Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Resto do Mundo » Resto do Mundo » 

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 3 de 5]

Ver perfil do usuário
O filho de Atena aguarda. Sua coruja espiava, silenciosa como se pode ser, de cima de um galho, e ao mesmo tempo que o filho de Hécate, ela dá o aviso a seu dono, quando a serpente ataca.

Bjorn se move com velocidade. O escudo do garoto intercepta o ataque da serpente. Novamente a força da cobra se mostra superior à do garoto, que sente o braço tremer com o choque, mas desta vez o semideus não se deixa vencer, e cavando sulcos no chão com os pés , tamanha a força de sua resistência, ele perfura com sua espada, sentindo-a se enterrar em escamas e carne, e recua no momento seguinte.

A serpente chiava de dor, e chia ainda mais quando um talho é aberto em seu focinho pelo chicote do filho de Hécate, que apenas aguardava a oportunidade para atacar.

A cobrona recua um momento, parecendo atordoada. Ela balança a cabeça, espalhando sangue pelo chão. Bjohn sente a mão arder e, quando olha para ela, vê uma leve fumaça de cheiro acre se desprendendo do sangue em sua lâmina, que havia respingado em sua mão. Ele percebe que o sangue da criatura é de alguma forma tão perigoso quanto suas presas.

A serpente olha pros garotos e projeta sua língua trifurcada para fora. Ela olha de um para o outro enquanto recua o pescoço, parecendo preparar um bote.



A cobra deslizava contra o passarinho, quando o ar estalou e crepitou à sua frente. A besta grita de dor enquanto a eletricidade percorre seu corpo, visível no ar como faíscas, separando-o do seu alvo. ele olha diretament epro filho de Zeus, que já avançava, e o garoto percebe que ele havia visto-o ali, e apenas ignorado inicialmente.

Kyle avança preparando-se para atacar, prevendo um golpe das garras do monstro, quando a criatura, tremendo com o esforço de mover os músculos dormentes, ergue as mãos à frente do corpo, e sua lança surge ali com um estalo. Kyle mal consegue usar a espada para desviar a ponta da lança, mas quando toca o solo o semideus balança a espada, que se estica, envolvendo a lança da criatura. Neste momento, o ar estala, e um raio desaba sobre o garoto. A cobra urra, fumaça saindo de sua boca e ouvidos, enquanto a descarga é transferida a ela pela espada.

Kyle já se preparava para continuar sua investida, quando se da conta de que o homem-serpente permanecia completamente imóvel.

O homem-pássaro geme no chão a 4 metros. Ele rola no chão, tapando o ferimento da lança com uma das mãos, e encara surpreso o filho de Zeus e as faíscas que projetam-se no ar, entre eles.

-- Porq... Por que? -- Sua voz mostra um estranho sotaque, enquanto o bico estala para pronunciar as palavras.




Valkirio   Nojinho    kede  Golfinho  
#21

Ω Kyle Hawkins

avatar
Filho(a) de Zeus
Filho(a) de Zeus
Ver perfil do usuário
Sinto o poder do raio correr por sobre o meu corpo ao mesmo tempo que a criatura sente uma amostra do poder de um filho de Zeus. Antes que eu continue minha investida contra ele percebo que seu corpo está imóvel, embora eu esteja intrigado com o motivo disso ter acontecido, meus instintos de batalha não me permitem parar pois algo me diz que eu não vou gostar dele quando este voltar a se mexer.

Ouço as palavras do homem pássaro mas ainda não estou em condições de responder, tinha algo mais urgente para eu cuidar agora. Como eu tinha prendido meu chicote na lança do monstro eu não tinha certeza se conseguiria usa-lo para meu próximo ataque, mas na verdade eu não ligava, afinal eu tinha uma carta na manga ainda.

Mandando minha espada de volta para a tatuagem eu voo em direção a cabeça da criatura e materializando minha segunda espada eu tentaria decapitar o bicho, de acordo com minha previsão agora começaria realmente a ser uma tempestade, como estou eletrizado e estarei voando ao realizar o ataque acredito que meus bônus acumulados deveriam ser o suficiente para que meu golpe seja bem sucedido.

Se eu conseguir meu objetivo e o monstro agora começar a se transformar em um punhado de pó dourado eu pousaria no chão e iria em direção ao moribundo alado ver se consigo ajudá-lo de alguma forma. Caso o meu inimigo permaneça vivo pelo motivo que seja eu pularia para longe, tomando o cuidado de me manter entre ele e o bird quase morto. Independente do status de vivo ou morto do canário queimado eu vou falar:

- Estou te ajudando pois você é uma criatura alada, um integrante dos reinos de meu pai. Não permitirei que te ataquem sem que eu saiba e concorde com o motivo. Quem é você e porque está sendo atacado?

#22
Ver perfil do usuário
A cabeça do homem cobra rola pelo chão ante de virar pedra e, depois, areia, assim como aconteceu com seu corpo e lança. Um objeto no meio da pilha chama o olhar do filho de Zeus, que se abaixa e agarra uma presa curvada, manchada de verde [Presa de Serpente [Venenosa](x1) Obtido], e guarda no bolso ou em qualquer lugar.

Ele se aproxima do Homem-ave. Ele dá a sua explicação e o cara o encara por mais alguns longos segundos.

-- Tu és um -crak- filho de Zeus, não és? -- Ele se remexe e puxa algo de uma pochete presa na parte de trás da cintura, enquanto o filho de Zeus se aproxima, atravessando a sua barreira de trovão e dissipando-a.

Kyle se abaixa ao lado do avinideo (?) e o observa puxar um frasco escuro, aparentemente de barro. Quando ele o destampa, um brilho amarelo escapa de lá. Ele bate o potinho sobre o machucado, fazendo uma especie de pó dourado cair sobre seus ferimentos, e se encosta sobre os cotovelos, respirando fundo.

-- Me chamo Za-lin. Eu agradeço sua ajuda, filho de Zeus.

Ele então passa uma das mãos sobre o ferimento com pó brilhante, e pronunciou algumas palavras em uma língua estranha, que parecia mais como uma série de assobios e estalidos.

Neste momento a águia de Kyle pousa sobre um dos galhos chamuscados lá em cima. A ave olha para eles e pia, informando ao filho de Zeus sobre o que tinha visto. a ave estranhamente não tinha conseguido dissernir a forma do inimigo, mesmo com sua visão aguçada. Aparentemente, alguma magia o cobria. O filho de Zeus percebe que o homem ao seu lado da um muxoxo, olhando para a águia como se prestasse atenção ao que ela dizia também.

-- Eu não esperava trazer os meus problemas para seu povo, semideus -- Fala ele levantando -- Peço perdão, e agradeço sua ajuda.

Ele flexiona os joelhos. Kyle reconhece aquele movimento, pois vira sua águia alçar vôo milhares de vezes. Mas havia um problema ali. O homem olha para trás, para as próprias costas, para o que restava de suas asas queimadas. Ele se ajoelha e fica ali, parado.




Valkirio   Nojinho    kede  Golfinho  
#23

Hiro Toriki

avatar
Filho(a) de Magia
Filho(a) de Magia
Ver perfil do usuário


O primeiro movimento havia dado certo, ela havia se machucado e isso a prejudicou, precisávamos derrotar a criatura então espero o momento que ela olharia pro Bjorn e uso minha ilusão e tento fazer um clone meu na minha frente exatamente igual, para melhorar a qualidade da ilusão, uso a névoa para ela fazer acreditar no que está vendo, tentando o tornar real o máximo possível.

Caso dê certo, eu começo meu plano:

-Ei, coisa feia, VEM LOGO!! - Grito e tento chamar a atenção dela o máximo possível, eu precisava que ela prestasse atenção em mim.

Caso ela venha atrás de mim, eu uso minha agilidade felina para escapar do golpe dela e fica ao lado do seu corpo e se estando perto da cabeça, focaria em seu olho e invocaria uma lança elemental de fogo contra ela, contudo, se a cabeça ficar distante, atacaria qualquer parte do corpo mesmo, afinal, eu não poderia perder essa chance.

Dando ou não dando certo meus planos contra a cobra, eu desviaria o máximo possível e me distanciaria dela.

passivas:
Nível 8 - Ilusões I: Neste nível, o filho de Baco começa a apreender uma das artes de seu pai: as ilsuões. Neste nível, suas ilsuões ainda não são ótimas, e tem seus efeitos melhorados contra oponentes bêbados. (+ 9 WIS, + 10 WIS CONTRA OPONENTES BÊBADOS)

Nível 3 - Controle da Névoa [Inicial]: Hécate é não apenas a deusa da Magia, mas também aquela que coordena e mantém em dia as contas da Névoa. Seus filhos possuem, então, uma afinidade incomum com este véu mágico, podendo manipulá-los ao seu bel prazer. Neste nível são capazes de mudar a sua aparência e de pequenos objetos aos olhos de mortais e/ou semideuses menos atentos, ou estonteá-los por alguns instantes.

ativas:
Nível 5 – Agilidade Felina: Baco é o Deus dos felinos, sendo assim, ao ativar essa habilidade os filhos dele terão uma agilidade surpreendente (+30 AGI), podendo fazer saltos e desviar de ataques com uma certa facilidade. Essa habilidade custa 30 de energia e dura por 3 rodadas. Ela entrara em espera depois de 2 rodadas.

Nível 5 – Lança Elemental I: O herói consegue invocar uma lança feita de um dos quatro elementos, infligindo dano adicional de acordo com seu elemento. A habilidade consome 45 pontos de energia e entra em espera por 3 rodadas.





#24

Ω Björn Lothbrok

avatar
Filho(a) de Atena
Filho(a) de Atena
Ver perfil do usuário
Havia conseguido fazer um dano substancial na cobra, mas ela aparentemente não havia desistido, o que estava se tornando um incomodo para mim.

Seu sangue ardia por cima da minha pele, mas não era como se pudesse largar minha espada imediatamente, especialmente para o que estava por vir.

Se o plano de Hiro desse certo, a cobrança avançaria em sua direção e então, usando meu | Escudo Boomerang | mirando onde minha espada outrora havia penetrado a cobra. Caso não tivesse mira do ponto em específico, só lançaria o mais próximo do lugar possível.

Caso não desse certo e o monstro virasse na minha direção, entraria em rodada de defesa total, valendo-me do meu escudo para defender as investidas da cobra, procurando sempre a melhor postura para aguentar os golpes da cobra, usando minha habilidade nata para avaliar o oponente.

Mascote escreveu:
Darwin[Coruja-Buraqueira]

120/120

Poderes Passivos:
Nível 1 - Sabedoria: Por ser filho de Atena, você é o mais sábio entre os campistas, e saberá usar sua inteligência em batalha. Também pode ler muito rapidamente, e em qualquer língua ou dialeto. (+5 INT)

Nível 1 - Ambidestria: O herói controla armas com as duas mãos com habilidade. (+5 AGI)

Nível 2 - Vocabulário Aguçado: O herói conhece uma variedade de palavras muito maior em relação às outras pessoas.(+5 INT)

Nível 2 - Gênio: Sendo filho da deusa da sabedoria, você é bem mais capacitado mentalmente do que os demais semideuses. Consegue assimilar as coisas e raciocinar com mais agilidade que todos os outros, o que pode lhe permitir melhor desempenho nas batalhas. (+5 INT)

Nível 3 - Pericia com Escudos [Inicial]: Garante o nível inicial para pericia com Escudos. O herói pode usar escudos pequenos. Permite ao herói treinar as demais pericias até o nível inicial. (+5 CON)

Nível 4 - Flexibilidade com Armadura: O filho de Atena, poderá se locomover bem em batalhas, de forma que a armadura não lhe causa algum problema, desconforto ou atrapalhe.(+4 FOR)

Nível 5 - Regeneração de Batalha I: Os heróis regeneram 5 pontos de vida e 5 pontos de energia por rodada, quando estão em batalha.

Nível 5 - Habilidade com as mãos: Atena também é deusa dos artesãos, por isso seus filhos terão maior facilidade em lidar com desafios manuais.

Nível 6 - Orgulho: Quando é humilhado, subestimado ou menosprezado, o filho de Atena se sente ofendido e tem seu orgulho ferido, aumentando sua vontade de lutar.

Nível 6 - Adaptador [Inicial]: Permite ao campista elevar ao nível [Inicial] qualquer pericia possível de ser treinada. Maior perícia com armas pequenas e curtas. (+5 CORRESPONDENTE À ARMA UTILIZADA)

Nível 7 - Boa Memória: O filho de Atena tem facilidade pra se lembrar das coisas que acontecem, então não tentem enganá-los.(+7 INT)

Nível 8 - Presciência: Os filhos de Atena conseguem, na posse de um escudo e alguma outra arma, realizar contra-ataques, usando o escudo para o bloqueio e sua arma para rápidos ataques.(+5 AGI)

Nível 9 - Pericia com Escudos [Intermediário]: Garante o nível Intermediário para pericia com Escudos. Permite ao herói treinar as demais pericias até o nível Intermediário. O herói de usar escudos médios.(+8 CON)

Nível 10 - Disciplina Mental: Você é muito bem disciplinado, e pouco sucessível a influências psicológicas. (+10 VONT)

Nível 11 - Mestre das Corujas: O herói pode se comunicar com as corujas.(+12 INT)

Poderes Ativos:

Nível 7 - Escudo Bumerangue: Os filhos de Atena podem usar o seu escudo como arma, arremessando-o até o inimigo. Caso ele atinja algo que não atravesse, ele não retorna. O uso desta habilidade requer 30 pontos de energia. A habilidade entrará em espera por 3 rodadas.

Armamento:
- Armadura Ateniense [Completa]
- Escudo Médio
- Escudo Médio de Oricalco [Mítico]
- Kukri [2x]
- Espada Espartana
- Tatuagem {Mochila Rumos e Trilhas} [Costas]
- Tatuagem {5x Poção de Cura[Mítica];5x Poção de Energia[Mítica]} [Antebraço Direto]


Mochila Rumos e Trilhas:
__________________
Itens Curativos [40/50]:

- Poção de Energia [Heroico][x13]
- Poção de Energia [Mítico][x5]
- Poção de Cura [Heroico][x13]
- Poção de Cura [Mítico][x5]
- Barras de Ambrosia [x2]
- Cantis de Nectar [x2]

__________________
Apetrechos[9/15]:

- Proteção Retrátil: Trata-se de uma pequena placa de bronze celestial que pode ser acoplada em qualquer superfície. Após um comando, a placa se expande, cobrindo a área aderida. Pode ser acoplada até mesmo ao próprio escudo do Filho de Atena, adicionando mais uma camada de proteção ao mesmo.
- Pingente de Coruja: Garante 2 pontos extras na habilidade Regeneração de Minerva.
- Monóculo da Justiça: O monóculo pode ser acoplado ao elmo, e se o campista conseguir manter contato visual com um inimigo, faz que este lhe responda a verdade em uma pergunta. Só pode ser usado uma vez por narração.
- Olho de Hórus O portador dessa tatuagem não tera sua alma ceifada sem que seus pontos de vida estejam zerados. Exp: Os Ceifeiros de Tánatos invocam uma entidade para ceifar sua vida, ela não conseguira.
- Elmo do Estrategista: O Elmo auxilia na interpretação de até 3 movimentos do adversário, sendo gasto 5 de energia para cada um deles.
- Canivete [Bronze Celestial]
- Isqueiro Zippo
- Aliança Sagrada [Ouro]
- Canivete Grego 1001 Utilidades: : Este canivete parece, à primeira vista, com um canivete suíço comum. Porém, este possui diversas utilidades que seriam impossíveis de colocar num canivete comum, como um laser para solda, uma luneta e um pequeno microscópio. Deve-se consultar o narrador para demais usos.
- Apito para Patos Ateniense: Um apito para patos, usado por caçadores, aparentemente. Ao usá-lo, porém, pode-se imitar diversos tipos de animais, à escolha do usuário. Além disso, possui um tradutor inglês-espanhol, inglês-francês e inglês-português. Deve-se consultar o narrador para demais usos.
- Esfera Explosiva [Pequena]
- Esfera Explosiva [Média]
- Esfera Explosiva [Grande]
- Esfera de Fuligem
- Esfera de Luz
- Bracelete da União [Par]: O conselheiro e o campista que ele desejar, ao usarem os braceletes, podem executar as habilidades União de Batalha. Não é necessário que o companheiro do conselheiro seja seu irmão ou filho de Ares.




Björn

LFG@
#25

Ω Kyle Hawkins

avatar
Filho(a) de Zeus
Filho(a) de Zeus
Ver perfil do usuário
Suas palavras me deixaram claro que ele não era daqui, na verdade eu cheguei a conclusão de que Za-lin não era uma criatura grega, faço uma pequena careta porque todas as vezes que as mitologias se unem algo muito ruim está prestes a acontecer. O alado me pede desculpas, agradece e percebo que ele estava querendo ir embora, porém pelo visto o hábito fez com que ele esquecesse de que na verdade ele era agora um ex-alado.

- Za-lin, pelo visto a ajuda que eu preciso te oferecer ainda não terminou. Agora poderia me explicar quem é você, de onde veio e porque eles querem te atacar?

Sei que provavelmente essas não eram perguntas simples e/ou confortáveis para ele responder agora, mas eu estava com a impressão de que eu precisava de ajuda para que ele não morresse e o único lugar que eu conhecia que poderia o ajudar era no acampamento e eu não levaria ele para lá sem saber o que ou quem ele era. Solto a minha mochila e procuro por uma barra de ambrósia, penso por um segundo se isso é uma boa ideia tanto por não saber quem ele era quanto por não saber se isso poderia matar ele.

- Eu tenho aqui um pouco de ambrósia, não sei se seria seguro pra ti, mas caso acho que pode ajudar.

Ofereço para ele a comida divina e caso ele não queira eu volto a guarda-la. Me pergunto de que tipo de mitologia ele vem, mas ao mesmo tempo estou com medo de saber, afinal conhecimento é poder porém também trás responsabilidades e perigos. Muitas vezes a opção mais fácil e segura é a ignorância, ela é uma benção que não é oferecida para todos.

#26
Ver perfil do usuário
Filho de Hécate consegue chamar a atenção da cobra com sua ilusão. A serpente olha para o semideus e para a ilusão, e então projeta a lingua trifurcada. A criatura então ataca, porém não como o semideus esperava.

A cauda da serpente, até então oculta, surge por trás e atinge hiro, ignorando a miragem que parecia quase perfeita.

O semideus rola no chão, confuso, enquanto o filho de Atena lança seu Escudo, que atinge a serpente, que chia e se debate de dor, golpeando com suas multuplas patas, derrubando arvores com seu corpo volumoso e forte.

Hiro se levanta bolado. Aparentemente, suas costas doíam e o braço sangrava em um ponto que chocou no chão quando caiu, mas estava em boas condições. O garoto ergue a mão, se posicionando, e chamas faíscam entre seus dedos. Uma lança de chamas ganha forma e o guri a dispara contra a serpente. A cobra que estava ocupada tentando inutilmente atingir o filho de Atena olha espantada para a fonte de calor que se aproximava rapidamente, e este foi seu erro; a lança se finca em seu olho e ela silva de agonia, se debatendo, e por fim, tomba, imóvel. A serpente se transforma lentamente em pedra, e então racha em pedaços menores, começando a partir do olho que fumegava, e então vira areia. Apenas seu crânio permaneceu de pé em meio à areia, se dissolvendo mais lentamente. Tudo aos poucos vira areia, com exceção de duas presas levemente esverdeadas, que liberam uma leve fumaça verde.




Kyle percebe, enquanto fala, que o feitiço do homem-pássaro parecia fazer efeito. Uma luz amarelada como a do sol ilumina o dia escuro, a partir da mão do pássaro, e o po dourado brilha em resposta. Aos poucos os ferimentos dele começam a cicatrizar.

Ele permanece em silêncio durante alguns minutos.

-- Meu povo... Nós nos chamamos Mink. Somos uma tribo que vive oculta por motivos de segurança. Eu estava enfrentando um enviado de uma tribo inimiga quando nos chocamos contra sua barreira mágica. Eu não consegui ver seu acampamento até me chocar contra ela... É uma magia impressionante. Minah visão e um dos meus maiores orgulhos. Mas agora, percebo que seu cheiro ainda escapa levemente...

Kyle percebe que apesar de falar normalmente, o homem emanava uyma tristeza digna da tempestade que caida sobre eles. O filho de zeus tinha a impressão de que, mesmo sem sua ajuda, os céus estariam chorando naqule momento.

-- É uma vergonha para mim precisar de sua ajuda, mas... Eu tenho estima por filhos de Zeus. E agradeço por sua ajuda. Por favor, me ajude a voltar a meu povo -- O homem faz uma messura profunda para Kyle, e começa a explicá-lo sobre como suas asas eram seu meio para voltar à sua terra; através das nuvens. Cada mink tinha um tempo de viajar até sua terra, e os meios dele estavam cruelmente... Queimados.

A águia pia novamente, informando que ouvia o som de batalha não muito distante, ao sul; direçao de onde kyle viera.

Ula coruja chega, arrepiada, e pousa ao lado da aguia. As aves conversam por piados, e a aguia informa que Hiro e Bjorn estavam proximos.




Valkirio   Nojinho    kede  Golfinho  
#27

Ω Björn Lothbrok

avatar
Filho(a) de Atena
Filho(a) de Atena
Ver perfil do usuário
Foi por pouco, mas a serpente finalmente caiu, não sem antes me causar uma queimação dos infernos no braço que segurava a espada. O veneno parecia interessante e, talvez seja útil mais tarde e, por isso, rasguei um pedaço da minha camisa e enrolei uma das presas que ela havia deixado, lembrando-me de um ferimento antigo numa pessoa estúpida.

Me peguei rindo levemente, mas dei de ombros, tinha outro problema pra resolver.

- Tem água? - Inqueriria ao garoto que aparentemente estava bem. Caso ele não tivesse, simplesmente aguentaria a queimação embainharia a espada, liderando o caminho em direção a onde minha Darwin havia ido, usando minha nova coruja para me guiar em direção ao lugar certo.

Mascote escreveu:
Darwin[Coruja-Buraqueira]

120/120

Poderes Passivos:
Nível 1 - Sabedoria: Por ser filho de Atena, você é o mais sábio entre os campistas, e saberá usar sua inteligência em batalha. Também pode ler muito rapidamente, e em qualquer língua ou dialeto. (+5 INT)

Nível 1 - Ambidestria: O herói controla armas com as duas mãos com habilidade. (+5 AGI)

Nível 2 - Vocabulário Aguçado: O herói conhece uma variedade de palavras muito maior em relação às outras pessoas.(+5 INT)

Nível 2 - Gênio: Sendo filho da deusa da sabedoria, você é bem mais capacitado mentalmente do que os demais semideuses. Consegue assimilar as coisas e raciocinar com mais agilidade que todos os outros, o que pode lhe permitir melhor desempenho nas batalhas. (+5 INT)

Nível 3 - Pericia com Escudos [Inicial]: Garante o nível inicial para pericia com Escudos. O herói pode usar escudos pequenos. Permite ao herói treinar as demais pericias até o nível inicial. (+5 CON)

Nível 4 - Flexibilidade com Armadura: O filho de Atena, poderá se locomover bem em batalhas, de forma que a armadura não lhe causa algum problema, desconforto ou atrapalhe.(+4 FOR)

Nível 5 - Regeneração de Batalha I: Os heróis regeneram 5 pontos de vida e 5 pontos de energia por rodada, quando estão em batalha.

Nível 5 - Habilidade com as mãos: Atena também é deusa dos artesãos, por isso seus filhos terão maior facilidade em lidar com desafios manuais.

Nível 6 - Orgulho: Quando é humilhado, subestimado ou menosprezado, o filho de Atena se sente ofendido e tem seu orgulho ferido, aumentando sua vontade de lutar.

Nível 6 - Adaptador [Inicial]: Permite ao campista elevar ao nível [Inicial] qualquer pericia possível de ser treinada. Maior perícia com armas pequenas e curtas. (+5 CORRESPONDENTE À ARMA UTILIZADA)

Nível 7 - Boa Memória: O filho de Atena tem facilidade pra se lembrar das coisas que acontecem, então não tentem enganá-los.(+7 INT)

Nível 8 - Presciência: Os filhos de Atena conseguem, na posse de um escudo e alguma outra arma, realizar contra-ataques, usando o escudo para o bloqueio e sua arma para rápidos ataques.(+5 AGI)

Nível 9 - Pericia com Escudos [Intermediário]: Garante o nível Intermediário para pericia com Escudos. Permite ao herói treinar as demais pericias até o nível Intermediário. O herói de usar escudos médios.(+8 CON)

Nível 10 - Disciplina Mental: Você é muito bem disciplinado, e pouco sucessível a influências psicológicas. (+10 VONT)

Nível 11 - Mestre das Corujas: O herói pode se comunicar com as corujas.(+12 INT)

Poderes Ativos:

---

Armamento:
- Armadura Ateniense [Completa]
- Escudo Médio
- Escudo Médio de Oricalco [Mítico]
- Kukri [2x]
- Espada Espartana
- Tatuagem {Mochila Rumos e Trilhas} [Costas]
- Tatuagem {5x Poção de Cura[Mítica];5x Poção de Energia[Mítica]} [Antebraço Direto]


Mochila Rumos e Trilhas:
__________________
Itens Curativos [40/50]:

- Poção de Energia [Heroico][x13]
- Poção de Energia [Mítico][x5]
- Poção de Cura [Heroico][x13]
- Poção de Cura [Mítico][x5]
- Barras de Ambrosia [x2]
- Cantis de Nectar [x2]

__________________
Apetrechos[9/15]:

- Proteção Retrátil: Trata-se de uma pequena placa de bronze celestial que pode ser acoplada em qualquer superfície. Após um comando, a placa se expande, cobrindo a área aderida. Pode ser acoplada até mesmo ao próprio escudo do Filho de Atena, adicionando mais uma camada de proteção ao mesmo.
- Pingente de Coruja: Garante 2 pontos extras na habilidade Regeneração de Minerva.
- Monóculo da Justiça: O monóculo pode ser acoplado ao elmo, e se o campista conseguir manter contato visual com um inimigo, faz que este lhe responda a verdade em uma pergunta. Só pode ser usado uma vez por narração.
- Olho de Hórus O portador dessa tatuagem não tera sua alma ceifada sem que seus pontos de vida estejam zerados. Exp: Os Ceifeiros de Tánatos invocam uma entidade para ceifar sua vida, ela não conseguira.
- Elmo do Estrategista: O Elmo auxilia na interpretação de até 3 movimentos do adversário, sendo gasto 5 de energia para cada um deles.
- Canivete [Bronze Celestial]
- Isqueiro Zippo
- Aliança Sagrada [Ouro]
- Canivete Grego 1001 Utilidades: : Este canivete parece, à primeira vista, com um canivete suíço comum. Porém, este possui diversas utilidades que seriam impossíveis de colocar num canivete comum, como um laser para solda, uma luneta e um pequeno microscópio. Deve-se consultar o narrador para demais usos.
- Apito para Patos Ateniense: Um apito para patos, usado por caçadores, aparentemente. Ao usá-lo, porém, pode-se imitar diversos tipos de animais, à escolha do usuário. Além disso, possui um tradutor inglês-espanhol, inglês-francês e inglês-português. Deve-se consultar o narrador para demais usos.
- Esfera Explosiva [Pequena]
- Esfera Explosiva [Média]
- Esfera Explosiva [Grande]
- Esfera de Fuligem
- Esfera de Luz
- Bracelete da União [Par]: O conselheiro e o campista que ele desejar, ao usarem os braceletes, podem executar as habilidades União de Batalha. Não é necessário que o companheiro do conselheiro seja seu irmão ou filho de Ares.




Björn

LFG@
#28

Hiro Toriki

avatar
Filho(a) de Magia
Filho(a) de Magia
Ver perfil do usuário


Esse foi o meu primeiro monstro de grande porte foi morto por mim e devo dizer... estava emocionado em ter sido muito útil :moe:

Bem, mas ms não poderia perder meu tempo, pois eu vendo ele pegar uma das presas e eu faço o mesmo, pego uma das mangas e a rasgo, pegando a presa para Elie mim :fuckit:

Quando eu tava guardando, vejo o Bjorn falar comigo e percebo que ele estava ferido então eu pego um dos meus soros curativos, abro e eu o abro, pois  ele precisava mais dele do que eu.

-Não tenho água, mas tenho isso. -Jogo o soro em sua mão. -Obrigado pela ajuda Bjorn ^^

Quando eu termino de jogar o soro em sua mão, eu volto a olhar pros lados e fico procurando para ver se encontro algum rastro de magia. com o meu detectar magia

passivas:
Nível 1 – Detectar Magia [Inicial]: O filho de Hécate consegue detectar auras mágicas fortes em um raio de cinquenta metros (Auras mágicas são referente a quantidade de magia envolvida no monstro ou artefato). (RECONHECIMENTO ACIMA DE 50 WIS)



#29
Ver perfil do usuário
O guri de Hécate joga seu soro pro guri de Atena. Ambos recuperam o fôlego por um momento, observando as pedras e o pó que um dia formaram uma serpente viva se desfazendo no chão da floresta e sendo levados pelos ventos frescos.

Tudo estava tranquilo, quando um o som de um trovão faz seus ossos tremerem. Hiro sente o pico de energia vindo do Norte, onde sabia estar a fonte mágica, e percebe que deveria estar havendo alguma luta lá. Junto com o raio e o aumento na assinatura de energia, ele consegue identificar que era Kyle quem estava lutando. Mas, contra o que?



Enquanto isso, Kyle tá lá com o homem-pássaro. A águia e a coruja brincam de se bicar na árvore.




Valkirio   Nojinho    kede  Golfinho  
#30

Re: Missão Aleatória - Bjorn, Kyle, Hiro

por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado


#31

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 3 de 5]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum