Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Arenas » Arena MvP » 

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 2]

Atena

avatar
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário


Qual época melhor do ano para se transferir de acampamento, senão na época de crise?

Galadriel acabara de chegar ao seu novo lar e já sentia a energia pesada do local, tava foda. Semideuses tendo ataques de pânico, movimentação agitada na enfermaria e até um estranho movimento no chalé de Deméter... dois garotos que passaram pela caçadora falaram algo que ela entendeu como " Folhas são mais macias que papel ".

Sem paciência e opção, ela decide ir para a arena fazer o que sabia melhor, descer a porrada em algum monstro idiota o bastante para aparecer em sua frente. Assim que ela entra,  o som dos portões se fechando atrás de si ecoam pelo local e as nuvens se fecham acima dela, escurecendo um pouco o ambiente.

Parada a dez metros de Galadriel, se encontrava um vulto feminino com um estranho rabo que lembrava o de uma pantera. Era possível ver o brilho de seis afiadas lâminas entre os dedos do que seja lá o que fosse a criatura, que mesmo que nas sombras, utilizava uma máscara de múmia bem tosca.

Uma garoa fina começa a cair. O Vulto se posiciona de uma forma estranha, como um gato ameaçado, rosnando e pronta para atacar, avaliando sabiamente a semideusa.



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#1

Galadriel Lothlórien

avatar
Filho(a) de Ares
Filho(a) de Ares
Ver perfil do usuário
Depois de ouvir que folhas são melhores que papel eu não queria mais saber de nada e resolvo ir até a arena, no caminho transmuto a minha armadura de ouro imperial e as adagas elétricas e fico passando uma na outra vendo a eletricidade criptar. Agora eu era uma caçadora de Ártemis, eu não sabia ao certo o peso desta responsabilidade direito ainda mas sabia que era algo grande, as melhores campistas Romanas sempre eram caçadoras e eu queria me tornar uma das maiores, só não sabia se usar adagas ao invés de arco daria uma boa impressão logo na minha primeira luta.

Ao chegar no local ouço o baque do portão se fechando nas minhas costas e já vejo a criatura na minha frente. Como eu era líder das amazonas e agora sou uma caçadora eu entendo um pouco sobre animais, principalmente gatos dos quais amo tanto e aquela criatura parecia um acuado quando está com medo. Isso nunca era uma coisa boa.

-Você está bem criança? -Pergunto a criatura/gato.

Eu ficaria atenta para desviar de suas possíveis investidas graças a minha agilidade e experiência em batalhas eu acho que isso seria algo fácil. Assim eu tentaria contra atacar com minha adaga tentando acertar alguma articulação das pernas ou braços para limitar seus movimentos, era assim que eu lutava desde sempre e descobri que é assim que uma caçadora nata faz.


habilidades passivas:


Nível 1 - Fúria: Quando o herói está em estado de fúria ele causa dano maior(+4 DANO) do que o normal, além de uma regeneração gradual de 5 HP. (+5 FOR QUANDO EM FÚRIA)


Nível 1 - Ambidestria: O herói controla armas com as duas mãos com total habilidade.


Nível 1 - Regeneração de Batalha I: Os heróis regeneram 5 pontos de vida por rodada, quando estão em batalha.


Nível 4 - Filho da Guerra: Em batalha, o filho de Ares dificilmente erra seu movimento, executando quase sempre com sucesso aquilo que nasceu para fazer. (+4 AGI)


Nível 4 - Flexibilidade com Armadura: O filho de Ares, poderá se locomover bem em batalhas, de forma que a armadura não lhe causa algum problema, desconforto ou atrapalhe.


Nível 5 - Comandante de Batalha: Aqueles que lutam a seu lado ganham capacidades extremas. (+5 FOR E AGI PARA OS ALIADOS)


Nível 6 - Instinto de Batalha: O filho de Ares consegue perceber a batalha por um ângulo completo, ciente mesmo dos golpes vindos por suas costas, dando-lhe chance de esquivar-se, defender-se ou mesmo de revidar.


Nível 7 - Fortitude: A Fortitude confere uma flexibilidade e vigor muito além até mesmo da resistência heroica normal. O herói recebe um pouco menos de dano, e atenua os efeitos de venenos muito fracos. (+8 CON)


Nível 8 - Instinto de Guerra: Ao enfrentar um exército de inimigos simultaneamente, o filho de Ares recebe bônus em todas as suas capacidades físicas e psicológicas, aprimorando seus reflexos, velocidade, força e precisão. (+10 EM TODOS OS ATRIBUTO SE ESTIVER NESSAS CONDIÇÕES)


Nível 9 - Potência: Os heróis dotados desta habilidade possuem uma força sobre-humana. A Potência permite que os heróis pulem distâncias tremendas, ergam pesos volumosos e golpeiem oponentes com uma força apavorante. (+8 FOR)


Nível 9 - Adaptador [Intermediário]: O filho de Ares, deverá escolher dentre três de todas as perícias possíveis para o nível [Intermediário]. Permite que as demais perícias sejam treinadas até o nível [Intermediário]. (+10 PONTOS CORRESPONDENTE A PERICIA ESCOLHIDA)


Nível 11 - Guerrear I: Os heróis são os melhores guerreiros no acampamento meio-sangue, sendo mais fortes e rápidos que outros semideuses. (+11 FOR, AGI)


Nível 1 - Semi-Imortalidade: As caçadoras de Ártemis, podem viver eternamente para seguir a Deusa da Caça sempre tendo a mesma idade, só que elas podem morrer em batalhas.

Nível 2 - Visão Noturna: Por viver na noite caçando as caçadoras desenvolve uma visão aguçada enxergando na noite como se fosse dia, facilitando o uso do arco e flecha (+5 MIRA)

Nível 4 - Donzela da Lua: Caçadoras de Ártemis ganham bônus em suas habilidades se lutarem à noite. (+ 5 MIRA, 5 AGI DE NOITE)

Nível 4 - Audição aguçada: Por passarem muito tempo na floresta caçando, as caçadoras desenvolvem uma audição aguçada, podendo ouvir pequenos sons a metros de distancias.

Nível 5 - Ódio Aos Homens: As Caçadoras possuem um bônus quando em luta com inimigos do sexo masculino, além de não caírem em habilidades persuasivas ou de intimidação. (+5 MIRA, +5  AGI,+10 VONT CONTRA HOMENS )

Nível 6 - Rainha das Montanhas: Artémis é a deusa das montanhas e suas Caçadoras possuem bônus quando lutam ou atravessam montanhas. (+15 MIRA, +15 AGI EM MONTANHAS)

Nível 7 – Presença Inspiradora: Sempre que lutar ao lado da Tenente de Ártemis, as caçadoras terão suas capacidades ampliadas e jamais se acovardarão. (+15 MIRA, +15 AGI +15 REFLEX +20 VONT AO LADO DA TENENTE)

Nível 8 – Velocidade: Por viverem pelas florestas perseguindo suas presas, as caçadoras de Ártemis desenvolvem ótima velocidade (+8 AGI), reflexos (+4 REFLEX), e mira (+3 MIRA) tornando-as bastante rápidas e evasivas. Dificilmente são atingidas quando estão atentas.

Nível 8 – Amiga das Ninfas: Reza a lenda que Ártemis vivia rodeado por ninfas além de suas caçadoras. Caçadoras de Ártemis são amigas naturais das ninfas e podem ser ajudadas pelas mesma durante missões ou caçadas.

Nível 9 - Comunicar com Animais: As caçadoras podem se comunicar com seres da florestas, principalmente com seus aliados. Entretanto, não são capazes de grandes diálogos.

Nível 9 - Perícia com Arco e Flechas [Intermediário]: Confere nível de perícia [Intermediário] para arco e flechas. Tem efeito da habilidade ativa Flecha Certeira [Inicial] Permite treinamento das demais perícias até o nível [Intermediário].(+10 MIRA)

Nível 10 - Instinto Selvagem: As caçadoras possuem sentidos muito aguçados, podendo ouvir e sentir o perigo se aproximar muito antes do que qualquer um. (+ 4 REFLEX)

Nível 11 - Estrategista em Armadilhas: As caçadoras quase sempre conseguem que seus inimigos caiam em sua armadilha.

Nível 11 - Perícia com Facas [Intermediária]: A habilidade das Caçadoras de Ártemis com facas é muito boa, e pode usá-las melhor na hora de defender-se em batalhas corpo-a-corpo. (+10 AGI)

#2

Atena

avatar
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
Os olhos amarelados típicos de felinos piscam atrás da máscara e a criatura para de rosnar, como se tivesse dado atenção a fala da garota. Ela se levanta em duas pernas e é perceptível sua semelhança física com um ser humano, embora tivesse as características de um gato. Começa a andar devagar e lentamente, como se avaliasse a melhor forma de arrancar a cabeça de Galadriel.

- Agradeço a preocupação, cria da guerra, mas não sou uma criança. - Sua voz era fina e mansa, como um miado de um gato carinhoso, ao mesmo tempo que seus olhos pareciam ferver em ódio. Ela continua a andar ao redor da semideusa numa distância de dez metros, esperando o momento certo de agir. Agora que estava em pé, via-se que trajava uma arrmadura que protegia-lhe o peito, as pernas e pescoço, mas o material não reluzia tanto quanto um aço de boa qualidade.

Aparentemente ela esperava alguma ação da semideusa, ainda que transmitisse uma certa ameaça a garota, não parecia querer dar o primeiro passo da batalha.



Felino Humanóide: 200/200



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#3

Galadriel Lothlórien

avatar
Filho(a) de Ares
Filho(a) de Ares
Ver perfil do usuário
-Mil perdões. -Falo para a criatura fazendo uma pequena reverência com a cabeça. -Não tinha intensão de lhe ofender. -Começo a andar para o lado com calma com as duas adagas ainda em minha mãos. -Gostaria de saber o que está fazendo aqui e como sabe de quem eu sou filha.

Estava bastante curiosa com a presença daquele ser nas arenas, eu não entendia muito bem como funcionava as coisas no acampamento Grego ainda mas no Romano todas as coisas queriam te matar antes que você tivesse a chance de se defender. Aquela criatura por outro lado parecia querer conversar comigo, era isso ou era a minha tara por gatos que não estava me deixando ver a realidade. Quando se passa o tempo que eu passei como rainha das Amazonas você começa a ver tudo e todos como um objeto e foi por conta disso que eu sai de lá, se eu ainda fosse rainha provavelmente iria querer pegar essa criatura na minha frente para prendá-la, etiquetá-la e vende-la pelo preço mais caro possível.

Mesmo com toda esse meu anseio por novos ares e novas possibilidades para desafios a minha frente eu ainda não ignorava o fato de que a criatura poderia pular na minha garganta e me matar rapidamente se eu desse essa chance a ela, por isso eu não a daria. Fico atenta aos seus movimentos e se ela tentar algo tenta desviar de sua investida com um rolamento para o lado tentando contra-atacá-la com uma de minhas adagas.

#4

Atena

avatar
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
 A criatura parece interessada, não era comum um monstro receber alguma atenção que não fosse direcionada apenas para seu próprio massacre, isso é claro, vindo dos filhos dos deuses do Olimpo. Ainda que instigada, continua andando lentamente e atenta á garota, mas parecendo mais solta e não tão feroz quanto antes.

- Oras, você sabe o que estou fazendo aqui. Vim aqui para lhe matar e voltar com sua cabeça de recompensa, é isso que precisamos fazer quando somos designados á arena. - Ela diz como se não fosse nada, trocando as laminas entre os dedos, quase como um malabarismo. Ela dá um sorriso sinistro e tira a máscara tosca, era um rosto humanoide com nariz, olhos e bigode de gato. - É fácil saber quem é seu pai, criança... você cheira a guerra.

O seu focinho treme quando ela cheira o ar e franzindo o cenho em desgosto, confirmando sua teoria. Para de andar e pula para trás, sentando-se e analisando Galadriel com seus olhos amarelados.


Felino Humanóide:
200/200



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#5

Galadriel Lothlórien

avatar
Filho(a) de Ares
Filho(a) de Ares
Ver perfil do usuário
Assim que ela termina de falar a primeira frase eu a respondo.

-Engraçado, eu pensava a mesma coisa. Minha intenção era vir aqui e matar o que estivesse me esperando mas algo em você me chamou a atenção.

A criatura fala que eu cheiro a guerra, então se afasta e senta no chão, se eu quisesse atacá-la seria a melhor oportunidade possível mas esse não era o caso, guardo as adagas na cintura para que ela perceba que eu não estou querendo brigar.

-Deve ser legal poder sentir todos esses cheiros, nós humanos só sentimos coisas simples como café e morangos. -Dou uma observada a minha volta e pergunta. -Você tem família?

#6

Atena

avatar
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
A felina a observa com uma curiosidade nova, nunca antes um semideus tinha se mostrado tão interessado em sua história, e por que agora? Não sabia dizer. Ela então decide conversar mais, afinal tinha a eternidade para matar filhos bastardos dos deuses. Ela encara o gesto de Galadriel como um acordo de conversa e sua tensão diminui um pouco, guardando suas lâminas na sua cintura também.

- Nós só sentimos o cheiro de vocês, as vezes de algumas outras coisas mágicas também... eu nunca senti o cheiro de um salmão grelhado. - O tom de decepção e tristeza por não ter passado por aquela experiência é presente na voz dela, mas continua mesmo assim. - Eu tenho um irmão mais velho, ele é um imbecil suicida. Você deve conhece-lo, parece um homem pantera que anda por aí querendo matar todos.

Felino Humanóide
: 200/200



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#7

Galadriel Lothlórien

avatar
Filho(a) de Ares
Filho(a) de Ares
Ver perfil do usuário
-Uhm, não me lembro de ninguém parecido com você, me desculpe. -Falo sinceramente para o ser a minha frente. -Deve ser estranho ter irmão mais velho, sabe, eu era uma amazona e sempre fui a líder delas e agora eu sou uma caçadora. Não tive muito contato com elas ainda mas acho que o sentimento deve ser parecido com a irmandade.

Começo a mexer nos meus dedos passando um por cima do outro com um certo medo de falar o que eu queria.

-O que acha de sairmos daqui para ir até o refeitório comer um salmão grelhado? -Falo com um sorriso no rosto pois aquilo era a coisa mais louca que eu já havia dito em toda a minha vida.

#8

Atena

avatar
Deusa Olimpiana
Deusa Olimpiana
Ver perfil do usuário
O choque e a descrença ficam estampados na face da felina quando escuta o que a semideusa diz. Como assim? Com um convite oficial feito por um semideus, uma invocação ou algo do tipo, ela realmente poderia entrar. Mas isso nunca tinha acontecido antes. A emoção toma conta dela e por um momento parece que ela vai começar a chorar de felicidade.

- Eu acho incrível! Quer dizer, não vão tentar me matar? - ela franze o cenho, pensando na hipótese. - Por mim tudo bem se você me matar, afinal tem honra. Mas os outros catarrentos divinos, esses não!

Ela se levanta animada, ajeitando suas vestes. Juntas as duas saem para o refeitório. Mesmo no caos do acampamento, campistas notam com espanto, alguns sacando armas, mas desistindo ao ver que a criatura acompanhava Galadriel. A garota botava moral naquele local.



"Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la!"
#9

Galadriel Lothlórien

avatar
Filho(a) de Ares
Filho(a) de Ares
Ver perfil do usuário
- Eu acho incrível! Quer dizer, não vão tentar me matar? -Pergunta a felina.

-Bom, não sei pra falar a verdade, mas se tentarem vão ter que passar por cima de mim primeiro. -Falo sorrindo para ela enquanto transmuto minha armadura para colar novamente.

Vejo que alguns campistas ficam surpresos com a minha companheira mas eles não ousam atacá-la, não enquanto ela estivesse ao meu lado. Enquanto caminhamos para o refeitório eu pergunto:

-Mas então, qual o seu nome? O meu é Galadriel, esqueci de falar antes, me desculpe.

Quando chegamos no refeitório... bom, eu não sabia muito bem como funcionava o refeitório já que eu ainda não tinha comido ali mas me sento na mesa de Ares para conversar com a mulher.

#10

Conteúdo patrocinado


#11

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 2]

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum