Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Resto do Mundo » Resto do Mundo » 

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Dionísio

Dionísio
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
Um Santa Claus muito louco foi visto circulando por aí. Todos os adultos acham que é do imaginário das crianças. As crianças acham que Papai Noel enlouqueceu. Os semideuses sabem o que é: um monstro. Entretanto, ninguém sabe onde encontrar.

[One-Post Aberta] HO! HO! HO! GOOD DAY TO DIE! Legend_of_the_cryptids___bloody_evil_santa_clause_by_james_face-d5nrqdq

Pontos Obrigatórios na Narrativa:
1) Você está circulando em alguma cidade (explique o porquê de estar nessa cidade, sucintamente), durante a madrugada. As ruas estão vazias, com exceção das decorações de Natal e da neve que cai;
2) De repente, o Santa Claus aparece. Sua principal arma é seu saco de presentes. Dentro dele há infinitas pedras de carvão (que na verdade são bombas), o saco é indestrutível e muito duro. Ele usa uma armadura (como na imagem). De dentro da sacola ele pode tirar armas. Pode controlar decorações natalinas para atacar também. Seja criativo! Derrote-o de alguma forma;
3) Duas crianças viram você lutando com o Papai Noel da janela do quarto delas. Dê um jeito de contornar a situação de forma que a Magia do Natal não esteja perdida para essas crianças.

Observações:
- Postar até o dia 11/01/2014, às 18h;
- Não há limite máximo de pessoas (todos que postarem, avaliarei);
- A missão é atemporal (mesmo quem está em missão pode fazer);
- Me surpreenda. Não se atenha ao que é obrigatório, vá além, até porque os pontos obrigatórios são bem curtos;
- ATENÇÃO: Missões mal escritas ou incoerentes poderão acarretar em dias na enfermaria e, em casos extremos, até MORTE;
- A MISSÃO DEVE SER POSTADA NESSE TÓPICO;
- Boa sorte!

#1

λ Criptoniano

λ Criptoniano
Filho(a) de Ares
Filho(a) de Ares
Ver perfil do usuário
As coisas no chalé de Ares ultimamente estavam uma bagunça. Desde o desaparecimento de Ryan, todos os filhos do deus da guerra, inclusive eu tínhamos pedido para Quíron uma autorização de procura, coisa que não era concedida facilmente. ‘É muito perigoso’, ‘Ryan sabe o que está fazendo’. Nenhuma dessas desculpas adiantava, nós sabíamos que Ryan estava perdido por aí, talvez em apuros.
Isso me levava até a pequena cidade de Springs, a 20 quilômetros do acampamento. Uma missão escrota tinha sido feita facilmente por mim um pouco longe dali quando eu decidi dar uma procurada pelo Ryan.
Que horas eram? Provavelmente umas 3 da manhã enquanto eu vagava pela cidade, procurando algum lugar um pouco menos gelado para dormir. Após procurar por algum tempo, acho o que provavelmente era a praça da cidade, redonda com um coreto no meio e vários postes de luz espalhados por aí.
Em alguns desses postes, reparei que tinham luzes de led, enquanto no gramado, algumas árvores de natal podiam ser vistas. Pensei comigo mesmo se era natal... Provavelmente sim, e eu tinha perdido a comemoração no acampamento... Maldita missão inútil.
Vou chutando pedrinhas até o coreto, minha intenção era dormir debaixo daquela proteção que o coreto tinha. A neve que começava a cair não iria me soterrar e me matar durante a noite e isso geralmente era bom para um semideus...
Deitado em um banco no coreto, ouço uma risada escrota, seguida de um barulho de trituração. Cada vez ficando mais alto, isso me deixa atento, já que a praça estava vazia até momentos atrás.
Finjo que estou dormindo. Talvez fosse apenas um mendigo andando por aí, mas meus instintos me diziam outra coisa... Inimigos. Assim que essa informação é processada por meu cérebro, ouço baixinho no sopé de minha orelha Você foi um bom menino? .
Antes de qualquer reação que eu pudesse expressar, sinto uma mão forte agarrando meu pescoço e me levantando cada vez mais... Meus pés já não alcançavam o chão quando o meu inimigo colocou a mão em um saco estranho e disse Presente para você! colocando uma esfera explosiva no peitoral de minha armadura. Sinto uma explosão me arremessar para trás, longe do coreto. Aterrisso no chão com a boca, preenchendo-a com uma mistura de terra e neve. Fico realmente bravo e pronto para matar o meu oponente que consigo reconhecer agora de longe... E bem, era um papai Noel viciado em suplementos e crack. Bizarro.
De repente me toco... Aquele era o monstro que estava aterrorizando crianças no natal, e como todo bom herói, eu tinha que derrota-lo, para salvar a magia do natal.
Minha armadura completa de leão estava bem equipada em meu corpo. Era raro eu tirá-la, e esse evento hoje mostrava o motivo.
Spoiler:

Equipamentos:

Mangual Simples*
Armadura Completa de Leão [Bronze Celestial] ~~
__________________________
Acessórios:
Anel de Devoção [♀]
Tatuagem Grega [Panturrilha Esquerda] {Montante [H]**}
Anel da Vontade//2//
_____________________________
Mochila Comum:

Poção de Cura[Heroico][x2]
Poção de Energia[Mítico][x2]
Spoiler:

* O Mangual Simples possui uma corrente ajustável em: 50 Cm, 1 m e 2 m.

**Essa arma dará um bonûs no manuseio, para meu filho, ficando mais fácil do projeto de Ares matar. 1,70 metros de lâmina com um cabo de 60 centimetros. A montante pode ser guardada nas costas.

*** Utilizando essa coroa o campeão terá sempre ciência das condições de seus aliados, e possui 25% de
bônus em suas passivas relacionadas a luta em conjunta (contra ou a favor de semideuses).

~~ Uma réplica da armadura do cavaleiro de ouro, mas sem nenhum tipo de brecha entre braços, pernas e pescoço. O semideus pode usar a mesma livremente, sem ter nenhuma penalidade, quanto ao formato da armadura.

¹ Arma Favorita: Neste nível além do adaptador, o filho de Ares pode escolher uma arma para ter perícia Por exemplo: Perícia com espadas. Só poderá ser escolhida uma arma para a vida toda do filho de Ares. (+15 PONTOS CORRESPONDENTE A ARMA ESCOLHIDA)

//1// Após ser ferido o campeão de Hera ganhará o efeito vingativo da lança. A cada golpe com essa lança no inimigo, o mesmo é marcado. Suas marcas queimam e dificultam os movimentos do inimigo. Máximo de 5 marcas. O efeito ficará inativo contra marcado oponente depois disso.

//2//O filho de Ares não cairá nos poderes mentais - seja qual for -, com tantas facilidade quanto de costume. Caso tentem usar tais poderes e o mesmo se safe, ele entrará em estado de fúria automaticamente, aumentando seu poder de dano (+5). (+10 VONT)
Penso bem se quero usar a montante contra esse papai Noel bizarro, afinal de contas, ele não aparentava ser muito forte para eu recorrer a minha arma favorita, então saco meu mangual simples com a corrente em 1 metro e começo a girá-lo, enquanto o papai Noel sinistro vem para cima de min. Dou um sorriso de lado vendo aquela bola gorda se aproximando, mal sabia ele que tomaria um ataque de mangual no queixo.
Quando a distância permite, dou um passo para frente para acertar o meu oponente, porém tropeço em alguma coisa que eu supus que fosse uma raíz ou algo do tipo no chão... Ao cair de cara no chão, sinto um peso enorme de algo se chocando em minhas costas. Dou um grito de dor enquanto sinto aquele peso gigante saindo de minhas costas. Contando com minha passiva potência, dou um empurrão no chão e já me levanto, ficando a 2 metros do Noel, e vejo o que me atingiu...  Aparentemente aquele saco pesava 1 tonelada.
Guardo meu mangual no cinto enquanto dou uma recuada para trás. Expulso minha Montante de minha tatuagem e sinto o tradicional peso enorme dela em mãos... Se o Noel queria lutar com armas pesadas, eu iria atender esse pedido para ele, embora a batalha estivesse praticamente ganha agora que eu possuía minha montante em mãos.
Com 1.70 de lâmina, minha montante me conferia um alcance extraordinário contra o meu oponente, então dou um sorriso de lado enquanto encosto a ponta da montante no chão atrás de min.. Porém durante todo esse tempo divagando e trocando de armas, o Noel tinha arrancado uma árvore de natal do chão, e começava a apontar a ponta dela para min... Estranho no mínimo, o que esse idiota estava fazend...?
Com meus instintos de guerra, pulo para o lado no último instante ao mesmo tempo em que uma rajada de espinhos passava onde eu me encontrava de pé momentos antes... ‘Wtf’ penso enquanto vejo o Noel utilizar aquela merda como uma metralhadora.
Busco proteção atrás de um pinheiro enfeitado com as tradicionais luzinhas, e sinto os tiros passarem em volta desse pinheiro. Novamente sorrio, imaginando a frustração do Noel em não me atingir, então ouço um rugido de indignação e um som de madeira se partindo. Presumi que a metralhadora estava sem bala e decidi atacar, saindo de trás do pinheiro... Ou quase.
Enquanto eu estava parado atrás do pinheiro, as luzes natalinas enrolaram minhas pernas e tronco, me imobilizando. Ouço uma risada sarcástica enquanto o Noel contornava a árvore e chegava até min, sorrindo com o saco de presentes no cinto.
Por mais força que eu fizesse, não conseguia sair daquele aperto natalino, e se aproveitando disso, o Noel começou a me surrar na porrada.
Um soco, dois, três... Embora de armadura completa, aqueles socos pareciam golpes de maça em meu corpo, cada um mais doído que o outro, então o Noel tira meu elmo e o joga longe dali, sorrindo com uma cara de escárnio para mim.
Eu não poderia deixar aquela luta se estender desse jeito, ou eu morreria. Então sem pestanejar, convoco 5 dos meus guerreiros espartanos pessoais com Nível 13 - General espartano.
Os cinco espartanos estariam com armaduras completas, lanças longas e escudos e espadas espartanas nas bainhas.
Dou a ordem em alto e bom som ‘Tirem esse mané daqui, e alguém me ajude com essas luzes!’.
Dito e feito, três espartanos começaram a acuar o Noel para longe, enquanto outros dois me ajudavam a sair da árvore com sucesso. Volto à postura normal enquanto pego minha montante denovo... Essa batalha tinha se estendido demais, então começo a correr na direção do papai noel (Que estava longe, sendo acuado por 2 espartanos (um tinha morrido já)). Quando eu estivesse em uma distância perfeita, ativaria Nível 10 - Potência Instantânea para dar um grande salto na direção do velho. Com minha montante em mãos, quando eu estivesse no ar a 2 metros do velho, faria um corte de cima para baixo com Nível 14 - Ataque Perfeito , visando rachar a cabeça dele ao meio.
Dito e feito, o papai Noel explode em poeira, pondo fim a minha batalha.
Me dirijo aos 4 espartanos que restaram e os agradeço pela ajuda, quando um deles fala ‘Senhor, não olhe agora, mas atrás de você naquela casa térrea, tinham duas crianças observando tudo pela janela’.
Puta que pariu. Só consigo pensar na bronca que eu levaria de Quíron caso mortais entendessem o que tinha acabado de acontecer. Então vou até o coreto, tiro minha armadura inteira a guardando na mochila e fico só com as roupas do corpo. Me dirijo até a casa das crianças pegando coragem no meio do caminho. Como filho de Ares, eu era realmente bom em batalhas, porém isso não se estendia ao dialogo com outras pessoas. Ainda bem que eu ganhava certo carisma por ser também um devoto de Hera.
Vou até a janela e vejo as crianças apavoradas, então coloco meu melhor sorriso e bato com os nós dos dedos levemente na janela. 1...2...3...4... Parecia que as duas só iriam ficar ali dentro olhando com espanto para minha face, até que uma foi e abriu a janela levemente, perguntando ‘O que você fez com o papai noel?’.
Olho para as crianças e pergunto o quanto da lenda de Rupert elas sabiam... Segundo as mesmas, elas sabiam tudo, então eu rapidamente falo que sou enviado do papai noel para combater o Rupert que estava tentando se fingir de papai Noel para roubar os presentes das casas das crianças. Então abusando do meu carisma ao máximo, digo para elas ‘essa luta foi necessária para derrotar o impostor. E não sei se vocês sabem, mas hoje é noite de natal. O que estão fazendo acordados? Sabiam que o papai Noel de verdade não vem se a criança estiver acordada né?’ Então todo mundo para a cama. Agora que eu derrotei o falso papai Noel, vocês dormir em paz que acordaram com seus presentes na cama amanha. ’
‘Mas já que você é ajudante do papai Noel de verdade, o que são aqueles homens que te ajudaram faz um tempo? ‘
Tento ao máximo não demonstrar reação à essa pergunta. Raciocinado rápido, dou um leve empurrão na testa da criança que fez a pergunta com o indicador e digo ‘ Então quer dizer que você conhece tudo sobre o Rupert e o papai Noel e não sabe nada sobre os duendes? Sim, aqueles cinco eram duendes que o papai Noel mandou para me ajudarem. Agora sem mais perguntas, vão os dois para a cama, antes que o papai Noel de verdade perceba que vocês estão acordados e não traga presentes. ‘
Vejo as duas crianças ficarem alegres e correrem direto para suas camas, então fecho a janela das mesmas e volto a vagar pela cidade, já que não poderia dormir no coreto com toda aquela destruição em volta. Me pego pensando naquelas duas crianças.. A névoa não tinha funcionado para elas? Será que eram semi-deuses? Bom, de um jeito ou de outro, quando acordarem amanhã, nem se lembrarão do que aconteceu, então posso ir embora de consciência tranquila.


Ativas:
Spoiler:

Nível 10 - Potência Instantânea: Criptoniano pode atingir o ápice de sua potência para UM MOVIMENTO, seja ele, pular uma GRANDE distância, erguer pesos muito superiores ao seu próprio e explodir oponentes com sua força. O uso da habilidade requer 50 pontos de energia e entrará em espera por 4 rodadas.

Nível 13 - General espartano: Criptoniano, depois de invocar tantos espartanos para lhe ajudar, percebeu a crescente admiração dos mesmos por si, então agora ele pode invocar soldados e dar ordens aos mesmos. Os soldados são invocados com armas da época de acordo com a vontade de Crip. Invocará pelotão de até 5 soldados. Custará 30 pontos de energia para ativar a habilidade + 10 de energia POR SOLDADO e durarão por 2 rodadas ou até que seja mortos (+10 de mana por rodada extra de permanência e + 2 por soldado invocado). Todos os soldados invocados obedeceram qualquer ordem dada pelo Semideus. As armas e armaduras sumirão juntamente com os soldados, ao término da habilidade. As ordens deveram ser dadas verbalmente. Tempo de espera 5 rodadas.

Nível 14 - Ataque Perfeito: Esse movimento consiste em um ataque sem defesa, o herói acertará o inimigo sem que ele tenha chance de se defender, este movimento pode ser realizado uma vez por batalha. Por 30 pontos de energia.

Passivas:
Spoiler:

Nível 14 - Carismático II: Como Campeão muitas vezes você será porta voz do Olimpo, assim desenvolve um carisma especial para lhe ajudar em diversas situações. (+11 CHA)
Nível 12 – Regeneração da Matrona III : Sempre que lutar ao lado de seus irmãos, outros campeãos ou mulheres os semideuses irão regenerar 10 pontos de HP e MP por rodada para defenderem seus companheiros.
Nível 9 - Potência: Os heróis dotados desta habilidade possuem uma força sobre-humana. A Potência permite que os heróis pulem distâncias tremendas, ergam pesos volumosos e golpeiem oponentes com uma força apavorante. (+8 FOR)
Nível 9 - Adaptador [Intermediário]: O filho de Ares, deverá escolher dentre três de todas as perícias possíveis para o nível [Intermediário]. Permite que as demais perícias sejam treinadas até o nível [Intermediário]. (+10 PONTOS CORRESPONDENTE A PERICIA ESCOLHIDA)
Nível 14 - Fortitude II: A Fortitude confere uma flexibilidade e vigor muito além até mesmo da resistência heroica normal. O dano que o herói leva diminui consideravelmente e este será capaz de ignorar ataques venenosos e ou outras penalidades. (+16 CON)



Nível 20 - Recompensa Sagrada II: Hera é a deusa das recompensas e bens materiais. Um campeão de Hera tem mais possibilidade de ganhar recompensas como itens e dracmas melhores em missões. ( Sempre ganha + 50% de Dracmas)




[One-Post Aberta] HO! HO! HO! GOOD DAY TO DIE! UVWarK0
#2

Ω Gerrard Fernandes

Ω Gerrard Fernandes
Filho(a) de Quione
Filho(a) de Quione
Ver perfil do usuário
Uma das coisas que me irritavam no acampamento era o fato que mesmo sendo pleno inverno, o sol ainda raiava e tudo continuava quente como sempre. Claro que meu casaco me ajudava, mas desse jeito eu nunca podia levar minha raposa pra passear e ela acabava no chalé fazendo companhia para quem estava lá, mas resolvi fazer uma diferença dessa vez. Como conselheiro eu dou as tarefas do dia de cada um no chalé e libero outros que já haviam trabalhado de mais, em seguida digo que se Quíron for me procurar era para falar que eu estava na clareira tentando entrar em contato com Pã. Dessa maneira ele não iria me incomodar.

Coloco meu Casaco Glacial, tomo uma Poção de Energia [Heróica] para me sentir mais descansado e pego meus acessórios(pingentes, anéis, etc). Não pego nenhuma arma pois não estava planejando enfrentar ninguém e qualquer coisa eu poderia invocar uma lança e usar da neve que caía na rua. Seguro Diana em meus braços para mante-la resfriada enquanto saímos do acampamento. Cuido para nenhum sátiro ou para Quíron não me ver para não sofrer encheção de saco ou receber uma missão logo agora. Logo que saímos do acampamento tudo escurece como se estivesse de noite, estava nevando bem forte e as nuvens estavam tapando o Sol, que já estava se pondo de qualquer maneira. Coloquei Diana no chão e fui conversando com ela até Manhattan enquanto aproveitamos da neve e do frio.

Devo ter passado umas boas horas caminhando e conversando com Diana, porque quando eu cheguei na cidade já estava tudo ainda mais frio e a nevasca tinha aumentado assim não tinha ninguém na rua, apenas vários e vários enfeites de natal, já estava tanto tempo no acampamento treinando sem parar que perdi a contagem dos dias, se soubesse que era dezembro nem tinha vindo para cidade, muita cor sem necessidade pro meu gosto.

Durante nossa caminhada pela calçada estava tudo normal até que Diana de repente parou e começou a rosna contra a esquina que estava logo a nossa frente. De inicio eu estranhei mas logo me foquei em tentar ouvir melhor e parecia que um sino vinha em nossa direção, o que era bizarro a essa hora e com essa neve. De repente cruzando a esquina estava um homem vestido de Papai Noel dobra a esquina, deduzo que o que estava incomodando a raposa devia apenar ser o som do sininho de Natal então chamo ela e passamos por ele. Quando passamos por ele eu ouço um HO-HO-HO um tanto desanimado e incomum mas ignoro e sigo em frente.

Erro meu. Logo que estou a alguns passos dele eu ouço um som de pavio e no que me virei para trás me deparei com uma bomba preta vindo em nossa direção. Ainda bem que eu tinha reflexos rápidos e pulei logo para longe, se não tudo podia ter acabado bem ali. Primeira coisa que eu faço é verificar onde estava Diana e se ela estava bem, começo a me preocupar quando não vejo ela em lugar nenhum até que ouço ela falar em minha mente: "Não se preocupe comigo, me escondi num monte de neve. Acaba com o Natal desse cara que eu já to ficando cansada e quero voltar logo".

Logo já puxo meu Apito da Natureza e começo a toca-lo com uma mão enquanto com a outra eu começo a criar uma Granada Gélida, enquanto isso o "Noel" já colocava a mão de na sacola vermelha e pegava numa mão uma espada e na outra mais uma de suas bombas e assim que retira os objetos da sacola que estava ao seu lado o que parece ser o espírito de uma rena chega por trás e com seus chifres ela pega a sacola do Noel e traz ela até mim - irônico, uma rena me salvando do Papai Noel - e logo some atravessando a parede do prédio mais próximo como se ele nem sequer existisse.

-NÃÃÃO! - Gritou duas crianças de uma das janelas de um prédio próximo que estavam olhando o que acontecia, não sei o que a névoa mostrava pra ela mas elas sabiam que o Papai Noel estava perdendo fosse lá como e o porque. Ótimo, além de ter que cuidar no Papai Cruel ali não posso deixar que essas crianças vejam para não acabar com a inocência delas... Bem, pra não acabar TÃO cedo.

Enquanto isso o Noel me encarava enquanto começa uma leve risada que ia aumentando até se tornar quase histérica. Já com o saco enchido daquele hohoho eu comecei a correr na direção dele e nisso ele não se deixa distrair e arremessa sua granada e logo prepara sua espada para mim. O que ele não contava é que nessa neve e graças a pã eu era muito rápido, então assim que ele arremessa a granada eu paro de correr na velocidade de um semi-deus normal e uso todo meu potencial para ficar extremamente rápido. Começo a correr em direção do braço do Noel que segurava a granada mas nesse meio tempo a bomba dele atrás de mim explode, eu contava com uma explosão igual a anterior mas essa foi ainda maior me jogando pra frente, quase em cima do meu inimigo. Por sorte eu tinha reflexos rápidos e por isso consigo realizar uma rolamento assim que toco o chão e também aproveito para “deixar cair” a minha grana do seu lado, mas com isso eu acabo passando do Noel e fica a 1,5m de suas costas.

Depois tudo aconteceu de maneira rápida e ao mesmo tempo. O gordinho se vira já com a espada na mão e pronto para dar um passo para me atacar e também usa os enfeites natalinos pendurados acima (seja lá como) e os arremessa contra mim e então enquanto eu uso Criocinese [Intermediário] para fazer uma parede de neve que nos cobrisse da visão dos garotos ao mesmo tempo que me protegia dos enfeites e que eu explodia a granada que estava a seus pés congelando o Noel por inteiro. Continuo usando a Criocinese para que o gelo que envolvia o Noel transformasse o seu interior em em laminas que cortariam o velhinho do saco vermelho e assim ele se transforma em pó dourado infelizmente a armadura dele segura o ataque então em último desespero eu faço a neve adentrar o seu corpo fazendo-o morrer de hipotermia, sem parar de usar a habilidade eu também transformo a “estatua” que havia restado do formato do noel para fazer com que ela sorrisse e fizesse sinal de ok na direção dos garotos do prédio.

Então assim que cai a parede de neve os garotos se deparam comigo fazendo a clássica reverência de mágico e com um Papai Noel de gelo fazendo um “joinha” pra eles. Com isso os garotos começam a gritar de euforia e a aplaudir até que a mãe deles fecha a cortina da janela desliga a luz, provalmente mandando eles irem dormir porque já era tarde. Nisso Diana sai de um montinho de neve e nós voltamos pro acampamento em paz. Peço desculpas pra ela, porque essa provavelmente ia ser a última vez que iria sair pra caminhar com ela, se era pra isso acontecer toda vez.



Equipamentos:
Equipamento:
Armadura Ateniense Completa
Escudo Médio
Wasaki
Lança Média [Gélida]
Arco Longo Composto [Gélido]
Adaga [Ouro Imperial]
Casaco glacial²
__________________
Acessórios:

Tatuagem Grega [Palma da Mão Direita] {Flechas de Gelo (x99)}
Anel Misterioso do Gelo *
Pingente de Gelo**
Veneno [Paralisante][Forte][50ml]
Braçadeira do Guardião [Capitão]
Apito da Natureza****
Anel do Hospedeiro¹
__________________
Mochila Comum:
Poção de Cura [Heróico] (x3)
Poção de Energia Heroico [x4]
Poção de Energia Mítica [x2]


__________________
Outros:
Chifre de Minotauro [Item pra forja]

__________________

*O PODER PODE SER DESCOBERTO NA PROXIMA MISSÃO QUE FOR

**O pingente faz com que um alvo que esteja a no máximo 5 metros congele por 1 rodada.

¹ Permite a utilização da habilidade Nível 14 - Hospedeiro para Guardiões abaixo do nível requerido. Para os guardiões que já são level 14, a habilidade não terá gasto de HP.

² O casaco é extremamente frio, somente um filho de Quione pode usá-lo. A baixa temperatura é tanta que este emanará fumaça congelada, como a de gelo seco. Isto auxiliará todas as habilidades dos filhos de Quione, fazendo-o não ter penalidades quanto a temperatura, principalmente em suas habilidades (a menos que esteja realmente muito quente) além de dar um grande bônus quanto à velocidade de criação de gelo (que ficará ao critério do narrador, já que a temperatura é ele quem faz)

****Quando tocado, o Guardião Invoca um Espirito da Natureza para lhe ajudar. O tipo de espirito fica a critério do narrador e poderá ser usado uma vez por batalha.

Habilidades a considerar:

Tenente - O Despertar : O herói é agraciado por seu senhor com a maior graça que poderia receber: seu animal guardião. [Espirito Guardião = Coruja.
Característica animal = Ossos Ocos: Os ossos de Gerrards são ocos como de uma coruja, tornando ele mais leve e mais rápido.]

Nível 1 - Flauta: Os guardiões de Pã sabem tocar flauta.

Nível 1 - Espreitar: Toda vez que o guardião causar dano a um inimigo, ele irá marcá-la como sua caça. Sua velocidade de movimento irá se elevar se o herói for pra cima de sua caça e as chances de acerto com ataques de lanças aumentarão em 50%. Só é possível marcar 3 alvos por vez.

Nível 8 - Empatia Animal: Os guardiões conseguem conversar com os animais mentalmente. Isso não quer dizer que os mesmos irão obedecer as suas ordens. ( +5 CHA)

Nível 10 - Velocidade do Caçador: Todo animal caçador é rápido e ágil. Os Guardiões de Pã possuem estas características por Pã ser o Deus da Caça e dos Animais, e eles frequentemente serem mandados em caçadas para seu senhor. (+10 AGI)

Nível 11 - Instinto Selvagem Os guardiões possuem sentidos muito aguçados, podendo ouvir e sentir o perigo se aproximar muito antes do que qualquer um. Isso lhes dão vantagem para esquivar a tempo de não serem atingidas. (+10 REF)

Nível 12 - Aura de Panico: Estando em uma floresta, os guardiões emanarão uma aura de panico fazendo seus inimigos o temerem a ponto de não conseguir reagir a sua presença.

Nível 1 – Filho da Neve: Filhos de Quione são resistentes ao frio. Também enxergam bem em meio a nevascas, e não escorregam facilmente no gelo. (+5 CON, +3 AGI )

Nível 10 – Regeneração Glacial [Intermediária]: Agora podem recuperar ferimentos mais graves, e basta tocar a neve/gelo. Recupera sete pontos de vida.

Nível 12 – Leveza dos Ventos II:
Agora, já mais acostumado com o próprio corpo, os filhos de Quione possuem uma agilidade maior, movendo-se com precisão e tranquilidade. (+16 AGI)

Nível 7 – Criocinese [Intermediário]: Agora você pode manipular o gelo/neve em maiores quantidades, podendo criar ondas de neve, e gelo mais rápido e mais resistente. Gasta 35 de energia. (Requer 10 WIS)

Nível 10 - Camuflagem [II]- A neve criada pelo filho de Quione é ciente que a razão de usa existência é ajuda-lo e protege-lo. Assim, sempre que o filho de Quione estiver dentro de nevascas criadas por ele mesmo a neve ira se comportar de forma em que ele não precise fazer esforço algum para se camuflar, também reduzindo o som de seus passos e diminuindo significantemente a efetividade de detectores de calor.

Nível 10 - Granada Gélida: O filho da neve invoca uma esfera um pouco com seis centímetros de diâmetro que começa a absorver e umidade do ar. Após uma rodada a esfera já tem o tamanho da palma do semi-deus, passando a crescer menos. Se a esfera quebrar ou for "ativada" pelo filho de Quione que a invocou ela congela tudo em em volta (Diâmetro da área congelada = 2 x Rodadas que ficou em espera em metros). Precisa esperar no minimo uma rodada para ser usada. Se não for usada até quatro rodadas depois de ser invocada ela é ativada na quinta, esteja onde estiver. A habilidade não pode ser utilizadas em condições secas ou excessivamente quentes. O uso da habilidade requer 40 pontos de energia e mais 15 pra cada rodada carregando e entrará em espera por 4 turnos.



Nível 8 – Frio Aconchegante [Intermediário]: Os filhos de Quione recebem bônus em seus poderes quando expostos ao frio (+10 FOR, AGI). Eles não ficarão fatigados e adquirem uma maior resistência física (+10CON), porém recebem uma pequena penalidade se expostos ao calor forte (-10 CON). Recuperam 7 pontos de vida e energia quando expostos a temperaturas abaixo de zero graus célsius. [NESSAS CONDIÇÕES]

Parte em negrito sempre ativa devido à:
Casaco glacial²² O casaco é extremamente frio, somente um filho de Quione pode usá-lo. A baixa temperatura é tanta que este emanará fumaça congelada, como a de gelo seco.

Nível 6 – Aura Glacial [Inicial]: O filho de Quione desprende uma aura fria. Neste nível a aura é fraca e serve apenas para amenizar o calor, não causando efeito em inimigos. (+7 WIS)
#3

Dionísio

Dionísio
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
| Missão One-Post Aberta Encerrada |

Criptoniano

EXP Base: 1300

Coerência: 1,0 {de 1,0}
Escrita: 0,9 {de 1,0}
Extras: 1 {valor neutro}
Interpretação: 2,5
EXP a receber: 2600
Dracmas a receber: 3120 (2600 + 20%)


-0 HP e -0 MP {Papai Noel agradece seu trabalho}

Muito bem escrito! Em vários momentos ri do que narrava. Personagem muito bem interpretado, história bastante coerente. Parabéns!


Ω Gerrard Fernandes

EXP Base: 1100

Coerência: 0,75 {de 1,0}
Escrita: 0,75 {de 1,0}
Extras: 1 {valor neutro}
Interpretação: 1,5
EXP a receber: 928
Dracmas a receber: 928


-0 HP e -0 MP {Papai Noel agradece seu trabalho}
- Poção de Energia [Heroica]


Achei um pouco forçado as crianças acreditarem nessa de mágico, comemorando e parabenizando. A leitura estava um pouco cansativa, entretanto a One Post mesmo assim estava boa.

#4

Conteúdo patrocinado


#5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Tópicos similares

-

» Regras do RPG

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum