Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Acampamentos » Acampamento Meio-Sangue » Casa Grande » Livros e Fichas » 

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Irina Feuerschütte

Irina Feuerschütte
Filho(a) de Afrodite
Filho(a) de Afrodite
Ver perfil do usuário
Ω Nome: Irina Fuerschütte
Ω Idade: 14
Ω Aparência: Uma garota de pele pálida, sendo esta uma das suas principais características, olhos de cor azul e brilhantes, boca fina e que acaba chamando a atenção das pessoas e por fim um longo cabelo de cor preta com um tom único e uma pequena pinta em baixo de sua boca, de forma que chega a chamar um pouco de atenção. Sua altura é bastante regular, tendo apenas 1,70 de altura, pernas e braços um pouco finos, sendo seu corpo com curvas perfeitas, não muito grandes, mas também não estão em falta, seios avantajados e coxas grossas. Ela basicamente esbanja beleza por onde passa, sendo que muito diferente de outras mulheres, ela não precisa de maquiagens para se tornar extremamente bonita
_________________________________________________________________________________________________________________________
Características Psicológicas: Uma jovem vaidosa e feliz. Ela está sempre cuidando de seu corpo, evitando ao máximo se ferir por qualquer motivo, passando creme em sua pele para que fique mais bela, adora pintar as unhas e fica constantemente alisando seu cabelo, sempre tentando fazer novos penteados, mas sua principal é que ela tem um rabo de cavalo, o qual não deixa que sequer toquem. Ela adora chamar a atenção das pessoas, não sendo nada reservada, adora quando a ficam encarando de forma apaixonada, outro aspecto bem comum da mesma, ela adora o amor é acha ele uma das coisas mais bonitas do mundo e vive se apaixonando por pessoas, não importando se sejam homens ou mulheres, ela sempre tenta seduzi-los. Apesar de tudo, ela é uma garota legal e que todos adoram quando esta por perto, companheira e uma amiga fiel, sempre ajudando a todos, sendo que esta odeia ver pessoas tristes ou sequer com raiva, mas apesar de tudo, ela se torna arrogante algumas vezes e por isso acaba se tornando bruta e uma pessoa digna de receber ódio de qualquer ser vivo. Ela também é bastante honesta, sempre dizendo quando uma pessoa está certa ou errada, bonita ou feia, sem nem mesmo com os sentimentos de tal pessoa, além de seu otimismo abundante, nunca desistindo ou ficando triste ou preocupada, quando ela conhece qualquer pessoa, diz do que ela é capaz ou não e costuma sempre acreditar que todo ser pode tudo, apenas é necessário esforço
Ω Humor: Feliz
Ω Três Qualidades: Companheirismo, honestidade e otimismo
Ω Três Defeitos: Vaidade, arrogância e nunca se importar com os sentimentos das pessoas
_________________________________________________________________________________________________________________________

Ω História:

29 de Março, 2016

Dia 29, um dia muito especial para Irina, seu aniversário.
O dia da jovem começou como qualquer outro, ela acordava de seu sono profundo, como sempre às 5:30 AM, depois de pouco tempo já estava vestida e pronta para ir para mais um dia na escola.
Como sempre, a jovem chegara ao portão e entrava, mas desta vez ela sentia algo diferente, o aspecto da escola havia mudado, não para um local mais divertido. O dia estava cinzento, não havia ninguém empolgado, apenas andavam, como se sua cabeças estivessem em outro mundo, sendo Alexandre a única pessoa "pra cima".

Alexandre é um amigo muito antigo de Irina, sempre andam juntos em qualquer situação. Ele tem cabelos laranjas e é um pouco moreno, tem olhos de cor castanhos e seu físico era o de um jovem comum, sem ser muito gordo ou magro, além disso ele usa muletas, algo que não agrava Irina de formal alguma, já que o mesmo falou que foi um acidente causado por um motorista irresponsável. Logo que os dois se viram, foram caminhando lentamente, como se algo não estivesse certo, e realmente não estava
- Sabe me explicar o que raios está acontecendo aqui? - a jovem perguntava com uma cara de quem não esperava resposta
- Desculpe, mas acho que sei o que está acontecendo, mas não posso contar - ele olhou para a garota com uma cara de tristeza, parecia até um pai preocupado com sua filha
- Você nunca sabe de nada! Enfim, é uma pena que o novo aluno tenha de ver o clima assim...vamos logo para a sala! - depois de ela contou sobre o tal aluno novo, Alexandre fez uma cara de desconfiança e depois que Irina saiu caminhando, ele olhou para trás e em seguida seguiu a jovem e logo foram para a sala de aula. A primeira matéria era Português, por isso, a Professora Eligia estava na classe e logo apresentou o novo aluno
- Este aqui é o Yuri, ele é mudo por isso não pode falar, sejam legais com ele, ok? - depois do rápido discurso da professora, o tal Yuri foi para o seu assento, a sudeste de Irina. Ele tinha uma aparência bem distinta e ao mesmo tempo comum, tinha cabelos pretos um pouco compridos, olhos verdes e pele pálida, algo suficiente para se camuflar em uma parede branca, além disso, ele não parava de olhar para Irina, a mesma já estava acostumada, mas não era um olhar do tipo "nossa como ela é bonita" era mais "vou te matar, sua vaca!".

Ele não causou nenhum problema durante as duas primeiras aulas, mas por algum motivo, Alexandre não gostava nem um pouco dele, sempre olhando com raiva para o mesmo. Depois de algum tempo, deu o intervalo, logo todos os alunos saíram da classe, menos Irina, ela gostava de ler seus livros favoritos na sua carteira
- Irina, preciso falar com você... - Alexandre se aproximou de onde a jovem estava e então o disse, após isso olhou para a porta da sala como se esperasse alguma coisa - Vamos, rápido! - ele então agarrou na mão da garota e a puxou para fora da sala e a levou para trás da quadra de jogos da escola
- Por que você está fazendo isso?! - ela perguntava, assustada
- Olha Irina, aquele garoto, o Yuri, ele não é como você pensa
- Como assim? Ele pode parecer um pouco fingido, mas não acho que isso seja algo tão estra-
- Você não entende! - ele gritava, interrompendo a fala da garota - Escuta, vamos dar o fora daqui! - ele novamente agarrou o braço da jovem e já ia puxa-la, mas de repente, o rapaz que havia recém-chegado na escola, apareceu
- Desculpe, mas não posso deixar isso acontecer... - ele olhava de forma assustadora, como se estivesse prestes a matar alguém
- Ei, você não era mudo?! E que história é essa de "não posso deixar isso acontecer"?!
- Vem logo!! - Alexandre deu um forte puxão em Irina, usando seus dois braços, obviamente a jovem ficou intrigada com aquilo, ele usava muletas, não poderia se manter em pé sem elas, mas sem que ela se desse e tentasse falar, o garoto a puxou forte e começou a correr de forma estranha, como se estivesse trotando...

Depois de uma intensa corrida, eles acabaram indo parar próximos da rua onde Irina morava. Alexandre parou um pouco e olhou para trás, torcendo para não ter nada ali, mas logo que se virou foi recebido com um forte tapa
- O que diabos deu em você, idiota?! Não lembro de ter dado permissão para me puxar daquela forma! Olha só meu braço, ficou vermelho... - a jovem estava falando de maneira diferente, olhava com uma cara de raiva para o rapaz
- Escuta aqui sua mesquinha, eu fiz isso pra te proteger, ok??!!
- Como um inútil como você poderia me proteger?! - depois de ouvir aquilo, o garoto ficou cabisbaixo e era possível perceber algumas lágrimas descendo de seu rosto
- Agora, me explique uma coisa...por que você corre trotando? E como você é capaz de correr?! - nem deu tempo de Alexandre pensar em uma história, o jovem Yuri apareceu novamente, na frente deles
- Eu explico depois, agora vem comigo!
- Já falei que não vão a lugar nenhum!!! - de repente, a aparência de Yuri mudou, seus dentes cresceram de forma absurda e suas garras agora eram gigantes e afiadas, suficiente para rasgar os sapatos que este estava usando, seu corpo começou a ficar peludo, ele se tornou um lobo gigante. Logo que ele "se transformou", pulou na direção dos dois amigos, que agora estavam fugindo o mais rápido que podiam, porém a criatura não iria deixar que algo assim acontecesse e logo avançou o mais rápido que pode e logo que se aproximou...foi recebido com um soco de Irina, esta que acabara de se virar e encarava o monstro que tinha recuado um pouco
- Venha me pegar se puder, sua coisa feia! - sem dizer nada, Alexandre a puxou pela roupa que estava usando, isso parecia ter aborrecido a garota, mas ela decidiu obedecer o mesmo e seguir correndo.

Quando perceberam, haviam atravessado mais de 5 ruas, apenas correndo. Eles agora estavam em um local um pouco rústico, com casas feitas de tijolos e sem reboco na maioria das paredes, algo bem incomum por ali, mas apesar de terem corrido tanto, Yuri ainda os seguia e logo voltou a atacar, tendo todas as tentativas falhado, já que este sempre acabara no chão, batendo em algo ou até mesmo indo parar em sacos de lixo, mas este continuava atacando os dois. Eles continuaram correndo e ao entrar em um beco para escapar do monstro, perceberam que estavam em um beco sem saída. Eles olhavam para trás, o enorme cachorro estava olhando fixamente para eles, saia muita baba de sua boca, seus dentes estavam expostos e seus olhos tinha se tornado de cor avermelhada, ele parecia estar com muita raiva e pronto para atacar, mas Alexandre parecia ter um plano e não estava nem um pouco assustado, este que logo correu na direção da criatura e com um salto, acabou batendo na cabeça do monstro e com isso, fez ele recuar um pouco, mas logo começava a rugir de forma furiosa e então avançou e atacou o rapaz, com um único golpe, ele arremessou Alexandre longe, o ataque rasgou suas calças e o fez ir contra a parede. Depois que a calça rasgou, foi possível ver uma perna cheia de pelos, além de que no lugar de ter pés, ali existiam cascos...um bode! Alexandre era bode da cintura para baixo, isso fez o mundo de Irina girar e ela logo perdeu a concentração no monstro que estava preste a ataca-la e começava a pensar e imaginar como aquilo era possível.

Logo o enorme cachorro se aproximou e já estava pronto para desferir um poderoso golpe na jovem, mas este rapidamente pulou de lado e esquivou do ataque e em seguida avançou contra o monstro, acertando um soco na cara da criatura, que se mantinha um pouco próxima do chão, mas isto não era suficiente para acabar com aquela coisa e por isso, ela voltou a atacar e bateu fortemente na jovem que acabou sendo atirada contra um muro, ela teve suas roupas rasgadas, sua cintura estava cheia de arranhões e sangrava. Logo que ela abriu os olhos e viu aquilo, uma fúria gigantesca percorreu todo seu corpo, ela sempre mantinha sua pele limpa, sem qualquer ferimento e então aquilo acontecera, sempre pensar duas vezes, ela correu contra aquela coisa, batendo fortemente naquela cabeça de lobo com seus punhos e em seguida se afastando um pouco e desferindo um chute em seu rosto, mas nada parecia adiantar, aquele monstro era muito mais resistente do que parecia, mas foi quando ele pretendia atacar que Alexandre reapareceu e segurando uma espada, desferiu um corte no pescoço daquele lobo, que então desapareceu em uma fumaça negra
- Isso foi muito perigoso sabia?! Olha, eu preciso mandar a carta para que eles venham nos buscar. Vá para sua casa e espera lá! - a jovem não tinha a menor ideia do que aquilo significava e quem vinha buscar-los, mas logo todas as suas perguntas seriam respondidas...




Habilidades Únicas

Passivas:


Ativas:

#1

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum