Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Acampamentos » Acampamento Meio-Sangue » Outros Locais » Floresta » 

Ir à página : Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 2 de 2]

Re: Uma Noite Na Floresta - Elie van Let

por Baco em Qua 2 Jan 2019 - 20:33

Baco

avatar
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
A semideusa começa a criar outro golem com seu próprio sangue, dessa vez um golem de vento. Infelizmente essa ação tomou mais tempo do que deveria, impedindo-a de ir atras dos monstros novamente.

Focada nos radar mágico, Elie percebe que todas as outras auras haviam sumido. As folhas das árvores balançavam com o vento resultante da criação do golem, que ainda estava sendo arquitetado pelas mãos frenéticas da semideusa.

Foi então que um calafrio percorreu sua espinha, do lado de um arbusto uns 30 metros ao fundo, a filha de Magia pôde enxergar um par de olhos cor de prata observando-a e se aproximando lentamente. Ele sabia como burlar o radar ou Elie havia se distraído ?



Spoiler:


~EU SOU O EXU~
#11

Ὧ Elie Van Let

avatar
Filho(a) de Magia
Filho(a) de Magia
Ver perfil do usuário
Spoiler:

Esta é minha cara ao ver o lobo. Um misto de excitação, admiração e pavor me envolvem. Sinto meu estomago contrair e esfriar como se eu tivesse engolido uma pedra de gelo. Em contraste, sinto meus braços e pernas tremerem e esquentarem enquanto o sangue começa a bombear mais rapidamente. De novo, penso. De novo minha vida está em risco, e tudo o que consigo sentir é esta euforia descabida.

Era uma sensação estranha para mim querer lutar. Eu adorava usar magia, veja bem, mas não exatamente em batalha. Eu adorava fazer meus frascos de vidro flutuarem e arrumá-los de acordo com tamanho, adorava lavar os pratos com um estalar de dedos, e até mesmo pregar peças nos meus colegas, transformando seus donnuts em pedra um segundo antes deles morderem. Para mim, descobrir o prazer em uma luta ainda era uma sensação nova, e ali estava eu. Lutando mais uma vez. Cara a cara com uma fera selvagem - a maior que eu já tinha visto, de passagem - e sem saber se estaria inteira no momento seguinte.

Bobagem, falou outra voz em minha cabeça. Bobagem. Eu sou o Mago. E O Mago é IMPLACÁVEL.

Termino a criação do golem o mais rápido que eu poderia. Aquele monstro havia desaparecido em meu radar mágico, e eu agora sabia que poderia ser um perigo maior do que eu já tinha enfrentado.

-- Vá! Lute por mim e morra por mim! HAHAHA!

Ordeno ao meu pseudo-venti que ataque a criatura então. Enquanto isso, eu estaria concentrando toda a energia que podia em minha varinha e enfiando a mão no bolso do jaleco para puxar de lá o Isqueiro Zippo Tunado que Roran havia me dado. Risco-o enquanto libero a energia que tinha acumulado através da varinha, usando Forças para aumentar o tamanho da esfera até o limite do possível, combinando minha energia com o poder extra conferido pela varinha.

Então, torço as chamas, tentando criar a maior Lança Elemental que eu já havia feito, usando Forças para comprimir as chamas, intensificando seu poder e solidificando sua forma, para então dispará-la contra... O golem.

Claro. Não o faço levianamente, ou meu plano e meu sacrifício de energia seriam em vão. Aguardo até que o golem e o lobo se aproximem. Eu esperava que meu servo atraísse a atenção da criatura por estar avançando na frente, e caso dê certo, eu aguardaria tempo suficiente para disparar a grande seta de chamas contra ele, visando fazer as chamas se expandirem e se alimentarem do oxigênio comprimido no corpo de vento da criatura, causando uma explosão.

Claro, se eu perceber que o Lobo ignoraria o golem e viria direto até mim, eu calculo sua velocidade para prever o momento que passaria pelo golem - que estaria naturalmente entre nós - e então disparar a lança de fogo. Ergo a barra do jaleco à frente do corpo para me proteger do calor da explosão, caso a parada dê certo.

Mas... Bom... Eu sei que a vida de um semideus nunca é tão simples. Assim, estarei sempre pronto para adaptar meu plano em caso de ocorrer um imprevisto. Se eu não conseguir concretizar meu ataque, porque o lobo decidiu evitar o golem e dar a volta ou coisa do tipo, eu redireciono o mesmo, a contragosto, usando Forças para fragmentar as chamas criando flechas de fogo, as quais disparo em sequência para tentar atingir o monstro e atear fogo a ele.

Se necessário eu rolo por entre as árvores, arranco a pulseira do braço e a jogo no chão, saltando sobre a vassoura ( :hmm: ) e parto voando entre as árvores, ziguezagueando em meio à vegetação para evitar a besta atrás de mim. Eu já havia percebido o quão silencioso ele era, então não poderia guiar-me pelo som. Eu já tinha percebido que ele era capaz de esconder completamente sua presença, fugindo até mesmo de meu radar mágico. O caçador perfeito estava atrás de mim e, ciente disso, eu não ousaria subestimá-lo. Uso então de todos os sentidos disponíveis, físicos e mágicos, e dos sinais da floresta para guiar-me para longe dele. O revoar de um pássaro, o silêncio das cigarras; tudo poderia ser um sinal da presença da criatura, e não deixo que nenhum sinal passe despercebido enquanto luto pela sobrevivência.

Nível 9 – Forças [Intermediário]: O filho de Hécate cria e manipula os elementos em feitos medianos. Ex: criar uma esfera de 10cm de RAIO, provocar um pequeno tremor, e similares. Custa 50 de energia, a habilidade entrará em espera durante três turnos.

Nível 5 – Lança Elemental I: O herói consegue invocar uma lança feita de um dos quatro elementos, infligindo dano adicional de acordo com seu elemento. A habilidade consome 45 pontos de energia e entra em espera por 3 rodadas.


- Varinha da Lua Nova [š] - Uma varinha de madeira escura feita de casca de teixo,capaz de maximizar o poder Forças do filho de Hécate.

- Isqueiro Zippo [Tunado][Bronze Celestial][><] - As chamas do isqueiro queimam intensamente por duas rodadas. começa com o tamanho de uma bola de futebol, e cai para metade disso em uma rodada. Após o uso, fica 3 rodadas

- Jaleco [Bronze Celestial][Masculino][Revestido de Cobre e Couro de Telquine][Transmutação - Jaqueta de couro negro][|3|] - Um jaleco feito de tecido de bronze celestial revestido por uma camada de cobre. Pode reduzir danos fracos, e aparar alguns projéteis. O revestimento confere resistência contra ataques elétricos de nível baixo a médio, barrando uma parte da carga. É revestido com couro de Telquine por dentro, de forma que protege seu usuário contra qualquer ataque de fogo ou calor - desde que esteja cobrindo a área atingida. Pode se disfarçar em uma jaqueta de couro negro.

A considerar:

Nível 1 – Detectar Magia [Inicial]: O filho de Hécate consegue detectar auras mágicas fortes em um raio de cinquenta metros (Auras mágicas são referente a quantidade de magia envolvida no monstro ou artefato). (RECONHECIMENTO ACIMA DE 50 WIS)

Nível 4 – Dialeto Lupino: Sendo o Lobo um dos símbolos sagrados de Hécate, seus filhos conseguem se comunicar com estes animais apenas com a mente, bem como serão tratados por eles como mestres.

Nível 4 – Visão Noturna: Filhos de Hécate conseguem enxergar a noite e em ambientes com baixa luminosidade.

Nível 5 – Banho de Lua: Ao lutar à noite, sob a luz da lua, o filho de Hécate tem suas capacidades Maximizadas (+10 WIS, AGI)

Nível 5 – Regeneração gradual de Energia: Mesmo sem a interferência da luz da lua nova, os filhos de Hécate conseguem recuperar suas energias mais rapidamente. Recebem 5 de Energia por rodada.

Nível 6 – Imunidade do Aprendiz: Seu corpo treinado e trabalhado em magia dá aos filhos de Hécate maior resistência contra ataques mágicos. (+10 CON CONTRA ATAQUES MÁGICOS)

Nível 8 - Alento da Encruzilhada: Sendo filho da deusa das encruzilhadas e dos caminhos, os filhos de hecate terão sempre uma melhor noção de qual caminho tomar em situações de difíceis escolhas.(+ 13 INT)

Nível 9 - Pericia Elemental [Intermediário]: Confere o nível [Intermediário] em armas com o descritor: Elétrico, Flamejante ou Gélido. (+10 NO ATRIBUTO CORRESPONDENTE À ARMA)

Nível 10 - Conhecimento do Mago: Um dos maiores passatempos dos filhos de Hécate é a leitura de livros sobre seu assunto preferido: Magia. Estes semideuses possuem uma predisposição natural enorme para aprender sobre tipos de magia e reconhecem-nos com facilidade, interpretando e "decodificando" feitiços com facilidade.

#12

Re: Uma Noite Na Floresta - Elie van Let

por Baco em Qui 3 Jan 2019 - 11:47

Baco

avatar
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
As mãos de Elie trabalhavam freneticamente conforme a adrenalina pulsava pelo seu corpo. Tecendo aqui e ali, o monstro ia se aproximando vagarosamente, como se quisesse saborear a caça. Assim que a ordem é dada pela semideusa a seu golem recém-formado, tudo vira um caos.

A massa de ar comprimido se apressa para interceptar o lobisomem, que por sua vez também aumenta a velocidade para um ataque direto. Enquanto isso a filha de Magia trabalhava em sua lança gigante de fogo, que é arremessada no instante em que Silver passa seco pelo golem. A lança atravessa o peito do monstro... e logo em seguida acerta o verdadeiro objetivo.

Os olhos da filha de Magia brilham quando uma explosão de fogo acerta Silver pelas costas, queimando toda a vegetação em volta e iniciando um incêndio médio. Se não fosse pelo jaleco, provavelmente teríamos churrasquinho de semideusa. Enquanto se protegia, Elie aguça seus sentidos e pôde sentir que a aura de Silver ainda estava presente, porém se apagava cada vez mais até sumir.

Então, a aura de Fury volta a constar em seu radar, e parecia estar em movimento em direção á explosão. Sem ter bolado nenhum plano em específico, a semideusa decide montar em sua vassoura e voar por cima da copa das árvores. De lá, ela poderia tramar outra coisa.

+1 de Respeito



Spoiler:


~EU SOU O EXU~
#13

Ὧ Elie Van Let

avatar
Filho(a) de Magia
Filho(a) de Magia
Ver perfil do usuário
Enquanto sobrevoo a copa das árvores eu vou em direção à clareira onde havia enfrentado fury anteriormente, guiando-me por meu (não tão bom) senso de localização e por meu radar mágico, para sentir a direção de onde o lobisomem está vindo e também de meu chicote elétrico, que era o meu interesse lá. Se eu o perdesse em minha primeira batalha, Roran iria forjar outro chciote só para me flagelar.

Enquanto isso, eu pondero sobre minhas opções, respirando fundo para recuperar o fôlego. Fico atenta para o caso da fera tentar alcançar-me saltando pelas árvores ou arremessar algo contra mim, e tento evitar qualquer um dos ataques voando para os lados rapidamente, ou mais para cima, e contra-atacar com um Disparo Mágico a partir de minha varinha, mirando a cara do lobo.

No mais, se eu encontrar a clareira e tiver a uma distância segura da criatura, eu desço e recolho o chicote rapidamente. Mantenho então a vassoura em uma mão e a arma na outra. Então aguardo o lobo mau, fazendo meu robe de merlin tremular para assumir a forma de uma capa vermelha como a da chapeuzinho. Ainda não conseguia acreditar que estava enfrentando dois lobos em uma única noite, e ainda mais, que meu plano para eliminar um havia dado certo. A cada batalha eu percebia que a magia não tinha limites. Mesmo que eu fosse fraca, podia criar ataques fortes se combinasse as magias certas que tinha à minha disposição e, naquele momento, o que eu pensava era; O que posso combinar para conseguir outro ataque forte o suficiente para eliminar o segundo lobo?

Apenas aguardo enquanto enquanto penso, como citado antes atenta para desviar de qualquer ataque no ar ou em terra, pulando pros lados, correndo como louca para os lados e usando árvores para me esconder ou evadir de ataques, usando de meu corpo pequeno e auxilio de impulsos da vassoura para mover-me mais facilmente.

Nível 12- Disparo Mágico II: Agora o lampejo parece mais com um raio de energia intensa, que atinge o alvo com força, causando queimaduras e impacto consideráveis. Consome 35 de Energia. Alcance máximo de 10m e entra em espera por 4 rodadas.

#14

Re: Uma Noite Na Floresta - Elie van Let

por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado


#15

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 2 de 2]

Ir à página : Anterior  1, 2

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum