Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Resto do Mundo » Resto do Mundo » 

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Poseidon

Poseidon
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
Em um extremamente comum dia de calma no Acampamento, os filhos de Atena, Petala e Aleksander aproveitavam seu tempo de formas diferentes. Enquanto Petala lia um livro enquanto conversava com algumas Irmãs em um canto do Chalé, Alek estava entrando, com algumas plantas de projetos do que seriam futuras armas. Assim que Alek lança seu corpo para a Cama, um Sátiro chega às portas do Chalé, convocando a ele e Petala para uma reunião com Quíron, e ambos saem, em direção a Casa Grande.

Ambos entram juntos na sala, e ao entrarem, sentem algo como se suas moléculas estivessem sendo destorcidas por um poder superior. Era Poseidon, sentado confortavelmente em uma poltrona. Quiron estava a seu lado, com um olhar apreensivo, obviamente, estava incomodado com algo, mas não foi capaz de proferir uma palavra sequer. Levantando-se de sua poltrona, a qual tratava como seu trono, Poseidon se levanta, começando a dizer:

-- Olá meus Caros, tenho um problema e quero que vocês solucionem por mim. Há alguns séculos, Raul Cortez, navegador Espanhol veio conquistar a América Espanhola... A questão é, ele era um Semideus, meu filho, e junto de si, havia uma Joia. Um rubi que garantiria a ele e a sua tripulação toda a proteção que fosse necessária ter via Mar. Ao conquistar o povo Maia, em um daqueles templos, foi construído uma Câmara secreta, para esconder essa joia. E eu a quero de volta, tenho propósitos para ela.

E com isso, um raio de luz começa a emanar do corpo de Poseidon, e logo, ao desaparecer, alguns pontos da sala estavam em chamas. E com isso, Quiron comanda os filhos de Atena para buscarem seus equipamentos, e decidirem como iriam... Terra, Mar ou Ar.

#1

Missão no México| Petala & Aleksander Nowa Empty Re: Missão no México| Petala & Aleksander Nowa

por Convidado em Qua 12 Fev 2014 - 10:43

Convidado

Anonymous
Convidado
_Tantos projetos, tantas armas, vou adorar gastar meu tempo planejando mais algumas mais por hora, - Me deitava na cama. - prefiro ficar um pouco aqui, ouvindo minhas irmãs tagarelar um pouco.

Antes mesmo que o eu fechasse meus olhos, um sátiro chega às portas do chalé, convocando eu e minha irmã Petala para uma reunião.
Ao adentrar na grande sala, sentir algo estranho e familiar mexer com o meu corpo. Sim, de fato era um olimpiano maior que estava presente. Avistei ao fundo Poseidon em uma das poltronas aconchegantes do local e Quiron ao seu lado com seu habitual olhar sério que ao mesmo tempo dizia,
"problemas e preciso de vocês".

Apenas inclinei minha cabeça um pouco de lado para ouvir prestar atenção mais nas coisas que seriam ditas naquele momento. Poseidon parecia entender que estávamos prontos e sem delongas contou-nos o que desejava.

Era uma história de Raul Cortez, navegador espanhol, filho dele e uma pedra, uma joia, um rubi que lhes garantiria uma proteção completa ao Mar. "Meio injusto" pensei mas desviei meus pensamentos rapidamente. Não sabia o porque de um presente tão especial e nem queria entrar em conflito de opiniões sobre interesses dele.

Assenti com a cabeça, concordando, me prontificando a ajudar.


_Bem, meus equipamentos estão apostos. Já que é uma missão de Poseidon, porque não ir navegando !? - Sorrio um pouco.
_Como possui mais idade que eu maninha, tome a frente nessa dupla dinâmica, porque eu gosto de interagir assim. Me sinto mais a vontade.



equipamentos:
Armadura Completa de bronze
Espada Espartana
-
Mochila Rumos e Trilhas {
*x05 Poções de Energia [Mítico]
*Poção de Cura[Mítico] (x7)}
-
Braço Automato [Direito][Oricalco][H]*
Escudo de Nike [Presente]*

#2

Petala

Petala
Filho(a) de Atena
Filho(a) de Atena
Ver perfil do usuário
Era um pouco raro eu conversar com minhas irmãs então aproveitava aquele momento mesmo enquanto lia um livro. Fui interrompida por um sátiro que trazia ordens de Quíron. Quando cheguei uma sensação conhecida e ruim tomou conta do meu corpo: Poseidon. Olhei de soslaio para Quíron e identifiquei sua expressão preocupada, porém quem tomou a iniciativa foi ninguém menos que o deus dos mares. Escutei atenta a missão que era posta e por fim afirmei de leve com a cabeça.

_Bem, meus equipamentos estão apostos. Já que é uma missão de Poseidon, porque não ir navegando !? ~Olhei para meu irmão e sorri.

_Ainda tenho que arrumar as minhas. Podemos sim ir pelo mar. ~  Sorri.

_Como possui mais idade que eu maninha, tome a frente nessa dupla dinâmica, porque eu gosto de interagir assim. Me sinto mais a vontade.  ~Observei-o por um tempo e por fim assenti.

_ Nos encontramos então no portão do acampamento. Quíron tem dinheiro para nossa embarcação? ~ Aguardo a resposta e vou para meu chalé.

Arrumo minha mochila como a seguir:

MOCHILA RUMOS E TRILHAS:


Faca de Arremesso (x10)
Adaga [Prata] [Presente de Afrodite]
Esfera de luz [Grande]
Esfera explosiva [Grande]
Mochila Rumos e Trilhas
Barra de Ambrosia (x5)
Cantil de Néctar (x3) + Cantil de Néctar (2/3)
Héracles Personalité
Kit de Armadilhas (x5)
Apito para Patos Ateniense
Isqueiro
Poção de Adrenalina[Perfurante]
Arome Caliente [Forte] (x3)
Isqueiro Zippo
Soro Curativo
2x Ração [Comum]

DEMAIS ITENS::

Peitoral de Couro ( Por debaixo da blusa)
Adaga Simples [Venenosa]*-* ( Presa no cinto)
Espada longa ( Na bota de cano longo)
Escudo Grande [Lâminas][Prata][Sombrio][Transmutação: Pulseira]*--* ( Transmutado em pulseira braço direito)
Pingente da Coruja*** ( Pescoço)
Anel da Intuição ( Dedo mão direita)
Elmo do Estrategista ( Cabeça)

Depois de tudo pronto vou para o ponto de encontro e tiro do bolso um dracma e o joguei para o alto, assim que ele caiu no chão recitei em grego antigo. _ Stêthi 'Ô hárma diabolês.

_ Podemos ir para o Brooklyn e lá pegarmos um cruzeiro ou um barco de viagem menor e mais barato. ~ A passagem marítima é mais cara, porém estaríamos nos domínios do deus que nos pediu o favor.  Antes de sairmos seguro a mão mecânica de meu irmão e a aperto num gesto que só ele e eu entendiamos. Pedi para que Fofuxa viajasse pelas sombras e me encontrasse onde as irmãs taxistas fossem nos deixar. Caso elas não pudessem nos levar pediria para o Aargos, ou pegaríamos Pégasus no estabulo, ou pegaríamos um ônibus convencional para lá.

#3

Poseidon

Poseidon
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
Petala e Aleksander logo se encontram na porta do Acampamento, e fazendo uma caminhada de vinte minutos, chegam na Estrada, prontos para sua Missão. Na mente dos dois, tudo estava esquematizado e dividido em três partes: Encontrar, Roubar e sair, parecia fácil, e da forma que Poseidon falou também não pareceu difícil.

Parando na beirada da estrada, Petala convoca a carruagem das Irmãs Cinzentas, levando-as até o Pier no Brooklyn, com o intuito de descobrir um barco que pudessem usar. Obviamente, ambos deveriam se virar para roubar uma Embarcação que pudesse ser tripulada por duas pessoas.

#4

Missão no México| Petala & Aleksander Nowa Empty Re: Missão no México| Petala & Aleksander Nowa

por Convidado em Dom 23 Fev 2014 - 10:08

Convidado

Anonymous
Convidado
A viagem até o pier do Brooklyn foi prazerosa. Não soltei a mão de minha irmã por nenhum momento até chegarmos no pier. Eu sempre fiquei nervoso quando saia do acampamento pois minha primeira viajem até lá, foi muito perturbadora.
Minha irmã entendia esse e mais alguns medos e eu estava feliz com ela aqui comigo.

Quando chegamos, respirei fundo e saí do carro. Esperei que minha mana saísse e logo fechei a porta. Avistei um Pier com algumas embarcações e logo veio a mente.
"Precisamos de um barco, mas como ?!"

Sussurrei para minha irmã.
_Acho que devemos andar por aqui com um certa naturalidade maninha. Como se fossemos dono de algo aqui por causa de nossos pseudônimos pais, como se tudo isso aqui fosse comum para nos dois.

Tentei avistar uma embarcação que pudesse ser tripulada por nos dois. Um iate com vela e motor, algo rápido.
Algo como isto:


iate a vela e motor:
Missão no México| Petala & Aleksander Nowa 50_feet_sailing_yacht

Geralmente esses novos iates possuem um casco de fibra de vidro. bem leve e resistente, uma lâmina de alguns metros para dentro da água para evitar que vire quando o mesmo pegasse um vento forte.
Tentei explicar a pequena ideia sobre o tipo em embarcação para minha irmã. Esse era um modelo ao meu ver mais viável. Poderíamos usar os motores e o vento. Não sabíamos se a embarcação que roubaríamos, se conseguíssemos, teria combustível o suficiente para a viagem e como essa embarcação necessita de trabalhos manuais, eramos OP em trabalhos manuais, principalmente na tecelagem.

Roubar algo assim era para mim, uma coisa muito difícil. Eu nunca roubei nada e logo um barco ?!

Sussurrei mais uma vez  enquanto matinha meus olhos atentos. Não sabia se estaríamos "sozinhos por muito tempo".

_Eu nunca fiz isso e se fosse pra pegar algo tão grande, seria melhor a noite não ?!


Eu olhava em volta, mantendo a naturalidade falsa. Não sabia fazer isso tão bem como um filho ou uma filha de Afrodite mas estava fazendo meu melhor esperando que fosse o bastante.
Dependendo do fluxo de pessoas, dava para pegar uma embarcação por aqui.


_Maminha, se for pra fazer isso, vamos olhar uma embarcação que pareça que não foi visitada a dias ou que não tenha muitas pessoas por perto.

#5

Petala

Petala
Filho(a) de Atena
Filho(a) de Atena
Ver perfil do usuário
Assim que chegamos me certifiquei que a viagem pelas sombras de minha cadela tinha sido um sucesso e pedi para que ela se mantivesse oculta. Logo em seguida meu irmão sussurrou para mim.

_Acho que devemos andar por aqui com um certa naturalidade maninha. Como se fossemos dono de algo aqui por causa de nossos pseudônimos pais, como se tudo isso aqui fosse comum para nos dois. ~Assenti a ideia, até mesmo porque não queria levantar suspeitas: nem para humanos nem para monstros.

Meu irmão dera a ideia de roubarmos um barco ao invés de comprarmos passagens. Para quem estava sem dinheiro era o certo a fazer, porém nunca tinha feito isso e não gostava da ideia: tanto por meus princípios quanto por minha mãe ser a deusa da justiça, acredito. Mas se fossemos fazer algo do tipo, se era preciso, teria que ser feito com sabedoria. E já estava pensando em esperar anoitecer quando meu irmão se adiantou.

_Eu nunca fiz isso e se fosse pra pegar algo tão grande, seria melhor a noite não ?! ~ Sorri. Era engraçado a forma como nossas ideias estavam ligadas.

_ Sim, mas precisamos escolher enquanto ainda esta claro. Vamos deixar duas opções para se caso na nossa volta aquele que tínhamos escolhido não esteja mais la. Assim que escolhermos vamos sair daqui e procurar uma padaria ou lanchonete para lancharmos. Não quero ficar aqui muito tempo, pretendo evitar atrair monstros.

_Maninha, se for pra fazer isso, vamos olhar uma embarcação que pareça que não foi visitada a dias ou que não tenha muitas pessoas por perto. ~Mais uma vez sorri e assenti.

_ Brilhante! ~ Comecei a correr meus olhos cinzas e curiosos pelas embarcações de médio/pequeno porte para ver se alguma atendia ao que precisávamos. Seguia atenta para que se preciso a qualquer momento transmutasse meu escudo e nos defendesse.

#6

Poseidon

Poseidon
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
Logo após se certificarem de que a Mascote da filha de Atena havia chegado, e terem certeza de terem escondido-a em um lugar onde pudesse descansar e recuperar suas forças, os Filhos de Atena começam a caminhar mais livremente pelo pier, com um ar bem forte de que realmente eram donos de algo ali, apesar da pouca idade.

Após quinze minutos de procura, ambos encontram o transporte perfeito, o Iate a Vela e Motor que Aleksander estava pensando. Mas, nele havia um homem grande e forte demais para ser um Humano comum, e um Bracelete no braço do homem foi familiar a garota, um Bracelete de Júpiter, fazendo a garota se lembrar, o Bracelete de Júpiter aumenta a força física de qualquer um que o use, e nas mãos de um Semideus corpulento como ele, a coisa seria complicada, mas não havia outra escolha... Eles deveriam lutar e vencer o Semideus e ter o barco perfeito para a viagem, ou escolher outro Barco, e passarem mais tempo no mar.

#7

Conteúdo patrocinado


#8

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum