Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Resto do Mundo » Resto do Mundo » 

Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 2 de 3]

Ω Henry Liesdale

Ω Henry Liesdale
Filho(a) de Afrodite
Filho(a) de Afrodite
Ver perfil do usuário
Desespero seria a palavra que definiria minha face naquela situação... Isso se eu não fosse um dissimulador profissional. Aquela flecha que me atingiu estava doendo muito e eu finalmente havia descoberto o que são aquelas garotas. Licantropos. Algo que naquelas condições não poderíamos vencer, afinal, não dispomos de nenhum armamento de prata.

Contudo, isso não queria dizer que estávamos derrotados. Aquela transformação me trouxe uma ideia e tanto e algo me dizia que daria certo. Depois de acalmar a dor que sentia, respiro fundo e em um tom que elas pudessem escutar digo:

- Drácula. Estamos aqui para mata-lo. Parece que foi inútil tentar enganar vocês. De fato, somos bruxas, mas não suas inimigas. Estamos mais para pessoas com um inimigo em comum. E eu tenho informações sobre aquele maldito.

Se as lendas estiverem certas, lobisomens e vampiros são entidades arqui-inimigas. O nome do Drácula ser mencionado certamente tiraria a atenção das duas e dizer que estamos caçando-o deve ser o suficiente para fazê-las refletir um pouco sobre nos matar (coisa que eu ainda quero saber o por quê).

Dependendo da reação das duas continuo contando uma parte verídica da história. Afinal, fomos enviados(as) para pegar o medalhão que ele utiliza, que certamente deve ter algo especial. (Eu apenas diria que nossa senhora nos mandou fazer aquilo, nada de colocar os nomes dos deuses na história, prefiro que pensem que foi uma bruxa mais forte). Certamente seria um passo arriscado e sem volta, pois associar-se com lobisomens faria com que todos os vampiros (suponho que eles existam, pois se os licantropos estão aqui...) se tornem nossos inimigos.

Obviamente aquela encenação toda era também uma meia verdade, pois meu orgulho não permitiria que duas criaturas como aquelas nos humilhassem... Eu eliminaria aquela arqueira com minhas próprias mãos, quando eu estivesse com uma oportunidade, claro. Tento usar o charme de leve em Dylan, pois seu instinto de guerra precisa ser acalmado e ele precisa entender a mensagem. Como filho de Marte ele certamente lutaria até o fim, então confiaria na ancestralidade que ele possui, Mercúrio. Ele entenderia que aquilo era um truque baseado em lábia e ajudaria a persuadir as lobas...

Habilidades Passivas:

Nível 1 - Aparência Agradável: Você tem uma beleza sobrenatural para os padrões de sua era. O Filho de Afrodite tem uma beleza erótica. (+5 CHA)

Nível 2 - Langage de L'amor: Filhos de Afrodite conseguem falar fluentemente o francês, e possuem bônus em suas Habilidades persuasivas quando falam nesta língua. O bônus somente é aplicado se interlocutor compreender francês.

Nível 3 - Luxúria [Inicial]: Você pode despertar o desejo dos outros com apenas um olhar, ou com uma passagem deixando seu perfume no ar. (+5 CHA)

Nível 3 - Perícia com Chicote [Inicial]: Confere nível de perícia [Inicial] para a perícia com chicotes. Permite que o herói treine suas outras perícias até o nível [Inicial]. (+5 AGI)

Nível 4 - Dissimulador: Os Filhos de Afrodite possuem total controle sobre suas emoções e conseguem escondê-las dos demais, tendo maior facilidade para mentir e dissimular seus pensamentos e sentimentos.

Nível 5 - Perícia com Arco e Flechas [Inicial]: Confere nível de [Inicial] para a perícia com arco e flechas. Os Filhos de Afrodite só recebem o nível inicial dessa perícia. Para conseguia os outros níveis, este Campista deverá treinar esta perícia. (+5 MIRA)

Nível 6 - Senhor das Aves: Filhos de Afrodite conseguem se comunicar com aves, e também conseguem obter um grande controle sobre pombos e cisnes (os símbolos de sua mãe).

Nível 7 - Harmonia Intocável: Raramente você irá ser escolhido como alvo de pessoas ou monstros, sua harmonia o protege de ações hostis. (+6 CHA)

#11

Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Empty Re: Henry e Dylan // O conde sangrento.

por Dylan C. em Sex 24 Abr 2015 - 10:38

Dylan C.

Dylan C.
Filho(a) de Marte
Filho(a) de Marte
Ver perfil do usuário
Surpreso, era assim que eu me sentia. Nunca poderia imaginar que essa guerreira fosse um Licantropo, afinal ela parecia ter apenas um grande "talento" de lutar. Eu me senti fraco perante ela, sem poder fazer nada para confronta-la, afinal o que eu poderia fazer se até mesmo minha lâmina se tornou inútil.

Eu me sentia completamente frustado, mas senti determinação quando ouvi a voz de Henry, em talvez sua última tentativa para persuadir elas. Um sorriso se esboçou em minha mente, enquanto minha katana era embainhada. Era hora de mudar de atitude.

-- Tudo bem, vocês venceram, conseguiram descobrir quem somos. Bruxas! Em uma missão para nossa mestra, -- de fato eu sempre soube das habilidades que herdei de meu avô, mas nunca tentei usa-las. Essa era a primeira vez que testava minha lábia, e esperava funcionar -- Lobisomens realmente são criaturas majestosas e poderosas, sempre tive facinio por vocês. É realmente uma honra estar na presença de um ser tão poderoso. Como minha amiga disse, estamos atrás do Drácula, ele roubou um objeto precioso para nossa mestra, então temos que pegá-lo de volta, e no processo pode ser que aconteça alguma morte.

Espero que meus dons de | Amizade | e meu | Charme | natural funcionem. De qualquer forma eu fico atento, pois pode ser que elas não queiram conversar.

Passivas:

Nível 3 - Amizade: O filho de Mercúrio assim como o seu pai e capaz de fazer amigos em qualquer lugar que vá, ele tem a lábia muito boa e pode vir a conseguir aliança em batalha com outros seres. (+5 CHA)

Nível 6 – Charme : O Filho de Mercúrio desenvolve um Charme encantador. (+7 CHA)

Nível 9 - Esquiva: O Herói tem reflexos e uma habilidade em esquiva muito avançadas. (+3 REF)

Nível 6 - Instinto de Batalha: O filho de Marte consegue perceber a batalha por um ângulo completo, ciente mesmo dos golpes vindos por suas costas, dando-lhe chance de esquivar-se, defender-se ou mesmo de revidar.

Nível 4 - Filho da Guerra: Em batalha, o filho de Marte dificilmente erra seu movimento, executando quase sempre com sucesso aquilo que nasceu para fazer. (+4 AGI)

Nível 4 - Flexibilidade com Armadura: O filho de Marte, poderá se locomover bem em batalhas, de forma que a armadura não lhe causa algum problema, desconforto ou atrapalhe.

Nível 5 - Comandante de Batalha: Aqueles que lutam a seu lado ganham capacidades extremas. (+5 FOR E AGI PARA OS ALIADOS)

Nível 11 - Guerrear I: Os heróis são os melhores guerreiros no acampamento meio-sangue, sendo mais fortes e rápidos que outros semideuses. (+11 FOR, AGI)

#12

Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Empty Re: Henry e Dylan // O conde sangrento.

por Hera em Dom 26 Abr 2015 - 1:39

Hera

Hera
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
-- Drácula. Estamos aqui para mata-lo. Parece que foi inútil tentar enganar vocês. De fato, somos bruxas, mas não suas inimigas. Estamos mais para pessoas com um inimigo em comum. E eu tenho informações sobre aquele maldito. -- O coração do filho de Afrodite deu um último palpitar.

O suor escorria por sua testa mesmo no frio, e percebeu que não tinha chance alguma em uma batalha corpo a corpo. Até que, a lobisomem destransformou-se, voltando a tomar a forma de mulher guerreira e começou a exclamar em fúria, mas demonstrando mais confusão do que raiva.

-- Pare de mentir!! -- Henry viu uma faísca de esperança brotar no coração da garota, como se ela desejasse muito acreditar nisso, mas os fatos a impedissem. -- Se vocês quisessem matar esse... Esse... Esse MONSTRO! Já o teriam feito, malditas! -- Sentia a dúvida dela, como uma arma prestes a disparar, Henry havia encontrado o gatilho.

-- Tudo bem, vocês venceram, conseguiram descobrir quem somos. Bruxas! Em uma missão para nossa mestra. -- As duas garotas tremiam, como se estivessem vendo algo impossível em sua mente e não conseguissem acreditar. -- Lobisomens realmente são criaturas majestosas e poderosas, sempre tive fascínio por vocês. É realmente uma honra estar na presença de um ser tão poderoso. Como minha amiga disse, estamos atrás do Drácula, ele roubou um objeto precioso para nossa mestra, então temos que pegá-lo de volta, e no processo pode ser que aconteça alguma morte. -- Falou com tanta tranquilidade em seu corpo feminino, que ele mesmo acreditaria nas próprias palavras.

Henry continuou explicando a situação em que se encontravam escondendo fatos que achava desnecessários até que as guerreiras se entreolharam e abaixaram as armas. Ainda não confiavam nos garotos... Ou garotas. Mas decidiram levar Henry e Dylan, para o vilarejo que eles falaram, apenas guiando-os. Mencionaram mais de uma vez que se a qualquer momento os campistas demonstrassem intenção de traição, morreriam em um único instante.

-- É aqui. -- Falou a guerreira assim que chegaram no vilarejo, que por sinal era bem longe, pois o sol já se erguia. -- É bom vocês estarem falando a verdade, ou correrei atrás das duas, arrancarei suas peles e venderei como couro de vagabundas. -- O jeito grosseiro da caçadora não chegava a ser assustador, e sim, sincero.

Se despedindo, deixaram Henry e Dylan sozinhos, mas sem saber o que fazer. Não sabiam onde encontrar Macária, e ficar parado esperando não é típico de semideuses, mas antes que fizessem algo, uma senhora carregando uma carroça passou ao lado delas, resmungando.

-- Vós duas aí! Sedes úteis e ajudai-me! -- Assim que ela falou, reconheceram a Deusa que havia entregue a missão para eles, e seguiram até ela. Ela havia falado em uma espécie de linguagem mais ultrapassada e Henry se questionou por que as lobas não falavam daquela forma.

Ela vestia o mesmo manto e roupa que horas antes, e quando os semideuses se aproximaram, sentou-se em um banco e começou a falar.

-- Bem vindas à Transilvânia. -- Largou o sotaque antigo. -- Vocês estão em uma vila antiga, que teve seu nome apagado da história. Estamos a beira do castelo de Vlad, o empalador, ou como vocês costumam chamá-lo. Drácula. -- Ela apontou para o leste, em uma montanha em que sequer as nuvens ousavam se aproximar, um castelo pequeno e sombrio, com uma força repulsiva que fazia os semideuses desejarem ficar longe.

Spoiler:
Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Dracula-um-classico-do-terror-conde-castelo3

-- Hoje, ao meio dia, vocês devem estar no vilarejo vestidas de empregadas. A esposa do empalador requisita novas servas, já que aparentemente as duas anteriores morreram por hemorragia. Vocês irão fingir trabalhar, e quando o conde dormir, roubar um amuleto que ele carrega no pescoço. -- Ela fez uma pausa, como se mesmo a Deusa precisasse processar que estava enviando dois semideuses em uma missão em que o perigo era desconhecido. -- Esse amuleto me impede de abençoar o povo do país, logo, ninguém tem uma boa morte, e meu poder se enfraquece. Não lutem com ele, aconteça o que acontecer! -- Com esse aviso ela saiu dali, e fingiu ser uma velha idosa em meio ao povo.

Mas aí que surgiu a questão, onde diabos iriam arrumar roupas de empregadas para seus corpos femininos? Como se tudo estivesse acontecendo de forma estranha, um homem saiu correndo pelo meio do povo desesperado. "Lobos!Lobos!" ele gritava, e por um instante pensavam ser mais licantropos. Mas em instantes, no meio da multidão, uma criatura canina avançou contra um cidadão, em uma mordida destroçando seu pescoço.

Aos poucos a quantidade de lobos aumentou, até perceberem que era uma matilha. O povo corria, largando carruagens, produtos. E quando deram por si, as criaturas já avançavam contra os semideuses.

Matilha de 10 cães - 100% - 10 metros deles.



Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Sem_ty10
You keep me under your spell...
#13

Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Empty Re: Henry e Dylan // O conde sangrento.

por Dylan C. em Dom 26 Abr 2015 - 15:44

Dylan C.

Dylan C.
Filho(a) de Marte
Filho(a) de Marte
Ver perfil do usuário
As duas garotas pareceram confiar no que dissemos e concordaram em nos guiar até o vilarejo, e isso de alguma forma me deixou mais calmo. Tomei uma Poção de Energia |Mitica| antes de seguirmos viagem. Caminhamos por um bom tempo até chegarmos ao vilarejo, o sol já se erguia no cêu, em seu total brilho e explendor.

As duas garotas se despediram e foram embora, deixando eu e Henry por conta própria. Já haviamos completado parte da missão, que era chegar até o vilarejo, agora só falta encontrar Macária. "Onde está aquela velha?", pensei.

Uma senhora passou carregando uma carroça, ela vestia um manto negro semelhante ao de Macária. Ela então resmungou algo, o que me deixou desconfiado. Até agora não tinha ouvido ninguém falar assim, nem mesmo as lobas, e pensei em algo. "Seria ela?", pensei.

Me aproximei um pouco dela, então ela sentou em um banco e falou novamente, dessa vez sem o sotaque de antes.

Ela então explicou o que teriamos de fazer. Eu olhava para o castelo ao longe que nem percebi quando Macária saiu.

-- Mais essa agora, onde vamos achar roupas de empregadas? -- falei para mim mesmo.

De repente um homem saiu correndo em desespero, gritando o mais alto que podia. "Lobos! Lobos!" Por um instante eu pensei se tratar de mais Licantropos, mas descobri estar errado quando um grupo de lobos surgiu no meio da multidão, avançando contra qualquer um em seu caminho.

Os lobos então começaram a avançar contra nós, e nesse momento soube que era hora de lutar. Fiquei parado na frente do Henry, com o escudo erguido em frente ao corpo, enquanto pegava uma Esfera Explosiva |Média| usando a mão livre.

Quando os lobos estiverem próximos de mim eu arremesso a esfera contra eles, em um ponto que atinge um grande número de lobos. Aproveitando da explosão eu saco minha katana e avanço contra os lobos, ativo | Ataque Múltiplo | para atacar o lobo que estiver mais próximo de mim, realizando um golpe em seu pescoço, usando o máximo de força que tenho e também minha | Potência |. Aproveito da minha passiva e realizo um | Golpe Duplo | em mais um lobo, atacando também em seu pescoço.

A todo momento fico atento para me esquivar de golpes e também para defende-los, contando com meu | Instinto de Batalha | e com meu | Instinto de Guerra |.

Habilidades Marte:

Nível 1 - Ambidestria: O herói controla armas com as duas mãos com total habilidade.

Nível 1 - Regeneração de Batalha I: Os heróis regeneram 5 pontos de vida por rodada, quando estão em batalha.

Nível 4 - Filho da Guerra: Em batalha, o filho de Marte dificilmente erra seu movimento, executando quase sempre com sucesso aquilo que nasceu para fazer. (+4 AGI)

Nível 4 - Flexibilidade com Armadura: O filho de Marte, poderá se locomover bem em batalhas, de forma que a armadura não lhe causa algum problema, desconforto ou atrapalhe.

Nível 5 - Comandante de Batalha: Aqueles que lutam a seu lado ganham capacidades extremas. (+5 FOR E AGI PARA OS ALIADOS)

Nível 6 - Instinto de Batalha: O filho de Marte consegue perceber a batalha por um ângulo completo, ciente mesmo dos golpes vindos por suas costas, dando-lhe chance de esquivar-se, defender-se ou mesmo de revidar.

Nível 7 - Fortitude: A Fortitude confere uma flexibilidade e vigor muito além até mesmo da resistência heroica normal. O herói recebe um pouco menos de dano, e atenua os efeitos de venenos muito fracos. (+8 CON)

Nível 8 - Instinto de Guerra: Ao enfrentar um exército de inimigos simultaneamente, o filho de Marte recebe bônus em todas as suas capacidades físicas e psicológicas, aprimorando seus reflexos, velocidade, força e precisão. (+10 EM TODOS OS ATRIBUTO SE ESTIVER NESSAS CONDIÇÕES)

Nível 9 - Potência: Os heróis dotados desta habilidade possuem uma força sobre-humana. A Potência permite que os heróis pulem distâncias tremendas, ergam pesos volumosos e golpeiem oponentes com uma força apavorante. (+8 FOR)

Nível 9 - Adaptador [Intermediário]: O filho de Marte, deverá escolher dentre três de todas as perícias possíveis para o nível [Intermediário]. Permite que as demais perícias sejam treinadas até o nível [Intermediário]. (+10 PONTOS CORRESPONDENTE A PERICIA ESCOLHIDA)

Nível 11 - Guerrear I: Os heróis são os melhores guerreiros no acampamento meio-sangue, sendo mais fortes e rápidos que outros semideuses. (+11 FOR, AGI)

Habilidades Mercúrio:

Nível 1 - Sem Atrito: O filho de Mercúrio quando usa suas habilidades não sofrerá atrito com o ar.

Nível 1 - Destreza [Inicial]: O herói é mais rápido, ágil e veloz que os demais campistas. (+5 AGI)

Nível 2 - Fôlego: Os filhos de Mercúrio podem fazer exercícios e atividades físicas que não se cansam tão facilmente. (+5 CON)

Nível 5 - Golpe Duplo: O herói pode dar dois golpes em um post, desde que esteja utilizando armas leves (adaga ou espada curta) . (+2 AGI)

Nível 8 – Regeneração acelerada: Por serem tão rápidos, os filhos de Mercúrio têm um metabolismo extremamente acelerado que necessita de muita energia, no caso alimento, para se manter funcionando. Sendo assim, a recuperação do herói é muito mais rápida que a dos outros semideuses, recuperando sempre 20 pontos de vida e energia a cada 5 rodadas, e necessitando de alimento durante narrações mais do que os outros semideuses. O efeito é cancelado durante batalhas

Nível 9 - Esquiva: O Herói tem reflexos e uma habilidade em esquiva muito avançadas. (+3 REF)

Poderes Usados:

Nível 5 - Ataque Múltiplo: O herói pode atacar mais de uma vez por turno, dependendo da escolha de seus movimentos e de seu nível. Esta habilidade custa 10 pontos de energia para ativá-la e mais 5 pontos por ação extra.


OFF: Desculpe o post ruim, mas estou com um pouco de pressa e se não postasse agora só conseguiria postar amanhã.

#14

Ω Henry Liesdale

Ω Henry Liesdale
Filho(a) de Afrodite
Filho(a) de Afrodite
Ver perfil do usuário
Por muita sorte escapamos das lobisomens. Dylan me deve uma por meu plano genial Manolo

Depois de chegar a uma cidade antiga, Macária dá mais instruções e EXPLICAÇÕES sobre o que está acontecendo. Sendo ela a deusa da boa morte e o pingente do Drácula de alguma forma ter o poder de reduzir seu poder, é natural a preocupação da deusa.  

O fato de termos entrado nesses corpos também é explicado. Era preciso de alguma forma adentrar ao castelo sem chamar a atenção como invasores, afinal, outras entidades certamente habitam o castelo e dois semideuses não seriam capazes de atingir a esse objetivo em suas verdadeiras formas. Mas onde diabos conseguiríamos roupas de empregada em tão pouco tempo?

A situação se complica ainda mais quando vejo um  homem ser brutalmente mutilado por uma matilha de lobos. Realmente, não existe boa morte por aqui, o que me faz imediatamente pensar que, não posso me dar ao luxo de morrer, pelo menos não aqui.

Os animais avançam freneticamente em nossa direção, aparentemente querem nos fazer de vítimas também, mas não estou disposto a permitir isso. Sacando meu chicote, arma com a qual tenho maior perícia, faço alguns estalos que misturam beleza e pavor. Lobos são animais espertos e sabem reconhecer o perigo. Além de Dylan ser muito bom em combate, eles teriam de se preocupar com ataques certeiros de minha arma.

Usarei portanto o chicote para atacar mas adoratei uma estratégia em combate que será útil para meu companheiro e para mim. Ficando de costas para Dylan, deixaria minha retaguarda protegida por ele enquanto eu cuidaria da sua. Uma combinação de ataque e defesa. Em uma situação comum, eu por ser o elo mais fraco, seria a vítima mais constante de eventuais ataques, mas acredito que minha [Harmonia Intocável] deixe a situação mais equilibrada, mandando assim mais oponentes para Dylan, que se fortalece contra múltiplos oponentes.

Deixarei minha espada de prontidão para saque caso seja necessário e usarei caso algum animal se aproxime demais, mirando as regiões laterais, que são ao mesmo tempo que alvos mais fáceis, causam danos consideráveis.

Habilidades Passivas:

Nível 1 - Aparência Agradável: Você tem uma beleza sobrenatural para os padrões de sua era. O Filho de Afrodite tem uma beleza erótica. (+5 CHA)

Nível 2 - Langage de L'amor: Filhos de Afrodite conseguem falar fluentemente o francês, e possuem bônus em suas Habilidades persuasivas quando falam nesta língua. O bônus somente é aplicado se interlocutor compreender francês.

Nível 3 - Luxúria [Inicial]: Você pode despertar o desejo dos outros com apenas um olhar, ou com uma passagem deixando seu perfume no ar. (+5 CHA)

Nível 3 - Perícia com Chicote [Inicial]: Confere nível de perícia [Inicial] para a perícia com chicotes. Permite que o herói treine suas outras perícias até o nível [Inicial]. (+5 AGI)

Nível 4 - Dissimulador: Os Filhos de Afrodite possuem total controle sobre suas emoções e conseguem escondê-las dos demais, tendo maior facilidade para mentir e dissimular seus pensamentos e sentimentos.

Nível 5 - Perícia com Arco e Flechas [Inicial]: Confere nível de [Inicial] para a perícia com arco e flechas. Os Filhos de Afrodite só recebem o nível inicial dessa perícia. Para conseguia os outros níveis, este Campista deverá treinar esta perícia. (+5 MIRA)

Nível 6 - Senhor das Aves: Filhos de Afrodite conseguem se comunicar com aves, e também conseguem obter um grande controle sobre pombos e cisnes (os símbolos de sua mãe).

Nível 7 - Harmonia Intocável: Raramente você irá ser escolhido como alvo de pessoas ou monstros, sua harmonia o protege de ações hostis. (+6 CHA)

#15

Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Empty Re: Henry e Dylan // O conde sangrento.

por Hera em Sab 2 Maio 2015 - 22:38

Hera

Hera
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
Com a matilha de lobos rosnando e avançando em alta velocidade, o filho de Ares é o primeiro a agir. Em meio à todo aquele caos, mesmo com seu corpo feminino ele demonstrou-se tão experiente e poderoso quanto qualquer possível general de batalha da época, afinal de contas esse era o poder que corria no seu sangue... O poder de criar uma carnificina, independente do inimigo. Tirando uma esfera explosiva do bolso os instintos de batalha de Dylan começam a gritar com sede de sangue.

A pequena explosão estourou cerca de 3 lobos e feriu mais alguns, jogando pedaços de sangue e carne em Henry e Dylan, o cheiro metálico característico da hemoglobina misturado com a o aroma podre de órgãos previamente torrados pela bomba deu náuseas nos garotos, mas isso não foi o suficiente para atrapalhar eles.

O filho da Guerra, avançou um pouco sem cautela e atacou um lobo com sua katana, a criatura que já estava ferida, e provavelmente com uma doença no pescoço jorrou pus e sangue no rosto do filho de Marte. Pensar nisso talvez fosse ainda mais nojento mas isso apenas fortalecia o pensamento que Henry tinha, não existia boa morte nesse lugar, e provavelmente não existia nenhuma morte honrosa.

Em um outro movimento, o filho de Marte se viu de costas para Henry, que protegia sua retaguarda, mas mesmo assim, não conseguiu desviar da mordida enorme na chocha (-35) que lhe proporcionou uma dor imensa enquanto o sangue escorria em um vermelho viscoso e sinistro pela sua canela, os gritos de medo das pessoas ao redor tornava a situação mais tensa, mas por sorte, sendo neto de Mercúrio ele conseguiu ser ágil o suficiente para matar este lobo também. Sentia uma dor tão forte que mal podia se aguentar de pé, mas ainda haviam inimigos e um filho de Afrodite não iria derrotar tantos adversários sozinho.

O fato de ser um filho de Afrodite parecia levar a atenção dos lobos toda para o filho de Marte. Vendo que o companheiro tinha levado uma grande mordida, Henry ficou apenas aguardando ataques ao invés de avançar. Um lobo avançou contra ele, imediatamente levando um golpe na lateral do corpo, em um último ganido tendo as tripas escapando com sangue e um cheiro de putrefação, elas saíram dos seu corpo e demoraram um instante até se romperem e o animal falecer. Enquanto isso, outra criatura avançou na direção de Henry, lhe dando com a garra na barriga. O peitoral por sorte ajudou a proteger do ataque e por isso sofreu apenas um arranhão (-10). Os lobos eram mais furiosos e ferozes que criaturas normais, algo estranho de fato estava acontecendo com eles.


Matilha de lobos 4 lobos - 30%



Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Sem_ty10
You keep me under your spell...
#16

Ω Henry Liesdale

Ω Henry Liesdale
Filho(a) de Afrodite
Filho(a) de Afrodite
Ver perfil do usuário
Mais da metade da matilha foi dizimada em poucos ataques do filho de Ares/Marte e os que restaram estavam em péssimas condições, o que me leva a crer que aquele embate estava em seus finalmentes. Contudo, não é isso o que me chama a atenção, e sim a forma como ferimentos e mortes ocorrem nesse local. Uma mistura de brutalidade e carnificina seria o ideal para definir esses ocorridos.

Em movimentos rápidos e sutis com o chicote, miro a lateral de dois dos lobos a fim de finalizá-los e espero que Dylan acabe com os outros dois. Caso haja sucesso nisso, observo os arredores a fim de procurar por algum habitante do vilarejo. Tínhamos uma missão a cumprir e não podíamos nos dar ao luxo de ficar muito tempo em um mesmo local, pois além de sermos potenciais atrativos para monstros, deu pra perceber que as coisas não seriam nada belas no quesito combate.

É evidente que muitas pessoas correram da matilha, mas se considerar que o povo em geral costuma ser curioso, não iria demorar para alguém aparecer. No momento em que isso acontecer, usarei meu charme para convencer as pessoas a nos ajudarem, tanto a nos limparmos quanto a tratarmos das feridas mais graves. Aproveitando o ensejo, perguntaria onde conseguir as vestes de empregada a fim de dar continuidade ao plano.

Num intervalo entre isso, explanaria a Dylan um outro plano. Meu palpite é que nós dois sozinhos não seremos capazes de concluir a missão. Um castelo como aquele certamente é habitado por muitas criaturas, o que me leva a concluir que precisaremos de reforços. Portanto, proponho ao filho da guerra a não se dirigir de imediato ao castelo e sim voltar à floresta para procurar por Elise, a arqueira piranha e sua companheira espadachim. Aliar-se aos lobisomens de inicio ou fazê-los pensar que somos seus aliados parece uma ideia promissora.

- Resumindo: Fazer as duas tribos se matarem e sair com o mínimo de danos possível. O que acha?

Aguardo a resposta de Dylan ao passo que continuo a pensar em como concretizar essa invasão.

Habilidades Passivas:

Nível 1 - Aparência Agradável: Você tem uma beleza sobrenatural para os padrões de sua era. O Filho de Afrodite tem uma beleza erótica. (+5 CHA)

Nível 2 - Langage de L'amor: Filhos de Afrodite conseguem falar fluentemente o francês, e possuem bônus em suas Habilidades persuasivas quando falam nesta língua. O bônus somente é aplicado se interlocutor compreender francês.

Nível 3 - Luxúria [Inicial]: Você pode despertar o desejo dos outros com apenas um olhar, ou com uma passagem deixando seu perfume no ar. (+5 CHA)

Nível 3 - Perícia com Chicote [Inicial]: Confere nível de perícia [Inicial] para a perícia com chicotes. Permite que o herói treine suas outras perícias até o nível [Inicial]. (+5 AGI)

Nível 4 - Dissimulador: Os Filhos de Afrodite possuem total controle sobre suas emoções e conseguem escondê-las dos demais, tendo maior facilidade para mentir e dissimular seus pensamentos e sentimentos.

Nível 5 - Perícia com Arco e Flechas [Inicial]: Confere nível de [Inicial] para a perícia com arco e flechas. Os Filhos de Afrodite só recebem o nível inicial dessa perícia. Para conseguia os outros níveis, este Campista deverá treinar esta perícia. (+5 MIRA)

Nível 6 - Senhor das Aves: Filhos de Afrodite conseguem se comunicar com aves, e também conseguem obter um grande controle sobre pombos e cisnes (os símbolos de sua mãe).

Nível 7 - Harmonia Intocável: Raramente você irá ser escolhido como alvo de pessoas ou monstros, sua harmonia o protege de ações hostis. (+6 CHA)

#17

Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Empty Re: Henry e Dylan // O conde sangrento.

por Dylan C. em Seg 4 Maio 2015 - 19:47

Dylan C.

Dylan C.
Filho(a) de Marte
Filho(a) de Marte
Ver perfil do usuário
A Adrenalina percorria por todo o meu corpo, meu coração batia em um ritmo acelerado. Meu corpo parecia dançar enquanto eu estraçalhava mais e mais lobos, meus instintos estavam a flor da pele, e no fim só restaram 4 lobos.

Mesmo com a perna ferida eu me mantinha em pé, minha força de vontade me fazia seguir em frente. Apoiei o peso do meu corpo na minha perna boa, mesmo sabendo que seria dificil, e me preparei para o resto do combate. Estava com uma katana em cada mão, a lâmina parecia se tornar mais fria a cada lobo morto.

Estava esperando a aproximação dos lobos, meus instintos mais aguçados que o normal me mantinham atento à algum ataque, e no momento certo eu realizo golpes fortes e precisos nos lobos, quantos forem precisos para mata-los.

Logo depois eu acompanho o Henry para onde for preciso, e concordo com seu plano.

Passivas Marte:

Nível 1 - Ambidestria: O herói controla armas com as duas mãos com total habilidade.

Nível 1 - Regeneração de Batalha I: Os heróis regeneram 5 pontos de vida por rodada, quando estão em batalha.

Nível 4 - Filho da Guerra: Em batalha, o filho de Marte dificilmente erra seu movimento, executando quase sempre com sucesso aquilo que nasceu para fazer. (+4 AGI)

Nível 4 - Flexibilidade com Armadura: O filho de Marte, poderá se locomover bem em batalhas, de forma que a armadura não lhe causa algum problema, desconforto ou atrapalhe.

Nível 5 - Comandante de Batalha: Aqueles que lutam a seu lado ganham capacidades extremas. (+5 FOR E AGI PARA OS ALIADOS)

Nível 6 - Instinto de Batalha: O filho de Marte consegue perceber a batalha por um ângulo completo, ciente mesmo dos golpes vindos por suas costas, dando-lhe chance de esquivar-se, defender-se ou mesmo de revidar.

Nível 7 - Fortitude: A Fortitude confere uma flexibilidade e vigor muito além até mesmo da resistência heroica normal. O herói recebe um pouco menos de dano, e atenua os efeitos de venenos muito fracos. (+8 CON)

Nível 8 - Instinto de Guerra: Ao enfrentar um exército de inimigos simultaneamente, o filho de Marte recebe bônus em todas as suas capacidades físicas e psicológicas, aprimorando seus reflexos, velocidade, força e precisão. (+10 EM TODOS OS ATRIBUTO SE ESTIVER NESSAS CONDIÇÕES)

Nível 9 - Potência: Os heróis dotados desta habilidade possuem uma força sobre-humana. A Potência permite que os heróis pulem distâncias tremendas, ergam pesos volumosos e golpeiem oponentes com uma força apavorante. (+8 FOR)

Nível 9 - Adaptador [Intermediário]: O filho de Marte, deverá escolher dentre três de todas as perícias possíveis para o nível [Intermediário]. Permite que as demais perícias sejam treinadas até o nível [Intermediário]. (+10 PONTOS CORRESPONDENTE A PERICIA ESCOLHIDA)

Nível 11 - Guerrear I: Os heróis são os melhores guerreiros no acampamento meio-sangue, sendo mais fortes e rápidos que outros semideuses. (+11 FOR, AGI)

Passivas Mercúrio:

Nível 1 - Sem Atrito: O filho de Mercúrio quando usa suas habilidades não sofrerá atrito com o ar.

Nível 1 - Destreza [Inicial]: O herói é mais rápido, ágil e veloz que os demais campistas. (+5 AGI)

Nível 2 - Fôlego: Os filhos de Mercúrio podem fazer exercícios e atividades físicas que não se cansam tão facilmente. (+5 CON)

Nível 5 - Golpe Duplo: O herói pode dar dois golpes em um post, desde que esteja utilizando armas leves (adaga ou espada curta) . (+2 AGI)

Nível 8 – Regeneração acelerada: Por serem tão rápidos, os filhos de Mercúrio têm um metabolismo extremamente acelerado que necessita de muita energia, no caso alimento, para se manter funcionando. Sendo assim, a recuperação do herói é muito mais rápida que a dos outros semideuses, recuperando sempre 20 pontos de vida e energia a cada 5 rodadas, e necessitando de alimento durante narrações mais do que os outros semideuses. O efeito é cancelado durante batalhas

Nível 9 - Esquiva: O Herói tem reflexos e uma habilidade em esquiva muito avançadas. (+3 REF)

Nível 5 - Ataque Múltiplo: O herói pode atacar mais de uma vez por turno, dependendo da escolha de seus movimentos e de seu nível. Esta habilidade custa 10 pontos de energia para ativá-la e mais 5 pontos por ação extra.

#18

Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Empty Re: Henry e Dylan // O conde sangrento.

por Hera em Qua 6 Maio 2015 - 8:15

Hera

Hera
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
Henry e Dylan pareciam formar uma dupla perfeita, como se dançassem uma valsa de carnificina eles avançaram contra os lobos restantes. Dylan deu golpes tão fortes que as costas de seus dois alvos ficaram com uma grande cratera em suas costelas, com ossos quebrados que moviam-se de forma estranha e nauseante enquanto o lobo dava seus últimos ganidos e suspiros. Com o filho de Afrodite não foi diferente, em um movimento de pulso ele fez com que seu chicote cortasse o ar como uma serpente furiosa e rasgou a lateral dos outros dois lobos que já estavam extremamente cansados. Não demorou muito para eles ficarem ali parados, rodeados por uma mistura de neve, sangue e órgãos, acompanhados de um cheiro podre e nojento que poderiam preferir não saber o que é.

Henry estava certo, a curiosidade das pessoas, principalmente naquela época era algo rápido e grande. Foram apenas alguns minutos antes de cidadãos do vilarejo começarem a surgir ao redor daquele cenário e bem aí começou os murmúrios das duas garotas, alguns perguntavam se foram realmente elas que fizeram aquilo, outros mesmo sem ver nada comentaram que elas batalharam como demônios, mas no fim das contas todos pareciam tanto espantados quanto agradecidos, até que um senhor que já não tinha maior parte dos cabelos na cabeça, e o resto era quase invisível no cenário enevoado e frio da Transilvânia.

-- Nosso povo hei de ser eternamente grato, damas da floresta. -- Henry percebeu que se tratava do líder do vilarejo. -- Como podemos agradecer?

Henry toma a frente, e pede para arrumarem um lugar onde pudessem se limpar e cuidar de seus ferimentos, mas antes disso comenta seu plano com uma guerra entre clãs, e o filho de Ares não discorda. Os campistas, em corpos femininos são tratadas como rainhas, exatamente como nos filmes algumas mulheres de classe baixa levaram eles até uma banheira quente, e viram o corpo um do outro, nu. Claro, estavam no corpo de servas de Macária e por isso deveriam mostrar no mínimo respeito com elas mas, no final das contas eram homens e não poderiam negar que ambas tinham corpos perfeitos.

Sem nem precisarem se secar, pois as mulheres do vilarejo fizeram isso por eles, Henry e Dylan foram até a sala de um 'médico', que tratou de suas feridas com um pouco de assédio, passando estranhamente as mãos pelas suas pernas, mas no fim das contas ele colocou um curativo em seus ferimentos, bem básico por sinal. Talvez por ser daquela época ou apenas pelo vilarejo ser pobre. No fim das contas era apenas um pedaço de pano com uma mistura de folhas que não ajudou em absolutamente nada, apenas amenizou a dor.

Henry começa a pensar no seu plano, iniciar uma pequena guerra será difícil até porque se eles não avançaram até agora, é porque provavelmente tem algum empecilho impedindo isso. O filho de Ares deveria tomar cuidado, um filho de Afrodite sempre é traiçoeiro. Instantes após os dois colocarem as roupas, o líder da cidade surge, com duas roupas de empregadas em uma sacola de pano, o sol estava quase no topo do céu indicando que logo seria meio dia, a hora em que selecionariam as empregadas para o castelo de Vlad.

Demoraram uma noite inteira para sair da floresta ao lado das garotas licantropas, e tinham apenas algumas horas antes da caravana recolher as moças para trabalhar. Os campistas tinham duas opções, separarem-se, e um deles ir para o castelo e outro para o ninho das lobas. Ou abandonar a ideia da guerra de clãs, mas o filho de Afrodite tinha razão na hora de pensar que fazer os habitantes do castelo guerrearem contra os lobos seria mais fácil para que eles pegassem o amuleto. Tinham que tomar uma decisão.



Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Sem_ty10
You keep me under your spell...
#19

Ω Henry Liesdale

Ω Henry Liesdale
Filho(a) de Afrodite
Filho(a) de Afrodite
Ver perfil do usuário
Filhos de Afrodite não possuem apenas a fama de serem os mais belos, mas também os mais traiçoeiros segundo a maioria dos semideuses. Aquilo pra mim era um motivo de tremenda vergonha, pois, por mais que eu me esforçasse, era difícil encontrar um parceiro em batalha que não escutasse com certo receio de ser enfeitiçado. Aquilo já me trouxe tanta raiva e ver as pessoas fugindo ou me menosprezando por conta do charme herdado de minha mãe me preenchia de ódio. Lembro de uma ocasião em que um filho de Quione conjurou gelo e tampou os ouvidos ao invés de trabalhar em grupo.

Dylan parecia ser diferente. Talvez por ser um pouco diferente dos outros e compreender a essência de meu poder por conta de seu ancestral ou mesmo por ser um filho da guerra, que possui grande ligação com minha mãe. Independente disso eu coloquei na cabeça que uma prova de confiança seria necessária para que a missão tivesse mais chances de êxito e que pelo menos uma pessoa soubesse que eu não era um representante da fama que meus irmãos e eu possuímos.

- Dylan, nós vamos ter de nos separar. Descobrir o por que de as duas tribos não lutarem mesmo sendo rivais e fazê-las se destruírem será nosso objetivo. Acho que acima do pingente de Macária, a segurança desse vilarejo é muito importante. Mas preciso te provar que não sou alguém traiçoeiro, então vou usar uma coisa bem importante em você como prova de que somos verdadeiros aliados.

Ativo o poder de minha [Tatuagem Conciliadora] no filho da guerra. Pelo que soube ele se limitava apenas a me ligar com duas pessoas além de meus irmãos, permitindo a comunicação telepática. Espero que ele saiba disso e entenda que isso não é apenas uma prova de lealdade, mas também deverá ser útil.

- O meu plano é fazer com que conquistemos a confiança dos dois lados. Eu dos lobisomens e você dos vampiros. Os lobos entregaram fácil a forma de mata-los. Prata. Precisamos inclusive conseguir isso. Vou tentar tirar informações sobre o por que de os dois ainda não terem se enfrentado mesmo sendo rivais e você tenta fazer o mesmo do outro lado. Acho que dois ou três dias serão necessários pra isso. Aproveite para memorizar o máximo que puder dentro do castelo e trace nossas rotas de fuga. Vamos mandar mensagens pela tatuagem uma ou duas vezes por dia para atualizar informações ou no caso de alguma emergência. Se algum efeito colateral surgir, tente usar a tradicional mensagem de Íris.

Como ainda temos algum tempo, espero por uma resposta e observo a reação do filho de Marte antes de partir. Ele deve inclusive ter algum plano complementar, pois ele é um conhecedor de guerra nato, e suas sugestões serão importantes para termos sucesso.

Habilidades Passivas:

Nível 1 - Aparência Agradável: Você tem uma beleza sobrenatural para os padrões de sua era. O Filho de Afrodite tem uma beleza erótica. (+5 CHA)

Nível 2 - Langage de L'amor: Filhos de Afrodite conseguem falar fluentemente o francês, e possuem bônus em suas Habilidades persuasivas quando falam nesta língua. O bônus somente é aplicado se interlocutor compreender francês.

Nível 3 - Luxúria [Inicial]: Você pode despertar o desejo dos outros com apenas um olhar, ou com uma passagem deixando seu perfume no ar. (+5 CHA)

Nível 3 - Perícia com Chicote [Inicial]: Confere nível de perícia [Inicial] para a perícia com chicotes. Permite que o herói treine suas outras perícias até o nível [Inicial]. (+5 AGI)

Nível 4 - Dissimulador: Os Filhos de Afrodite possuem total controle sobre suas emoções e conseguem escondê-las dos demais, tendo maior facilidade para mentir e dissimular seus pensamentos e sentimentos.

Nível 5 - Perícia com Arco e Flechas [Inicial]: Confere nível de [Inicial] para a perícia com arco e flechas. Os Filhos de Afrodite só recebem o nível inicial dessa perícia. Para conseguia os outros níveis, este Campista deverá treinar esta perícia. (+5 MIRA)

Nível 6 - Senhor das Aves: Filhos de Afrodite conseguem se comunicar com aves, e também conseguem obter um grande controle sobre pombos e cisnes (os símbolos de sua mãe).

Nível 7 - Harmonia Intocável: Raramente você irá ser escolhido como alvo de pessoas ou monstros, sua harmonia o protege de ações hostis. (+6 CHA)

Poderes Ativos:


Descrição dos Itens:

Tatuagem Conciliadora = Uma tatuagem que permite ao filho de Afrodite se comunicar com qualquer um de seus irmãos e com mais duas pessoas específicas que ficaram descritas na ficha do personagem. Mas há controvérsias, ao mandar mensagens diversas por mais de 2 turnos seguidos uma dor de cabeça começa no mesmo e em que está se comunicando os atrapalhando a se concentrar.

Off: Dylan, aceito se tiver ideia de como conseguir prata ant
es de ir pra floresta. Ir pra toca dos lobos desarmado não é saudável.

#20

Henry e Dylan // O conde sangrento. - Página 2 Empty Re: Henry e Dylan // O conde sangrento.

por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado


#21

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 2 de 3]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum