Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Resto do Mundo » Resto do Mundo » 

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 2 de 5]

Quione

Quione
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
Jack pediu um lanche e agradeceu a moça, educadamente como os humanos normais faziam. Assim, começou a comê-los. Tobi disse umas palabras profanadas e de repente se levanta. Estica seu braço e pega uma maçã que estava bem em cima do carrinho, uma das aeromoças o olhava friamente.

— Você sabe muito bem o que eu quero. Estarei no banheiro. — Tobikaze sussurou ao ouvido de uma delas.

A aeromoça que o olhava seriamente disse sem vacilar a voz e com um olhar desafiador.

— A maçã custa 5 dólares. — disse a aeromoça arrogante.

— Não... Deixa pra lá... — disse com cara de nojo a aeromoça que Tobikaze a mordeu na orelha — E o senhor, deseja algo? — sua voz já se distanciou, falava com o homem a duas fileira atrás.

Ashe que estava dormindo tinha acordado bem na hora do acontecido... Levantou sua máscara de dormir.

— É... Bela jogada campeão. — Ashe disse asquerosa, seu ódio aos homens só aumentava, ainda mais com um ego desse tamanho que acabara de ver.

Ashe nada riu e apenas ficou séria, pôs de novo sua máscara para descansar os olhos e encostou-se na poltrona. Jack, por si só, não parava de rir enquanto comia. Estava pronto a acabar, quando sem querer derramou em cima de suas pernas o resto do suco de laranja que sobrava no copo. Tobikaze soltou um sorriso, e deu aquela mordida na maçã. Agora Jack via-se obrigado a ir ao banheiro. Levantou-se e andou pelo corredor em direção ao toalete.

(...)

Tobikaze não conseguia dormir, até porque, não poderia dormir agora. Ashe já estava dormindo, e Jack estava fora, ele era o único a ficar de vigia. Olhava para os lados ansiosamente querendo que a viagem acabasse logo. Olhava para os lados e via os diferentes tipos de rostos... As vezes passava os olhos num mesmo rosto, desconfiado. Olhando notou um homem estranhamente suspeito.

O homem trajava uma túnica branca, e em sua cabeça, um pano cinza escuro a escondia. Ele era estranhamente quieto e não se movia. Muito menos seus olhos, que mesmo olhando fixamente para um ponto parecia observar todos ao redor. Ele estava sozinho na fileira de três bancos, e sentava no meio. Aeromoças passavam apressadamente pelo corredor, pareciam cansadas e aflitas... Uma forte energia negativa estava naquele local. Poderia estar havendo algum tumulto no fim do corredor, indo na direção da cauda do avião.

Enquanto isso...

Jack terminava de sacudir seu pinto urinar quando sentiu um forte cheiro... Não, não era o cheiro de sua urina, era um cheira estranhamente familiar. O banheiro não era apertado como o dos outros aviões. Quíron havia comprado as passagens de classe A. O banheiro, limpo e luxuoso devia medir uns 10m2. Nele até havia um box, escondido por paredes de vidro negro e uma porta de rolamento automático. Mesmo sendo uma porta automática, ela estava estranhamente aberta. Estava uns 20% mais aberta do usual. Jack foi até a pia e se olhou no espelho. A luz do banheiro oscilou com algum estrondo do lado de fora. Jack pareceu assustado, e ficou ainda mais quando a luz oscilou novamente.

— Senhores passageiros peço que apertem os cintos. Passaremos por uma densa nuvem, sujeita a fortes turbulências. — Jack escutou o som abafado da aeromoça vindo de fora do toalete.

Enquanto a luz do banheiro oscilava, Jack ficava en meio ao banheiro na completa falta de luz... Ou quase. No espelho havia alguma coisa que brilhava quando a luz se apagava. Jack curioso, apagou a luz pelo interruptor e olhou fixamente ao espelho, que tinha em letras luminescente escrito uma mensagem.

I want you

Jack sentiu o forte cheiro mais uma vez, sabia que esse cheiro estava dentro do banheiro. Olhou para o lado procurando algo pelo banheiro escuro e encontrou um par de olhos brilhantes dentro do box, a luz dos olhos era forte o suficiente para ultrapassar a grossa camada negra das vidraças. Subitamente ele se arrepiou e foi obrigado pela tensão do medo a acender a luz novamente, mas quando o ambiente se iluminou, não se via o par de olhos dentro do box.
 
Importante Atualizado:

Foi modificada a interpretação das barras "naturais". Houve uma inversão de valores. Ao invés da barra aumentar a porcentagem, ela irá diminuir, sendo o 0% o estágio crítico. Nos demais, as cores estão iguais.

Foram adicionadas aos seus dados, barras referentes ao nosso sistema biológico:
- Cansaço: Referente ao sono, o desgaste físico e a necessidade de dormir;
- Banheiro: Referente às próprias necessidades de ir ao banheiro;
- Fome: Referente à fome e à sede.
Nota-se que cada barra tem influência na história.

Cada uma das porcentagens terá uma cor específica:
- Verde: Estágio inicial. Não influencia negativamente a história;
- Laranja: Estágio intermediário. Pode haver influências negativas na história;
- Vermelho: Estágio avançado. Grandes chances de atrapalhar sua história.
Corra a um banheiro, descanse e coma alguma coisa antes que chegue ao estágio avançado.

Confiram logo abaixo e tenham uma boa interpretação.

Dados: Atualização 2.3
Ὧ Jack Frost:
HP: 136/136 - 100%
MP: 154/154
Interpretação: 1,2
Cansaço: 65%
Banheiro: 100%
Fome: 95%

Ashe Hawkeye: suspensa por 5 dias.
HP: 163/163 - 100%
MP: 156/156
Interpretação: 1,0
Cansaço: 100%
Banheiro: 50%
Fome: 50%

Tobikaze Minami:
HP: 136/136 - 100%
MP: 136/136
Interpretação: 1,0
Cansaço: 78%
Banheiro: 65%
Fome: 80%



Última edição por Quione em Seg 2 Mar 2015 - 17:02, editado 1 vez(es) (Razão : Nada de importante... apenas TOC mesmo.)





— "LERIGOOOOOU"
#11

Φ Jack Frost

Φ Jack Frost
Filho(a) de Chione
Filho(a) de Chione
Ver perfil do usuário
Ao ouvir o estrondo do lado de fora, a primeira coisa em que pensei foi: Porra. Tobi explodiu o avião.
Mas, aparentemente, não fora isso, então volto a focar-me na minha tarefa de lavar as mãos. Passo um pouco de água no rosto,lavando-o, e suspiro enquanto fecho a torneira, apoio-me na pia e encaro o meu próprio reflexo no espelho. Estava um pouco tenso. Não me sentia bem voando em um avião, ainda mais com uma equipe tão imprevisível como aquela; um filho de Hermes insano e pervertido e uma caçadora que, na primeira oportunidade, poderia atravessar nossas cabeças com uma flecha apenas por sermos homens.

Refletia filosoficamente sobre a origem do universo e o sentido da vida quando a luz oscila e algo no espelho chama a minha atenção. Desliguei a luz experimentalmente, e fiquei surpreso com o que vi.

Encaro a frase ali. Certamente, não era uma pegadinha. Não via câmeras no banheiro, obviamente. Então sinto o cheiro se intensificar novamente, e olho ao redor procurando o que poderia o estar causando, quando... Olhos. Um par de olhos, brilhando como faróis por trás do vidro esfumado do box. Sinto o corpo travar de repente com a surpresa e o medo repentinos, e esforço-me o suficiente para acender novamente as luzes.

Encaro o box, agora sem vestígios dos olhos brilhantes, e cerro o maxilar. É, estava demorando, penso. Puxo da faixa na cintura a minha Katana [Ventania], ainda embainhada, e aproximo-me do box, estendendo a katana, que era mais longa que a outra, e empurro a porta de correr com a ponta da bainha, revelando o que está ali.

Ao menor sinal de perigo, recuo pondo a arma entre o agressor e eu, como defesa. Com Tento, dou meu melhor para analisar o inimigo nos poucos segundos que se decorrerem, e já pensar na melhor forma de aparar seu ataque.

[HABILIDADE ÚNICA] Caminho da Espada – Estilo Ogame - Tento: Mesmo antes de descobrir-se um semideus, Jack já estudava e praticava a arte da espada em um Kendo tradicional. Lá, aprendeu o estilo de luta com espada Ogame; Antigo e tradicional, Oe stilo foi passado de geração em geração por famílias Orientais, e foi aprendido pelo garoto. Sendo um semideus, em especial descendente de Mercúrio, Jack conseguiu dominar e elevar estas técnicas a outros níveis. Sustentado por três pilares (O Corpo (Ôkami, lobo), A Mente (Tento, carpa) e Vontade (Doragon, dragão). O estilo o game é dividido em três níveis de aprendizado:
1. Corpo: Com muita prática, seus movimentos são milimetricamente medidos, sem nenhum desperdício de espaço e/ou força.
2. Mente: É o nível em que Jack se encontra; Consegue, em batalha, limpar toda e qualquer distração de sua cabeça, focando-se apenas em sua própria espada e seus inimigos. Tudo irá se passar, para ele, em câmera lenta, permitindo-lhes ver, assimilar, e responder rapidamente qualquer informação que lhe chegue através dos seus sentidos.



Sempre considerar::
Frieza : Os filhos de Quione tem a personalidade fria. Podem ser confundidos com antipáticos e normalmente são imperiosos. Devido a esta “aura” eles conseguem fazer com que as pessoas acreditem nele e são mentirosos naturais.
Frio Aconchegante [Inicial]: Filhos de Quione tem seus poderes e resistência potencializados quando estão no frio. Recuperam 5 pontos de vida e energia por rodada que permanecerem a temperaturas abaixo de dez graus c°
Perícia Gélida [Inicial]: Confere o nível de pericia [Inicial] para armas com o descritor Gélido. Não permite o treinamento de outras pericias.
#12

Tobikaze Minami

Tobikaze Minami
Filho(a) de Mercúrio
Filho(a) de Mercúrio
Ver perfil do usuário
Por algum motivo desconhecido por mim, meu charme não havia dado certo.. Porém um outro retardado filho de mercurio que manjava dessas paradas um dia tinha me falado 'Nunca desista. Uma hora elas vêm que não vão achar nada melhor'. Sábio Saito... Provavelmente a única coisa que ele já disse que um dia teve sentido.

Após o afastamento de Jack, fiquei de vigia porque Ashe já estava dormindo. Indignadamente, comecei a olhar o lugar em volta e vi um membro da al qaeda.

Me concentrando nele, uso eletrocinese não para controlar eletricidade inicialmente, mas para sentí-la. Uma bomba teria um detonador ligado numa bateria, e eu usaria minha eletrocinese para drenar com cuidado toda essa energia por todo o piso do avião até minha Yin que é elétrica e poderá muito bem absorver essa energia.

Se o cara tivesse alguma fonte de energia, ela estaria desarmada, então sinto que é seguro agir e me levanto, dando uma joelhada sem querer na perna da Ashe para ela acordar e ficar atenta.

O que eu faria? Simples. Iria até a poltrona do lado do allahu akbar e me sentaria lá, olhando para ele e perguntando 'Eaí, de boa?'.
Obviamente ficaria atento para desviar de qualquer projétil que voasse em minha direção ou algo do gênero, como ataques, mordidas, espadadas e cutucões.


http://www.heroisdoolimporpg.com/t881-poderes-e-habilidades-dos-filhos-de-jupiter
http://www.heroisdoolimporpg.com/t887-poderes-e-habilidades-dos-filhos-de-mercurio



Spoiler:
#13

Quione

Quione
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
- Jack... Espere. - Ashe falou acordando desesperadamente - Estou escutando... Uns beeps, tá vindo daquele cara ali! - a garota apontou de leve.

Tobikaze a olhou com aquela cara de “Não me diga...”.

- Esse cara com essa roupa da al quaeda, você acha que ele é o que? - Tobikaze a olhava com desdém.

- Não seja estúpido garoto... Cada vez que conheço mais os homens, mais passo a gostar das vacas. - Ashe foi curta e grossa... Ela parecia não se entender com Tobikaze. - Faça logo seu trabalho, quero voltar a dormir.

Tobikaze começou a usar seus poderes  para manipular a eletricidade de dentro da bomba que ele havia detectado. Mas, aparentemente todo o material da bomba estava envolvido por materiais isolantes. Mas Tobikaze não desistiu. Tentou de todas as maneiras desativá-la, até que ele teve a genial ideia de cortar a eletricidade que passava pelo fio vermelho, fazendo assim a bomba se desligar. Levantou do assento surpreso com seu êxito, e sentou ao lado do estranho cara.

- E aí, de boa? - disse o garoto desconexo.

O homem arábico nada respondeu... Apenas o olhou com estranho ar desconhecido e convincente para Tobikaze, depois retornou a sua devida expressão, fitando o nada. Tobikaze ficou lá parado alguns minutos, sentado ao lado do homem, que pareceu não se incomodar tanto com sua presença. O avião começou a oscilar novamente, e a voz da aeromoça novamente foi atendida. Uma outra aeromoça chegou perto de Tobikaze e disse para que ele voltasse ao seu lugar, e colocasse devidamente os cintos. Tobikaze a obedeceu, sem questionamentos. Sentia que não havia mais corrente elétrica para o funcionamento da bomba, e ficou tranquilo, mas o homem de túnica nada percebeu.

Enquanto isso...

As pernas de Jack bambeavam, ao menor sinal de barulho ele poderia sair correndo, mas sua honra falava mais alto. Com a espada ainda na bainha, a estica, e empurra a porta que deixava seu modo automático e se encontrava no manual. Fazendo força o herói empurra a porta de vidro para o lado, revelando o ser dentro do box. A cena parecia cômica, mas Jack não riu, mas sim se assustou... Foi um inesperado.

Um pequenino ser verde estava nu dentro do box, aparentemente estava tomando um banho, pois estava todo ensaboado. Quando o filho de Quione abriu a porta, todos os dois se assustaram, e com cara de espanto o Duende começou a gritar desesperadamente e consequentemente Jack também começou a gritar, como se fosse uma cena de desenho animado. Rapidamente o pequenino tampou suas partes íntimas com as próprias mãos, e não parava de gritar.

Grito:

Um grito estridente ecoava por todo o banheiro deixando Jack assustado... Jack ficou desconcertado e como se fosse uma coisa normal, prendeu a espada de novo e tampou os olhos para não ver o que estava vendo. O silêncio pairou ali. Jack abriu os olhos novamente e lá estava o duende, nu, mas agora com uma expressão divertida e irônica. Num estalar de dedos, magicamente o duende pareceu vestido, e abriu um largo sorriso.

Duende:

Jack empunhava a espada já desembainhada na direção do duende, para manter distância. O monstro verde levanta uma das mãos e faz surgir uma bola de fogo. Mais uma vez ele estala os dedos, e magicamente a luz do toalete se esvaiu. Jack via a sua frente apenas a bola de fogo, flutuando ou em cima da mão do duende, isso ele não saberia dizer. Os olhos do duende não estavam brilhando como antes. O jovem olha para o lado, e fixa seus olhos no vidro novamente, pois lá tinha outra mensagem.

“I am behind you”. Imediatamente Jack olhou para trás e na mesma hora levou um grande susto, ficou tão assustado que tropeçou com os pés ao se afastar e caiu em frente o vaso sanitário. A imagem percorria em sua mente a todo o momento, lhe assustando.

Imagem do susto:

Jack permaneceu imóvel no chão, sentado abraçando os joelhos como uma criança. A imagem vinha em sua mente toda hora.

Leiam:
Eu apenas lerei as habilidades ativas se elas forem devidamente mencionadas com destaque na narração... Não quero perder meu tempo lendo e relendo para tentar achar o NOME da habilidade ativa que foi usada. Passou essa vez, mas dá próxima não perderei meu tempo tentando achar o nome da habilidade ativa.

Vou repetir mais uma vez, caso queiram que eu CONSIDERE alguma habilidade passiva, faça o mesmo, informe seu nome com um destaque, porém, diferentemente da habilidade ativa, para as passivas quero que sejam postas suas descrições.

Desde já, agradecida.

Dados: Atualização 3.5
Ὧ Jack Frost:
HP: 130/136 - 95,6%
MP: 154/154
Interpretação: 1,3
Cansaço: 62%
Banheiro: 99%
Fome: 92%

Ashe Hawkeye: suspensa até o dia 7 de Março.
HP: 163/163 - 100%
MP: 156/156
Interpretação: 1,0
Cansaço: 100%
Banheiro: 48%
Fome: 48%

Tobikaze Minami:
HP: 136/136 - 100%
MP: 96/136
Interpretação: 1,0
Cansaço: 75%
Banheiro: 60%
Fome: 75%





— "LERIGOOOOOU"
#14

Φ Jack Frost

Φ Jack Frost
Filho(a) de Chione
Filho(a) de Chione
Ver perfil do usuário
Pergunto-me o que está acontecendo comido. Eu deveria causar, e não sentir medo. Tento recuperar meu controle mental. Fecho os olhos por um momento, e lembro-me da minha música preferida; Música que resumia bem a minha vida.

"Raised by wolves
Stronger than fear
If I open my eyes
You disappear"

Cantarolo a música. Você é um Centurião romano, digo para mim mesmo. Criado por lobos. Não sobreviveu a Lupa e seu bando pra tremer de medo agora. O medo não tem vez.

Abro os olhos, levantando-me, substituindo o medo pela raiva, e intensifico minhas auras gélidas, somando à minha aura natural minha frustração e vergonha. Bem como a intensa aura do Casaco Glacial. Começo a Acumular energia na mão esquerda, e concentro-me em deixar o quarto tão frio como no meio de uma Nevasca, reduzindo ainda mais a temperatura ali. Sendo um ambiente fechado, com metade do alcance da habilidade, creio que o efeito seria duplicado.

Eu vou falar apenas uma vez — Digo no meu tom mais frio e cortante — Você tem três segundos para ligar a luz.

Ergo a katana, apertando seu punho. Àquela altura todo o banheiro devia estar sendo lavado por uma ventania, gerada pela espada encantada. Esperava contar com o frio e com os ventos para gerar pressão psicológica no inimigo. Afinal de contas, se sou suscetível ao medo, ele também será. Em um ambiente fechado e tomado pelo frio, aos poucos ele congelaria.

Se a luz se acender e ele surgir, aponto a mão imediatamente para ele, librando a energia acumulada, usando Criocinese para congelar-lhe as juntas dos joelhos.

Quem é você e o que quer aqui? — Pergunto, fazendo o gelo crescer por suas pernas.



Caso a luz não se acenda... ergo a mão e abro-a, liberando a energia acumulada na forma de... Neve. Crio a partir de minha mão um turbilhão de leve, espalhando-a pelo recinto, e usando minha Criocinese para sentir tudo o que ela tocar. Tendo identificado o maldito, eu invoco uma adaga de gelo naquela mão, uma Kunay, mais especificamente, e disparo-a contra deu peito.

Fico sempre atento, na medida do possível, com os instintos e sentidos aguçados ao máximo. Tento enxergar algo sob o brilho da lâmina de Bronze Celestial, e a qualquer sinal de movimento hostil eu recuo brandindo a espada em sua direção.

*Casaco glacial: O casaco é extremamente frio, somente um filho de Quione pode usá-lo. A baixa temperatura é tanta que este emanará fumaça congelada, como a de gelo seco. Isto auxiliará todas as habilidades dos filhos de Quione, fazendo-o não ter penalidades quanto a temperatura, principalmente em suas habilidades (a menos que esteja realmente muito quente) além de dar um grande bônus quanto à velocidade de criação de gelo (que ficará ao critério do narrador, já que a temperatura é ele quem faz)

***A katana, quando desembainhada, faz com que brisas soprem no local, quanto mais causar danos, mais fortes ficam as brizas.
Habilidades Usadas/Úteis:

Aura Glacial [Inicial]: O filho de Quione desprende uma aura fria. Neste nível a aura é fraca e serve apenas para amenizar o calor, não causando efeito em inimigos

Regeneração Glacial [Intermediária]: Agora podem recuperar ferimentos mais graves, e basta tocar a neve/gelo. Recupera sete pontos de vida.

Frio Aconchegante [Intermediário]: Os filhos de Quione recebem bônus em seus poderes quando expostos ao frio (+10 FOR, AGI). Eles não ficarão fatigados e adquirem uma maior resistência física (+10CON), porém recebem uma pequena penalidade se expostos ao calor forte (-10 CON). Recuperam 7 pontos de vida e energia quando expostos a temperaturas abaixo de zero graus célsius. [NESSAS CONDIÇÕES]

Acúmulo Quando desejar, o filho de Quione poderá cerrar uma das mãos e acumular nela certa quantia de energia, que poderá utilizar para melhorar qualquer uma de suas habilidades com gelo. Sua mão desprenderá uma leve névoa e ele terá de mantê-la cerrada durante todo o tempo e caso receba um golpe fatal a energia se desfaz. Requer que o semideus tenha, pelo menos, 30 pontos de Energia para ser utilizado (os pontos não serão consumidos).
[ht]
Nevasca [Inicial]: Os filhos de Quione fazem a temperatura cair 5º C, em um raio de 20 metros de si. Gasta 25 de energia, e não é muito forte. Dura apenas duas rodadas.Entrará em espera durante 2 rodadas.

Criocinese [Intermediário]: Agora você pode manipular o gelo/neve em maiores quantidades, podendo criar ondas de neve, e gelo mais rápido e mais resistente. Gasta 35 de energia



Sempre considerar::
Frieza : Os filhos de Quione tem a personalidade fria. Podem ser confundidos com antipáticos e normalmente são imperiosos. Devido a esta “aura” eles conseguem fazer com que as pessoas acreditem nele e são mentirosos naturais.
Frio Aconchegante [Inicial]: Filhos de Quione tem seus poderes e resistência potencializados quando estão no frio. Recuperam 5 pontos de vida e energia por rodada que permanecerem a temperaturas abaixo de dez graus c°
Perícia Gélida [Inicial]: Confere o nível de pericia [Inicial] para armas com o descritor Gélido. Não permite o treinamento de outras pericias.
#15

Tobikaze Minami

Tobikaze Minami
Filho(a) de Mercúrio
Filho(a) de Mercúrio
Ver perfil do usuário
Não tinha lá muita coisa que eu pudesse fazer ali no avião, e embora eu achasse que Jack estava demorando, não via motivo para me preucupar por hora. Se ele não aparecesse nos próximos 10 minutos eu iria ver se ele tinha entalado no vaso.

Mas nesse meio tempo eu poderia coletar informações. Vou até a cadeira da ponta e balanço o braço, chamando alguma aeromoça ou algo do genêro.
Assim que ela chegasse, eu perguntaria se eu poderia conversar com o piloto para fazer algumas perguntas. Simples e direito.
Caso eu realmente não pudesse, perguntaria para a aeromoça mesmo 3 perguntas.

1- Assim que o avião aterrissa e os passageiros saem, o que vocês fazem? Sei lá, eu vejo vocês aeromoças como um tipo de robô que mora aqui dentro *Sorrio de lado* explica ai para mim.
2- O aeroporto em que aterrissaremos, só tem aviões de grande porte? Deve partir dele alguns aviões de paraquedismo ou similares, pequenos e tal.
3- Que horário do dia chegaremos ao nosso destino?

Após ela responder minhas perguntas (ou o piloto, vai que eu esteja com sorte) volto até o árabe. Eu realmente estava sem o que fazer e queria ver de perto o Allahu Akbar fail. Pego o celular que Quíron tinha me dado e já deixo o modo câmera ligado, preparando o mais novo hit do Youtube.
Tento puxar um papo do tipo 'Você fala minha lingua?' 'Gosta de cupcake?' 'Ta fazendo o que nesse avião?'
Novamente, fico atento à qualquer coisa do tipo beliscões, furadas de olho croques e cutucões.



Spoiler:
#16

Quione

Quione
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
Jack não aumenta a potênciade sua aura gélida, como ela também se intensifica por causa de seu estado emocional, que por si pelos acontecimentos ficou irritado e frustrado. Levantou-se do chão e ficou a observar o nada, no escuro. Usou seu poder para fazer com que todo o ambiente fosse tomado por uma nevasca, que por ter sido num ambiente relativamente menor e fechado, ganhou certa potencialização.

— Eu vou falar apenas uma vez — Digo no meu tom mais frio e cortante — Você tem três segundos para ligar a luz.

O Duende assustado passou a conhecer o poder de seu oponente, em questões de milésimos a luz se acendeu, revelando o Duende trajando um grosso casaco. Ainda em suas mãos estava a bola de fogo que antes Jack não saberia dizer se o Duende permanecia segurando-a, mas agora pode confirmar. As chamas da bola oscilavam fortemente, era como se um forte vento estivesse presente mesmo dentro de um ambiente fechado, mas na verdade sim, até mesmo dentro do cômodo uma ventania meio gélida soprava. Jack encostou em sua Katana para desembainhá-la mas antes notou algo diferente.

A pedrinha preciosa que Quione havia posto em sua Katana como presente, outrora parecia apenas um diamante, mas agora ela brilhava fortemente. O diamante parecia ter "recarregado suas forças" quando exposto ao frio, sendo ao frio em geral, seja pela ventania que de certo modo é gelada ou até mesmo pela aura glacial do próprio dono. Jack enfim a desembainhou, e o que aconteceu já podia ter sido o esperado. Devido a tamanha força acumulada pelo diamante, assim que ela foi liberada, se fundiu ao elemento da espada, Ventania. Esse elemento mágico foi anulado, não para sempre, só até o diamante liberar sua energia.

A própria Katana começou a emanar um próprio vento, que por si só tinha a velocidade demasiadamente lenta, porém se espalhava rápido no local fechado. Jack podia sentir que não era uma simples ventania comum. Conforme o vento espalhava, tudo que ele tocava se congelava, transformando-se em puro gelo, assim como o olhar da Medusa transformar as pessoas em pedra. Em poucos segundos todo o cômodo havia sido tocado pelo vento, que outrora fora um toalete comum, agora parecia um banheiro feito de cristal, ou melhor, de gelo.

Nada de normal sobrou no banheiro, tudo havia se transformado em gelo, inclusive o Duende a sua frente. Jack olhou para a Katana e viu que o brilho do diamante se esvaiu, perdendo sua luminescência. Jack ficou a fitar seu próprio reflexo nas paredes de cristais. Até mesmo a bola que outrora fora de chamas, agora era de gelo, e estava caída e rachada ao pé do Duende. Jack se assustou quando ouviu batidas na porta.

— Senhor, precisamos que volte ao seu assento, não é seguro. Saia do banheiro e volte a seu assento e coloque os cintos.

Enquanto isso...

Tobikaze parecia ansioso por alguma coisa em seu banco... Olhando sua "amiga" Ashe, dava-lhe uma aflição por ela estar totalmente despreocupada com tudo, mas na verdade, ela nem se quer estava acordada para pensar em se preocupar com algo. Retirou-se do cinto do banco, e mudou de lugar indo para o assento do corredor. Levantou um braço e chamou uma das aeromoças que estava distante. A aeromoça veio preocupada e desde que saira do seu lugar ficou a fitar o jovem. Enquanto a linda jovem andava, o avião pegou uma leve turbulência, contudo a luz do avião oscilou. No meio do caminho a jovem olhou para trás em busca de outra aeromoça, e como resposta uma de suas companheiras gesticulou com uma das mãos um sinal positivo. A aeromoça parecia tranquilizada, continuou a andar. Chegando ao lado do jovem.

— Aqui, deixa eu te fazer uma pergunta... Tem alguma possibilidade de eu falar com o piloto agora? — disse parecendo curioso.

— Desculpe, o avião está passando por turbulências e além do mais o piloto só sai da cabine — a aeromoça apontou para baixo, onde ficava o andar da cabine — quando pousamos... Seja lá o que quiser perguntar, talvez eu saiba.

— Ah então vou peeguntar a você mesmo. — pareceu um pouco desapontado.

— Pois não senhor? — disse a aeromoça ao jovem.

— Assim que o avião aterrissa e os passageiros saem, o que vocês fazem? Sei lá, eu vejo vocês aeromoças como um tipo de robô que mora aqui dentro. — Tobikaze solta um sorriso maroto do canto da boca — Explica ai para mim... — continuou.

A aeromoça o fitou sem jeito... Ficou desconcertada, talvez tivesse passado pela sua cabeça que Tobikaze a chamaria para sair logo após o desembarque, mas não... Coitada da pobre iludida.

— Bem... — arrannhou a gargante e tossiu — Eu logo tornarei a a Long Island, nesse mesmo avião. Assim que pousarmos o avião será reabastecido e ficará umas horas de no ócio, e logo partirá de volta. — ela olhou para trás e tornou a encarar o jovem. — Bom, minhas amigas eu não sei, mas eu sim.

— Ah sim... — parecia não se importar muito com o que ela falava — Mas então, o aeroporto em que aterrissaremos, só tem aviões de grande porte? — Deve partir dele alguns aviões de paraquedismo ou similares, pequenos e tal pensou.

— Creio que não senhos, mas pra que a dúvida? — antes mesmo que Tobikaze pudesse responder algo deu errado no avião.

A aeromoça desequilibrada saiu de cena dizendo:

— Ponha os cintos de segurança senhor, agora. — saiu desesperada voltando a sua cabine.

No meio do caminho ela olhou para trás e viu um homen em pé andando pelo corredor, de longe mesmo ela gritou.

— Hey senhor! Apresse-se, sente em seu lugar e ponha os cintos. — disse a aeromoça abafada com a situação.

Jack estava um pouco eufórico com tudo isso, e partiu rapidamente para sua fileira se sentando ao lado do Tobikaze, que estava entre ele e Ashe. Ao som de um beep, todos moveram suas cabeças para um pequeno painel que ficava acima, olhando as imagens e os símbolos, os indicavam para que apertassem os cintos e mantivessem a calma.

— Caros passageiros, perdemos parte da potência de uma das turbinas. Peço que mantenham a calma e sigam as instruções que lhes foram passadas. — a voz vinha dos auto falantes, era a do próprio piloto. — A boa notícia é aue estamos prestes a chegar no aeroporto de Ottawa.

O silêncio do pânico pairou no avião. Alguns murmuravam preces, outras abaixavam a cabeça. A situação estava feia, mas mesmo aquele mulçumano parecia calmo demais.
 
Dados: Atualização 3.3
Ὧ Jack Frost:
HP: 136/136 - 100%
MP: 129/154
Interpretação: 1,3
Cansaço: 55%
Banheiro: 99%
Fome: 93%

Ashe Hawkeye: suspensa por 5 dias.
HP: 163/163 - 100%
MP: 156/156
Interpretação: 1,0
Cansaço: 100%
Banheiro: 48%
Fome: 45%

Tobikaze Minami:
HP: 136/136 - 100%
MP: 136/136
Interpretação: 1,0
Cansaço: 76%
Banheiro: 60%
Fome: 78%





— "LERIGOOOOOU"
#17

Φ Jack Frost

Φ Jack Frost
Filho(a) de Chione
Filho(a) de Chione
Ver perfil do usuário
Olho pro banheiro congelado e penso: Mãe. Na boa. Te amo.



Após dar um jeito de sair pela porta de trincos congelados do banheiro, juntei-me aos meus amigos.
O que está acontecendo? — Pergunto ao ver o clima de tensão e ansiedade de todos os presentes. Tento manter-me calmo e avaliar a situação que me for relatada da melhor forma possível.

Vejo e ouço uma aeromoça falar com um homem de vestes muçulmanas, parado no meio do corredor, e imediatamente tomo-o como uma ameaça. Monstro? Louco? Terrorista? Levo a mão às espadas instintivamente, porém não as puxo da bainha. apenas avalio cada movimento dele, desde um piscar de olhos ao tremer de um dedo. A qualquer sinal de ofensividade, eu ergo uma mão, e com Criocinese congelo os dedos dele, deixando-os imóveis e duros como petra, putrefazendo-os à morte.

No mais, ouço o anuncio do piloto sobre a força perdida me uma das turbinas, e imediatamente sinto um aperto no peito. Não tinha medo da altura, ou da queda do avião. Mas e se fosse minha culpa? Talvez ao congelar acidentalmente o banheiro, o gelo tenha ido mais longe do que eu havia imaginado, ao ponto de comprometer o funcionamento dos sistemas hidráulicos e mecânicos da aeronave. Fecho os olhos por um momento, tentando manter a calma. Eu poderia voar sem problemas até o chão, com meus amigos, mas e os demais no avião?

Caso nada aconteça eu apenas fico sentado. Ignoro os avisos para colocar o cinto. Em casos de emergência eu teria de agir, e o cinto apenas me atrapalharia.

Criocinese [Intermediário]: Agora você pode manipular o gelo/neve em maiores quantidades, podendo criar ondas de neve, e gelo mais rápido e mais resistente. Gasta 35 de energia.



Sempre considerar::
Frieza : Os filhos de Quione tem a personalidade fria. Podem ser confundidos com antipáticos e normalmente são imperiosos. Devido a esta “aura” eles conseguem fazer com que as pessoas acreditem nele e são mentirosos naturais.
Frio Aconchegante [Inicial]: Filhos de Quione tem seus poderes e resistência potencializados quando estão no frio. Recuperam 5 pontos de vida e energia por rodada que permanecerem a temperaturas abaixo de dez graus c°
Perícia Gélida [Inicial]: Confere o nível de pericia [Inicial] para armas com o descritor Gélido. Não permite o treinamento de outras pericias.
#18

Tobikaze Minami

Tobikaze Minami
Filho(a) de Mercúrio
Filho(a) de Mercúrio
Ver perfil do usuário
Pouco me importo com a turbina parar de funcionar, pois caso o avião comece a cair meu querido irmão Jack das botas iria me salvar.

'Assim que pousarmos o avião será reabastecido e ficará umas horas de no ócio, e logo partirá de volta'
Falo isso com voz de falsete para Jack, seguido de 'Seguinte, hora de por o plano em prática. Assim que o avião pousar temos que nos esconder no banheiro provavelmente ou até nos compartimentos de carga em cima das cadeiras. Assim que as turbinas forem ligadas e o avião estiver no céu, a gente sai e rende o piloto, indo direto para onde a escoltada está. Então... Quem tá comigo?'

E irmão(falo para jack), relaxa que eu já desarmei a bomba do cara ali. Sim, aparentemente ele ia explodir a porra toda...

Agora algo realmente me preocupava.

Essa crise na turbina possívelmente nos impediria de roubar o avião rapidamente, pois assim que ele pousasse, teria que passar por reparos...

Comunico isso para o Jack e espero a resposta dele. Poderíamos esperar um tempão, ou poderíamos seguir viagem... A segunda opção não me agradava.



Spoiler:
#19

Quione

Quione
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
Jack andava pelo corredor quando escutou a aeromoça falando com ele, pedindo para que ele fosse rapidamente se sentar. O jovem olhou ao redor para se certificar que era com ele mesmo que ela estava falando, e confirmou, ao notar que era o único em pé ao corredor. Jack deu os passos finais até chegar ao seu assento.

Tobikaze procedeu avisando Jack que tinha um cara estranho no avião, que na verdade era um terrorista... Com um ar arrogante disse que já tinha dado um jeito e que o amigo não precisaria se preocupar. Jack ficou a fitar o terrorista que sentava algumas fileiras depois a direita. Ashe acordou no meio de um solavanco que o avião teve, todos do avião ficaram assustados, murmúrios ouviam-se em todos os cantos.

Ashe gostou da ideia de Tobikaze assim que ele a contou... Meio sonolenta, apesar de não gostar de estar com seus parceiros homens, concordou com a ideia do filho de Mercúrio. Ashe estava meio despreocupada com o avião, sabia que mesmo se algo de ruim acontecesse, eles conseguiriam sair vivos.

Uns minutos se passaram e mais uma vez a voz do piloto soou pelo alto falantes.

— Passageiros mantenham a calma... Em menos de alguns minutos teremos de fazer um pouso forçado no aeroporto, mesmo a pista não tendo condições para pouso, nós não temos condições para voar por mais tempo. — disse seriamente o Piloto.

De repente um barulho ouviu-se vindo do fundo do avião. Barulho de tiro. Todos ficaram os passageiros ficaram sem entender. As aeromoças infelizmente viam-se na obrigação de ir no fundo do avião ver o que havia acontecido, logo foi um alvoroço entre as aeromoças. Subitamente o muçulmano se levanta de seu assento calmamente como se nada estivesse acontecendo... Talvez aquele tiro no fundo do avião fosse uma distração para o terrorista colocar seu plano em prática.

O homem, já velho, andou em direção a cabine onde não havia mais aeromoças, e se direcionou a frente de todos os outros passageiros. Pegou o mic do auto falante e pronunciou uma frase totalmente desconhecida para os americanos nos aviões. Levantou uma das mãos para o alto, mostrando a todos um aparelho que seguriva firme. Seu polegar estava avidamente levantado. Todos podiam perceber seu rosto de aflição e prazer ao mesmo tempo. Em questão de milésimos ele demonstrou medo no rosto e murchou os olhos, subitamente apertou o botão. Mas nada aconteceu.

Ele abriu os olhos assustado, nervoso e irado continuou tentando a apertar o botão sequencialmente, sem interrupções, mas nada acontecia. Em sua língua árabe xingou até mesmo os deuses por aquilo. As aeromoças de longe o olhavam mas já tinham entendido a situação, correram até ele. Pelas escadas do andar de baixo subiram seguranças, que abordaram o terrorista.

Tudo isso acontecia enquanto o avião desequilibradamente descia em direção a pista de pouso.

Enfim, o avião chegou a pista e conseguiu fazer um pouso quase seguro. A torbina direita estava completamente sem funcionamento, apenas a auxiliar estava funcionando, mas não fazia o trabalho com êxito. O pouso foi como um forte baque no chão. Os pés de pouso não aguentaram a batida e imediatamente se quebraram, o avião foi deslizantes pelo pista molhada. Por sorte não houve maiores danos.

Sirenes ouviam-se em todos os locais, ambulâncias chegavam rapidamente em torno avião, paramédicos já se posicionavam caso houvesse alguém ferido no avião. Por milagre ninguém havia saído ferido.

O trio pensou em ficar dentro do avião, mas as circunstâncias não eram boas... Ficar lá e esperar o avião ser concertado levaria dias, até mesmo semanas. Então todos se viram obrigados a sair do avião, eles não tinha opção. Desceram a grande escadaria móvel e ficaram parados alguns metros próximo a uma ambulância, onde alguns médicos se aproximavam e faziam alguns mínimos examos, para verificar se estavam todos bem. Enquanto eram diagnosticados, Ashe pronunciou.

— Gente, pensem bem... Estamos num dos maiores aeroportos do Canadá, se não o maior... Olhem a sua volta, e o que vêem? — ficaram a olhar a sua volta, observando a diversidade e quantidade de aviões.

Jack e Tobikaze se entreolharam por alguns segundos. Foram despertados por a voz de um segurança, que foi ao encontro deles.

— Senhorita e senhores, se dirijam ao saguão. — disse o segurança.

Tobikaze deu mais uma olhada para trás, e notou novamente a variedade de aviões... Jatinhos particulares, aviões domésticos, helicópteros... E afins.
 
Dados: Atualização 4.3
Ὧ Jack Frost:
HP: 136/136 - 100%
MP: 129/154
Interpretação: 1,3
Cansaço: 42%
Banheiro: 92%
Fome: 85%

Ashe Hawkeye: suspensa por 1 semana, até o dia 17 de Março.
HP: 163/163 - 100%
MP: 156/156
Interpretação: 1,0
Cansaço: 98%
Banheiro: 40%
Fome: 38%

Tobikaze Minami:
HP: 136/136 - 100%
MP: 136/136
Interpretação: 1,1
Cansaço: 71%
Banheiro: 55%
Fome: 72%





— "LERIGOOOOOU"
#20

Conteúdo patrocinado


#21

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 2 de 5]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum