Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Acampamentos » Acampamento Meio-Sangue » Casa Grande » Livros e Fichas » 

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

 ✓ [Ficha] Lire Veiga Empty ✓ [Ficha] Lire Veiga

por Lire Veiga em Qui 3 Jul 2014 - 16:58

Lire Veiga

Lire Veiga
Filho(a) de Phobos
Filho(a) de Phobos
Ver perfil do usuário
Ω Nome:  Lire François Veiga
  Ω Idade: 9
  Ω Aparência: Pele Branca como a Neve, Cabelos Escuros como a noite em um Eclipse Sem Estrelas, Olhos tão negros como a Lua do mesmo, Veste sempre um Vestido Negro e anda sempre descalça. Altura 1,46
  _________________________________________________________________________________________________________________________
  Características Psicológicas: Raramente sente medo...na maioria das vezes é ela quem causa tal sentimento nas pessoas. Tenta se socializar mas acaba causando um medo inquietante nas  pessoas, independente da gentileza que ela trate a maioria dos mesmos de tal forma com o tempo aprendeu a se Auto-Excluir.
  Ω Humor: Quieta, quase sempre passa despercebida e dificilmente fica com raiva...Não expressa emoções. E faz tudo que pedem.
  Ω Três Qualidades: Gentil com Pessoas e Animais...embora a maioria de ambos a vejam como um Monstro... Perdoa as pessoas quase que instantaneamente, independente do erro que as mesmas cometam. Gosta de trabalhar em grupo, embora a maioria odeie o mesmo com a presença dela...
  Ω Três Defeitos: É completamente atrapalhada...podendo tropeçar e se machucar em qualquer lugar. É pouco comunicável...talvez por nunca ter tido alguém com quem conversar, quando fala...apenas palavras vagas saem de sua boca por ela ser muito tímida... Tem uma segunda personalidade....ela surge a tona quando ela deseja "brincar" com o medo das pessoas, essa personalidade atinge com palavras todos os pontos fracos psicológicos dos Inimigos, mas todas as qualidades e defeitos citados anteriormente viram de cabeça para baixo....se tornando uma pessoa completamente diferente, um completo Monstro.
  _________________________________________________________________________________________________________________________

  Ω História:
  Era uma noite congelante...uma nevasca cobria completamente a cidade, de tal forma que do lado de dentro do orfanato não se podia ver nada nas janelas.
  Lire decide ficar em sua cama que era no canto mais escuro e amedrontador do quarto...do jeito que ela gostava, as pessoas tinham medo daquele lugar então raramente iam ali, a luz da única lâmpada no salão onde era o orfanato que ela vivia dificilmente alcançava aquela parte do quarto, Lire não gostava do escuro mas não gostava mais ainda dessas...pessoas.
  Ela sempre exalava algo que causava medo nas pessoas, mesmo sem motivo algum...como no primeiro dia em que chegou na escola, Tímida como sempre tentava cumprimentar as pessoas mas olhavam pra ela inventando alguma desculpa de que tinham que sair, era obvio que era mentira mas, ninguém afirmava a realidade, sentiam medo dela sem explicação alguma. As freiras sussurravam umas com as outras sobre ela causar alguma espécie de arrepio enquanto passava por elas, começaram a chamar ela de coisas como "Demonio...Cria do maligno...Antichristus.." todos sentiam um medo inexplicável com a presença da garota, mas ela decidiu que isso ia acabar, já era irritante o fato de não saber quem era, pois cresceu ali sem conhecer mãe nem pai, sem saber quem era..Lire tinha dificuldade em falar...era tímida e nunca conheceu coma pessoa que conversasse com ela, mas decidiu que aquele lugar não servia para ela e decidiu fugir.
  Quando todos dormiam ela foi até a porta do salão, desceu as escadas e foi até a janela que dava para um jardim, mas dessa vez todo coberto pro neve. Uma freira provavelmente viu isso mas, ou teve medo de chamar atenção ou queria realmente que a garota fugisse.
  Abriu a janela e pegou um banco de uma mesa próxima e usou como apoio, pulou para fora e graças a neve não se machucou...correu, descalça com seu vestido preto, e finalmente saiu daquele local tão odioso. O orfanato era na cidade de Nova York, não conhecia muito bem a cidade, mas sabia que a cerca de um quilômetro a frente tinha um lugar que chamavam de Central Park, talvez lá Lire encontrasse algum lugar aconchegante para passar a noite, então tentaria fugir para qualquer outro lugar da cidade, talvez morasse nas ruas...Não importa, era melhor que aquele lugar.
  Chegando ao tão famoso Central Park procurou algum lugar, em um canto viu três senhores idosos com roupas velhas e rasgadas se aquecendo em volta de uma lata de lixo de metal que usaram como fogueira. Lire decidiu chegar perto para quem sabe os senhores a deixassem se esquentar também. Ao se aproximar disse;
-Hm...Senhores eu....Frio...E vocês...Fogo....Posso...??-Perguntou ela Tão tímida que começou a ficar vermelha como tomate, quase explodindo por falar tantas palavras com alguém pela primeira vez...
  Os senhores olharam para ela, logo ela percebeu que se sentiam meio apreensivo, apenas com a presença dela e sem motivo algum, já tinham algum medo.. mas mesmo assim...talvez por educação um dos três senhores disse...
-Hmm...bem...err não tem problema garotinha. Pode se esquentar a vontade- Disse o senhor com a Barba branca e uma toca esfarrapada- Qual seu nome pequenina?
-Eu...Me chamo L-Lire...-Disse ela quase paralisada por falar tanto com alguém.
-E o que faz na rua Lire? onde estão seus pais?-Perguntou o senhor.
-Meio-Sangue- Disse outro senhor com um sorriso no rosto.
-Ahn? Como assim Meio-Sangue Bob?-Perguntou o outro senhor que estava quieto até agora
  Lire estava confusa até que o homem que a chamou de meio sangue começou a ficar com a pele vermelha...e começou a crescer, os outros ainda faziam perguntas para ele, será que eles não estavam vendo?
  O monstro cresceu até se tornar um monstro de dois metros e meio, corpulento e de pele vermelha, com aquele sorriso amarelo e torto. Mas os senhores ao seu redor pareciam não perceber. Lire por alguma razão não sentiu medo...deveria sentir, mas simplesmente ficou ali encarando a criatura até que...
-Bob porque você não fala nada? Ficou Surd- Falou o senhor que recebeu Lire até que o monstro o jogou com um soco a cerca de 10 metros de distância.
-Senhor!!-Exclamou Lire surpresa com a cena mas que por um momento ficou impressionada com a coragem que teve de elevar a voz...
  O segundo homem fugiu enquanto ficavam Lire e o monstro se encarando com uma lata de lixo com fogo entre eles, até que o monstro ergueu o braço e por um momento Lire pensou ter ouvido ele falar "jantar". Lire não sente medo...mas de certa forma sabe que tem que correr, e é o que faz, ao menos o que tenta fazer.
  Quando fica a cerca de 6 metros do monstro, ela tropeça em seus próprios descalços e pequenos pés, nunca fora uma pessoa que corria muito... e também era muito atrapalhada. Então o monstro chega próximo a ela que aparentemente continua sem demonstrar medo, o que parece fazer monstro se sentir desconfortável chegando perto dela...
-De que Deus você é filha garotinha?-Perguntou o monstro, falando como se ela fosse um bebê-Ares?Afrodite?Hefesto? Haha...não importa, no fim das contas você vira jantar....
  O monstro se aproxima dela devagar, Lire começa a se perguntar o que diabos o monstro falava...Deuses? Filha? como assim? pareciam aqueles filmes e livros que passavam na televisão do orfanato...Ela se levanta e começa a correr novamente, dessa vez entrando em meio a floresta. O monstro claro, vai atrás dela...apressando o passo mas ainda devagar como se gostasse de brincar com aquilo, então quando se encontra cercada pelas Árvores bem cuidadas, mas não o suficiente para se esconder. O Monstro segue ela e aparentemente começa a se sentir com raiva por a garota não parar de correr. Até que ele pega uma árvore, levanta e arremessa nela. Lire pensou que morreria ali mesmo...um fiapo de medo surge nela até que, as algumas raizes  seguram a árvore e algumas garotas meio verdes saem chorando de trás delas.
-Crieeeeessss!- Elas gritaravam-Irmããã
  Então elas se dirigiam para a árvore que agora tinha sido arrancada, e começavam a chorar....Lire não entendia bem a situação mas elas abraçadas na árvore caída começaram a olhar para o monstro como se dissessem...."você nos paga!!!!" então raizes cresciam ao redor dele...prendendo seus braços...pernas...e então espinhos começaram a nascer...por um momento Lire encara o monstro que consegue se soltar de algumas raizes que o prendiam, mas inutilmente pois elas voltavam, ainda mais grossas, e com espinhos perfurando a sua pele mais fundo ainda, quando então ela olha nos olhos do monstro e algo surge ali....ela percebe....o monstro começa a sentir medo...mas um medo diferente do que ela via diariamente, era o medo da morte...então um sorriso sarcástico surge no rosto da garota, e ela começa a gargalhar.
  As garotas verdes param e olham para ela...que pelo jeito amedrontava até mesmo elas, até o lestrigão fica sem movimentos...quando então Lire começa a andar na direção do lestrigão. Enquanto passa lentamente com aquele sorriso estranho em seu rosto pela árvore, pega um galho.
-Hey não faça isso. Respeite o corp- falava uma garota verde quando rapidamente se sentiu paralisada com um breve olhar de Lire.
  A garota gentil agora mais parecia uma criatura...por onde passava parecia Exalar medo puro. Ao chegar perto do Lestrigão olha para ele e começa a gargalhar novamente...então se silencia e escala o corpo do monstro ainda paralisado pelas raizes, quando ficara de frente para o monstro diz.
-Hahahahaha, estranho neh? o quanto o medo pode ser....perigoso...-Diz ela aparentemente perdendo toda timidez.
  Ela ergue o braço com o galho e finca em um dos olhos do monstro, que imediatamente grita e chora, seu olho começa a sangrar e ele continua preso... as garotas verdes pareciam paralisadas com a situação e completamente amedrontadas. Lire levanta a mão por uma segunda vez e sussurra"Morra!" enquanto enfia o galho no outro olho...dessa vez ainda mais fundo, parando completamente a gritaria. e caindo em meio ao pó que o monstro se transformou.
  Enquanto as garotas verdes apavoradas olham a situação sem falar nada... Lire aparentemente volta ao normal, sendo aquela garota tímida..
-D-Desculpem- Diz ela gigantemente triste por ter criado aquela situação...e sai correndo.
  Lire foi em direção ao fogo, era o único lugar que tinha para onde ir. Fica ali parada pensando no que o monstro havia dito..."Meio-Sangue.....Deuses" começa a pensar.... não consegue achar um raciocínio normal para aquilo então decide se dirigir a um local onde possa deitar e dormir. provavelmente tendo maus sonhos em relação a isso...duvidas nascem na sua cabeça, mas pelo menos agora ela sabe o que é...e tem uma pista de quem possa ser seu pai, embora aparentemente isso seja assustador, mesmo para ela...uma meio-sangue, filha de um Deus.

#1

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum