energia.

#9

Convidado

Anonymous
Convidado
Aquele frio da p@rra deixava meu mau humor ainda pior. Vejo um leve sorriso na boca de Gerrard, aquele cara só podia estar brincando. Como alguém fica feliz com a bunda congelada?

Enfim, minha |Resistência| e |Persistência| não iam me deixar abater por coisas tão inúteis.

Já tínhamos percorrido uma boa parte do caminho quando escuto um pio. Era algo distante e com certeza não era a Sophie e muito menos os autômatos. Logo em seguida vejo que meus companheiros também estavam escutando, então eu não estava completamente louco.

Uma vulto quase derrubou Alek da águia. Mais desses vultos estavam aparecendo a nossa frente. Olho para Ryan esperando que ele tome uma posição, afinal ele deveria ser o líder da missão, mas nada feito. Gerrard parecia confuso e assustado, enquanto Alek nos dava ordens para ficar em cima das nuvens, o que era loucura e morte certa.

Resolvo então tomar as rédeas da situação. Não queria mais pessoas mortas para eu ficar me culpando depois.

Transmuto um de meus anéis em minha armadura espartana completa, ela tem o elemento de sombras, o que ajudaria a me camuflar nessa tempestade. Dou um comando para as MINHAS águias mergulharem para o chão e aterrissarem em um lugar descampado e seguro.

-Não é hora para discussão garotos. Vocês são horríveis em combate aéreos e muito ruins em combates de longo e médio alcance. Eu cuido disso, meninas.

Faço as asas da minha armadura crescer e começar a bater, então saiu da minha montaria.

"Sophie, me avise se alguém ou você precisar de ajuda. Não se arrisque." E mando a Fênix  mergulhar para baixo junto com eles.

Uso a visão térmica da viseira do meu elmo para achá-los. Invoco algumas das minhas aranhas e faço, o máximo que conseguir, elas voarem para cima dos monstros com o |Metallon II|. Assim o veneno delas paralisariam algumas partes deles e eles cairiam.

Pego dentro da minha mochila minha Taurus 9'' e miro em um dos monstros que eu não consegui paralisar e atiro o quanto eu conseguir, ou até que ele morra. Caso eu perceba que algum deles se aproxima de mim, uso o barulho ensurdecedor sônico das minhas luvas de Nemeia para que o monstro fique atordoado e de tempo para eu atacá-lo.


Descrição de itens e equipamentos usados:


Armadura = A armadura possui por dentro um sistema de isolamento elétrico. Quando o usuário é atingido por qualquer tipo de eletricidade, os condutores, que ficam dentro da armadura, fazem a eletricidade passar pela mesma e descarregam na terra.
Ela também possui um par de asas de 10cm que ficam nas costas que se transmutam em asas maiores com 2m cada, possibilitando que o usuário voe.

Aranhas Autômatos = O veneno das Aranhas causam paralisam inimigos de pequeno porte. Quanto a inimigos de médio, ele trara uma paralisia momentânea no membro em que foi picado. Elas são comandadas somente pelo usuário por um microfone dentro do elmo, onde também servem de comunicadores. Elas também possuem um localizador e podem tecer resistentes teias feitas de metal.

Elmo = O elmo possui, na parte da viseira, lentes mágicas que permitem que o usuário tenha visão noturna, visão de calor e zoom de até 8x. O elmo também possui uma abertura na altura da boca que pode se fechar, quando fechada o elmo fica completamente isolado, impossibilitando a passagem de ar e etc.
Atras do elmo existe um tubo que se liga a 6 cilindros que ficam acoplados na armadura na parte lombar.

Filtros Auriculares = Os filtros auriculares são pequenos aparelhos que captam todo o som em um raio de 20 metros, filtrando as magias emitidas por ondas sonoras automaticamente, possibilitando que o usuário a escute mas não seja afetado. Ele também diminui o excesso de som, como o de uma flecha sônica, e aumenta sons imperceptíveis aos ouvidos comuns.

Luva de Neméia = Uma luva feita com a cabeça do leão de Neméia que potencializa a força física nos braços dos Atletas em 50%. Ela também emite ondas Sônicas com alcance de 3m, capazes de deixar qualquer um desorientado, beirando a loucura.

Habilidades:


Héracles:


Nível 2 - Coragem: atletas de Heracles tem mais coragem que o filho de qualquer outro deus.

Nível 3 - Defesa: Como seus corpos são mais resistentes os atletas de Herácles sentem menos dano a golpes.

Nível 4 - Brutalidade: mesmo sendo heróis, os atletas de Herácles são bastante brutos, assim, mesmo sem machucar ninguém, eles conseguem quebrar fácil as coisas.

Nível 8 - Resistência: O corpo de um atletas de Heracles é mais resistente a cansaço.

Nível 9 – Força Extraordinária : Agora você tem uma musculatura muito bem definida. Podem erguer pesos volumosos, saltar grandes distâncias, e atacar com grande força.

Nível 9 - Adaptador [Intermediário]: O atleta de Héracles deverá escolher uma de todas as perícias possíveis para o nível [Intermediário]. Permite que as demais perícias sejam treinadas até o nível [Intermediário].

Nível 10 – Pericia Corporal [Intermediário]: Confere nível de perícia [Intermediário] para a perícia em combate corpo a corpo. Permite que o herói treine suas outras perícias até o nível [Intermediário].

Nível 12 – Persistência: Atletas de Heracles conseguem continuar em batalha, mesmo feridos, como se estivesse com toda sua força. Sempre são corajosos e não hesitam diante dos inimigos.

Nível 13 – Força Divina: Os atletas De Heracles são mais fortes que qualquer outro semi-deus.

Nível 15- Conhecimento de Arma: Um atletas de Heracles, depois de várias batalhas que travou, tem a
habilidade de reconhecer qualquer arma que ele segurar, ou seja, segurou a arma na mão ele pode sentir qual a precisão dela, quanta força precisa para o ataque ser perfeito , tudo a respeito da arma ele saberá.





Hefesto


Nível 2 - Febre: Quando o filho de Hefesto luta em lugares quentes ou abafados, assim como nas forjas, sua força e suas habilidades são ampliadas em 25%.

Nível 6 – Luminosidade*: Os filhos de Hefesto desse nível, por tanto trabalharem em forja, estão acostumados com a luminosidade do fogo e das faíscas, adquirindo assim uma resistência quanto à cegueira causada por altas quantidades de luz. Não ficando ofuscados com altas quantidades de luz.

Nível 7 - Pele de Aço: Por controlar o metal, quando receber um golpe vindo de equipamento metálico o dano será reduzido(caso o atacante seja forte demais, a redução vale só para os primeiros golpes. Caso o golpe seja forte demais, só há uma redução do dano do ataque).

Nível 7 - Força Bruta: O filho de Hefesto, por trabalhar com materiais pesados, possui uma imensa força bruta.

Nível 9 - Perícia Bárbara [Intermediária]: Confere nível de perícia [Intermediário] para a perícia Bárbara. Permite que o herói treine suas outras perícias até o nível [Intermediário].

Nível 10 - Cura Flamejante: A partir desse nível, o filho de Hefesto não levará mais danos para fogo. Pelo contrário, ao entrar em contato com ele, se regenerará, recebendo 10 de HP e MP a cada rodada em contato com o fogo. Não pode ser fogo produzido por ele nem por seus itens.

Nível 10 – Vigor II: Neste nível, o filho de Hefesto está bem forte, seu vigor é uma de suas armas. Agora você pode cambiar até 30 pontos da vida para a energia ou vice-versa.

Nível 11 - Mineração: O herói sabe onde encontrar minérios para forjar armas. Dependendo do nível, consegue rastrear os mesmos no subsolo. (Ex.: Osso, Prata, Bronze Celestial, etc.)

Nível 12 - Fumaça: Depois de tanto tempo trabalhando nas forjas, em meio às chamas e fumaça, os filhos de Hefesto desenvolveram a capacidade de ignorar a fumaça, sendo capazes de respirar e ver normalmente através da mesma.

Nível 13 - Pericia com Explosivos: O herói tem um bom arremesso e sabe calcular a explosão com perfeição. Além de criar explosivos nas forjas.

Nível 14 - Tecnólogo: Hefesto é o deus das tecnologias, por isso, seus filhos tem um vasto conhecimento com maquinas, eletrônicos, automotores e etc. Eles conseguem saber como um equipamento, ou objeto, eletrônico funciona apenas olhando-o.

Nível 14 - Força do Fogo: A força dos filhos de Hefesto provem do fogo e metal, sendo eles sempre mais fortes e musculosos que os demais campistas.

Nível 15 - Sabedoria do Forjador: Você pode pedir, com detalhes, uma explicação sobre o material de qualquer equipamento.

#10

Conteúdo patrocinado


#11

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 17]

Ir à página : 1, 2, 3 ... 9 ... 17  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum