Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Resto do Mundo » Resto do Mundo » 

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 3 de 6]

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Atena em Qua 5 Nov 2014 - 14:46

Atena

Atena
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
Daniel dá uma última olhada ao seu redor e então some nas sombras. Alguns dos ceifadores ainda continuavam o observando enquanto ele andava para fora dos campos, talvez outros filho de Hades.

O garoto quase se sentiu feliz quando finalmente cruzou as fronteiras dos campos de punição, e viu Fenrir sair de lá voando para longe, talvez para brincar com Cérbero, mas então se lembrou que não tinha nenhum motivo para estar aliviado. Decidido a ir para o Tártaro, Daniel passa novamente pelo Elísio, e fica mais alguns minutos o observando. Ele pensava que se morresse nos próximos dias, provavelmente não estaria ali, mas mesmo assim não pode deixar de inspirar o ar com cheiro de felicidade infinita. Prosseguindo a caminhada, Daniel passa em frente ao palácio de Hades, e um sentimento que ele não sabia descrever cresceu dentro de seu peito. Sem querer perder sua postura, o garoto continuou sem olhar para trás novamente.

Quando se aproximou da caverna que levava ao Tártaro, Daniel pensou nas piores coisas possíveis. Ele queria saber se havia alguma forma de não morrer logo na queda, e se perguntou mil vezes como seria estar lá. Outro pensamento foi de que ele estava sozinho. Completamente e irremediavelmente sozinho. Isso não era justo. Descer ao Tártaro requeria a companhia de alguém, para não esquecer de que estava vivo e que precisava prosseguir pensando em alguém. Graças a ser um filho de Hades, talvez o hálito de morte que vinha do abismo não o incomodava tanto, ele estava acostumado, mas isso não era necessariamente acolhedor, dada as circunstâncias

Ao sentir a primeira alça de vento quente o puxando para a caverna, Daniel hesitou. Ele se sentia a ponto de explodir por dentro, ou de se transformar em pedra, como se olhasse para a medusa. Seus maiores medos e temores cresciam como gigantes incontroláveis e ele se sentia fraco, sendo levado pela maré do rio estige, inerte.



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#21

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Daniel Ritter em Qui 6 Nov 2014 - 16:31

Daniel Ritter

Daniel Ritter
Filho(a) de Hades
Filho(a) de Hades
Ver perfil do usuário
Seria eu quem desbravaria o abismo, mas era ele que não sairia de mim.

Olhei para o lado e não encontrei nada além de sombras. No mesmo instante, eu voltei a ser uma criança perdido em Nova York. O olhar vazio atravessava a janela e via o horizonte escuro da cidade que não dormia. Não lembro quando isso parou, mas por muito tempo eu tive medo da chuva. Simplesmente não conseguia entender o conceito da água cair do céu. E encarar a janela por horas à fio me trazia uma sensação estranha. Era reconfortante olhar para o horizonte, e imaginar que meu pai voltaria. Eu não o conhecia, e na doce inocência de criança imagina que, quando ele chegasse, estaria tudo bem. Ainda estaria chovendo lá fora, os monstros ainda seriam reais. Mas estaria tudo bem.

Fechei a mão ao ar, e imaginei que minha irmã estivesse ali. Não era nenhuma que algum dia já passou pelo chalé treze, mas um dia dividira o espaço de um útero comigo. Eu ainda me lembrava. Sua mão sempre suava, mas eu não me importava, estávamos sempre de mãos dadas e a falta de um pai, de dinheiro ou qualquer outra coisa não era maior do que nós. Agora a alma dela vagava por aquele reino, como de muitos outros. Logo você, irmã, que era a mais forte entre nós dois. Puxei aquele ar pesado do Submundo para dentro de meus pulmões, fechei os olhos e quando os abri não havia nada ali que me remetia ao passado. Eu queria lembrar pelo resto da minha vida, reviver os tempos que foram os melhores, ou simplesmente procurar pela alma de minha mãe e irmã ali em baixo. Mas eu tinha de cair ao abismo.

-
Eu sinto a sua falta.- Declarei ao vento mórbido do reino dos mortos.

E como um anjo caído, caminhei em direção ao abismo. E tinha certeza que lá encontraria a morte. De uma maneira, ou de outra.



Missão | Daniel Ritter - Página 3 1znppi0


The dragon has three heads.
#22

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Atena em Qui 6 Nov 2014 - 17:12

Atena

Atena
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
:(

Spoiler:

A cena era doída e linda. Era um pecado que ninguém assistisse, mas ele estava caminhando para o abismo como se ele fosse braços quentes e abertos para um abraço reconfortante. O filho de Hades é puxado pelo Tártaro cada vez mais rápido, mas ainda anda com serenidade, com os olhos fechados, ouvindo o vento que mais parecia uma gargalhada do abismo. E enfim o chão acabou e tudo o que Daniel sentia era o vento do abismo passando por ele.

A queda parecia ter durado toda uma vida. Daniel podia imaginar seu corpo envelhecendo. Ele podia pensar em cada segundo da sua vida, mas a queda não acabava nunca, o que fez o garoto pensar que ninguém saíra vivo do Tártaro pois nem ao menos podia se chegar ao seu fundo antes de morrer. Ele rodopiava pelo ar, que era tão fervente que queimava sua pele gélida e mais cortante que navalhas afiadas, mas o garoto permaneceu sereno. Depois de dias caindo, Daniel sente a pressão cair drasticamente e sabe que está chegando ao fim. Ele se movimenta de forma a cair com os joelhos flexionados, embora achasse que aquilo não o livraria do impacto. Ele já conseguia ver a luz de um rio de lava e o tom marrom avermelhado do chão, e então caiu, mas não houve impacto. Seus pés tocaram o chão e se assentaram perfeitamente, sem dor.

A primeira coisa que ele percebeu, foi o chão irregular. Ele parecia estar pisando em músculos gigantes, sobre a própria carne, com as veias azuis saltadas. Aquilo era muito nojento, mas o garoto não se importava. A cerca de 70 metros de onde ele estava, um rio de lava serpenteava sobre aquele chão estranho. O rio corria em uma direção, já que o chão era visivelmente inclinado, mas o semideus não podia ver muito longe, pois era muito escuro. O rio só produzia luminosidade para iluminar suas margens, mas o restando do lugar era um breu completo. Isso deixa Daniel assustado, já que ele nunca deixara de enxergar no escuro, em toda a sua vida, mas ali ele não vi nada além de 20 metros em todas as direções com exceção do rio, que estava mais longe, e o Tártaro parecia infinitamente maior, pois o garoto não podia sentir a presença de paredes. Era como se ele estivesse no infinito.



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#23

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Daniel Ritter em Qui 6 Nov 2014 - 17:51

Daniel Ritter

Daniel Ritter
Filho(a) de Hades
Filho(a) de Hades
Ver perfil do usuário
Eu já sabia que era pequeno, mas ali fui reduzido a menos do que nada.

Estava seguro da minha realidade. De que minhas experiências, sentimentos e atitudes formaram algo único que costumava chamar de "eu". E eu tinha um propósito, um significado. O mundo inteiro não precisava ter, mas eu tinha. Era a mancha de batom numa camiseta branca. Entretanto, encontrar com o mais profundo das garras dum abismo infinito, me fazia dar boas-vindas à morte.

Alívio.

Fechar os olhos e deixar-se levar, Daniel. Uma última valsa pelo ar no vazio. Não havia música, mas não era necessário. Pela primeira vez, em muito tempo, não era necessário lutar. Não era necessário sobreviver. Pela primeira vez, desde o início de minha existência, não precisava ser um guerreiro, o Príncipe do Submundo, ou mesmo Daniel Ritter. Tudo o que o momento requeria era ser levado com o vento, e eu fechei os olhos, deixando-me ir.

Todas as memórias, toda a raiva e o sentimento de abandono. Tudo se foi. E meu corpo já quase não era mais matéria. Só uma memória que se borrava enquanto caía. Uma lembrança que não pertencia mais a ninguém. Parecia morbidamente triste, mas foi o melhor dos momentos.

Mas então a firmeza do solo me encontrou.

Recomponha-se.

Encarei o horizonte sombrio e infinito e não senti medo. Sentia-me menor do que um átomo, mas não importava. Lá era o lugar onde estavam os piores dos piores, e eu. Um mortal à procura da morte. Não era irônico, no final das contas? Iniciei minha caminhada, seguindo pela margem do Rio. Estava trancado e, pela primeira vez, no escuro. Mas estava tudo bem.



Missão | Daniel Ritter - Página 3 1znppi0


The dragon has three heads.
#24

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Atena em Qui 6 Nov 2014 - 18:51

Atena

Atena
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
Daniel estava tranquilo, apesar de se sentir pequeno. Aquilo não era um problema.

Ele seguia a margem do rio por algum tempo, por meio da carne ondulante do chão, mas nada parecia existir naquele lugar. A garganta do campista estava completamente seca e ele não sabia que isso era possível, mas parecia certamente que todas as moléculas de água haviam sido extintas de dentro dele. Ele precisava beber, de qualquer forma ele precisava beber. O calor do lugar fazia toda a água evaporar e seu pulmão se recusava a respirar e seus olhos já não conseguiam focar nada.

Mesmo assim, ele viu o primeiro grupo de monstros. Provavelmente 30, ou até mesmo 50 dracaenaes se arrastavam do outro lado do rio. Elas iam na direção oposta de Daniel e estavam se aproximando dele, o que fez o garoto sentir um medo terrível de ser visto. Ele definitivamente não estava em condições de lutar, e depois de descobrir que ele não podia enxergar ali, ficou em dúvida sobre quais poderes dele ainda funcionariam.

A sua visão começa a embaçar mais, e ele sente que vai secar e evaporar a qualquer instante.



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#25

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Daniel Ritter em Sab 8 Nov 2014 - 19:55

Daniel Ritter

Daniel Ritter
Filho(a) de Hades
Filho(a) de Hades
Ver perfil do usuário
A primeira coisa que passou na minha cabeça foi convocar uma fenda do Tártaro debaixo dos pés de todos aqueles monstros. Levaria-os todos para a condenação. Mas, bem, nós já estávamos todos condenados.

Aquelas sombras não me permitiam enxergar, então dificilmente eu estava mais camuflado do que o grupo de dracaenaes. Minha segunda opção era desmaterializar o meu corpo e transformar-me em puras sombras, mas novamente, as trevas daquele lugar pareciam divergentes com as que eu dominava. Se é que aquilo fazia algum sentindo. Tenho a - não tão - brilhante ideia de evitar os monstros de outra maneira. Uma única rocha do tártaro que me impulsionaria num salto alto o suficiente para evitar o encontro. Começaria a correr dali, mesmo sentindo que meu corpo entraria em combustão daqui alguns segundos.



  • Nível 11 - Rochas do Tártaro [Intermédiario]: O filho de Hades agora pode invocar algumas estacas de pedra e uma rocha grande, para bloquear ataques e/ou usar para realizar grandes saltos. O uso dessa habilidade requer 60 pontos de energia. A habilidade entrará em espera durante 6 turnos.



Missão | Daniel Ritter - Página 3 1znppi0


The dragon has three heads.
#26

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Atena em Sab 8 Nov 2014 - 20:40

Atena

Atena
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
O Plano de Daniel era bom. Lutar, estava fora de cogitação, se esconder parecia ser quase impossível, logo o garoto teria que fugir. Ele nunca imaginou que precisaria fazer isso. Não depois de toda a moral que ele acumulou ao longo dos anos, e agora ele estava ali, no lugar mais amaldiçoado do mundo, fugindo de um bando de monstros que se estivesse sobre a terra, seriam brincadeiras de mau gosto e perda de tempo para o filho de Hades eliminá-las.

Logo que dá o salto, ele consegue cair bem depois dos monstros, que agora estava a cerca de 40 metros as suas costas, indo na direção oposta. Se ele viram a rocha, ele não sabia, mas esperava que não ou que não se importassem com isso. Talvez fosse um acontecimento normal ali, ele não sabia. Mesmo estando 'seguro', Daniel continua correndo para se afastar mais, até que não aguenta mais e cai. Ele se sentia seco, a ponto de pegar fogo e não tinha mais forças para se levantar. Água não parecia existir naquele lugar, somente o rio, a 4 metros do garoto. Ele podia sentir o calor escaldante da lava e aquilo não ajudava nem um pouco no fato de ele estar evaporando.



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#27

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Daniel Ritter em Sab 8 Nov 2014 - 21:44

Daniel Ritter

Daniel Ritter
Filho(a) de Hades
Filho(a) de Hades
Ver perfil do usuário
Se eu não voltar à essa hora amanhã, siga em frente.

Era o bilhete que eu havia deixado pendurado no antigo piano de minha irmã há tantos anos atrás. Eu voltei, mas elas não. Nunca mais e em lugar nenhum. Eu sabia que estavam mortas, de alguma forma, mas não as encontrei. De alguma forma, meu pai as escondeu muito bem. Bem o suficiente pra eu não achar depois de duas ou três reviradas no Submundo.

De uma maneira bizarra, eu queria ter a chance de escrever novamente um bilhete como aqueles. De acreditar que voltaria. E que teria alguém esperando. Mantive isso em mente quando fiz o ato que soava extremamente suicida, ao me arrestar de joelhos até o rio de lava e experimentar um pouco do conteúdo. Queimaria de dentro para fora, mas talvez fosse mais rápido do que a combustão lenta se encaminhava.



Missão | Daniel Ritter - Página 3 1znppi0


The dragon has three heads.
#28

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Atena em Sab 8 Nov 2014 - 23:08

Atena

Atena
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
Daniel precisava manter o foco e pensar no meio sobre a superfície da Terra, pois só assim ele conseguia manter sua alma dentro do seu corpo, e era isso que ele fazia enquanto se arrastava na direção do rio. Mesmo com sua mente dizendo que ele não poderia tocar um dedo sequer naquela lava, o garoto o fez, pois não encontrava outra saída.

Ao tocar no rio com as mãos ele as sentiu queimar, mas não pelo fogo e sim pelo gelo. O rio era tão gelado que doía as mãos do semideus, que fazendo uma concha, trouxe o líquido até a boca e engoliu. A sensação ainda era de estar queimando por dentro, era a coisa mais horrível que ele já tomara, pois sentia seus órgãos se desintegrando, sentia o líquido se solidificar dentro dele. O garoto ficou alguns minutos deitado, esperando que seu corpo se desfizesse, mas felizmente isso não aconteceu.

Depois de vários minutos, Daniel se levanta e olha para o próprio corpo. A pele tinha um tom avermelhado, mas ele estava inteiro e seu corpo ainda tinha o mesmo formato e textura. Olhando em volta, ele ainda não via nada de excepcional. O rio continuava descendo e o breu ainda prevalecia.



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#29

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Daniel Ritter em Dom 9 Nov 2014 - 21:48

Daniel Ritter

Daniel Ritter
Filho(a) de Hades
Filho(a) de Hades
Ver perfil do usuário
Estava deitado ali, sentindo que já poderia morrer. Tudo doía, e beber a lava do rio fora, de longe, a pior ideia que eu já tive em toda minha vida. Fechei os olhos por alguns instantes, esperando pelo alívio da morte que nunca chegou. Não sei dizer se eu deveria beber daquela lava ou era o simples fato da morte estar desaparecida. Não queria saber, na verdade. Levantei-me de imediato, mesmo querendo continuar ali e me coloquei de volta ao caminho.

Eu ainda estava inteiro, ou ao menos era o que parecia. Coloquei a mão sobre a minha espada, e tudo pareceu voltar ao normal. Era como um fôlego de normalidade no meio da condenação. Comecei a me questionar porque estava fazendo isso. Por que fazia tudo o que fazia. Os deuses eram um bando de presunçosos, no mínimo, e eu zelava pelo reino deles. Deveria deixa-los todos cair.

O pensamento me lembrou Selene, e fiz uma promessa solitária e silenciosa à escuridão infinita do Tártaro: Se eu saísse vivo dessa missão, eu iria atrás da deusa da Lua, e então seria eu ou ela.



Missão | Daniel Ritter - Página 3 1znppi0


The dragon has three heads.
#30

Missão | Daniel Ritter - Página 3 Empty Re: Missão | Daniel Ritter

por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado


#31

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 3 de 6]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum