Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!




ATUALIZAÇÕES DO FÓRUM




Absolutamente TUDO de novo que foi adicionado ao fórum DEVE ser postado neste tópico (localizado em "Noticias e Atualizações" do Mural Divino). Esse é um tópico de uso exclusivo da ADM para expor novas informações e servirá como um meio de comunicação onde os players poderão se manter atualizados sobre aquilo que vem acontecendo dentro do fórum.
Por isso peço encarecidamente que sempre estejam olhando este tópico e que o enviem aos novatos para se ater das mesmas coisas que vocês, avisem colegas e amigos sempre que virem algo novo acontecendo.
Se você, jogador, tiver algo para falar a respeito do que foi postado aqui, use nossa chatbox ou mesmo o tópico da central de atendimento: http://www.heroisdoolimpo.com/t46-central-de-atendimento-ao-campista

IMPORTANTE: Esse tópico é para ser atualizado sempre que algo mudar, não precisa ser preenchido somente por Ártemis e Hefesto. Se vc tem algo novo para postar, POSTE COMO COMENTÁRIO AQUI, seja uma mega missão, ou qualquer outra coisa.

Veja em: http://www.heroisdoolimpo.com/t2341-atualizacoes-do-forum-leiam-e-fiquem-por-dentro-do-que-esta-acontecendo

Novidades serão postadas como comentários ao longo do tópico!



Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Acampamentos » Acampamento Meio-Sangue » Outros Locais » Forjas » 

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 14 ... 23  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 5 de 23]

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Re: Forjas do Acampamento Meio-Sangue

por Convidado em Dom 6 Out 2013 - 14:03

Convidado

Anonymous
Convidado
Chego nas forjas um pouco apreensivo, essa encomenda realmente me deixou animado. São muitos trabalhos a serem feitos e isso era ótimo.

Primeiramente, derreto 10 Kg de Bronze Celestial, após ele estár líquido, começo a moldar as armas. Duas Gládios e duas Falcatas, uso nas 4 armas, todas as minhas escamas de dragão do fogo para elas ficarem flamejantes.

Depois disso, pego os ossos que havia comprado e faço de Falcatas, coloco em cada uma delas 50 dentes de Cão Infernal. Assim ela não cortaria e sim arrancaria pedaços do oponente.

Por fim pego os 3 metros de couro de Cão Infernal, e faço um sobretudo com capuz. Depois disso, pega minhas escamas de Dragão das sombras, faço todas elas virarem pó e espalho por cima do couro. Depois coloco ele para curtir em cima da fornalha e dou umas marteladas nele para que ele fique mais condensado e resistente.

|ATT|

#41

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Re: Forjas do Acampamento Meio-Sangue

por Convidado em Sab 12 Out 2013 - 22:40

Convidado

Anonymous
Convidado
Chego nas forjas e já acendo as fornalhas. Derreto as 100 gramas de oricalco e as divido em 10 partes. Começo a moldá-las deixando um espaço dentro delas que preenchi com água e depois as fecho.

Pego um tridente que havia me dado para modificar e faço o mesmo esquema das agulhas. Depois esmago 6 escamas de dragão do trovão até virar pó e as forjo junto com o metal da arma, deixando-a elétrica.

#42

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Re: Forjas do Acampamento Meio-Sangue

por Convidado em Ter 22 Out 2013 - 16:06

Convidado

Anonymous
Convidado
Chego nas forjas e retiro 28 Kg de material da minha mochila. Separo os ossos do Ouro Imperial, acho que era o material mais pouco conhecido por mim.

Começo a fazer duas armaduras Romanas Completas, elas iriam ser idênticas e sob medida para Galadriel, uma romana folgada.

Uso minhas habilidades para fazer com que os materiais fiquem mais resistentes e leves, a garota mal sentiria o peso do equipamento quando usasse.

#43

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Re: Forjas do Acampamento Meio-Sangue

por Roran em Ter 5 Nov 2013 - 22:52

Roran

Roran
Filho(a) de Hefesto
Filho(a) de Hefesto
Ver perfil do usuário
Entro nas forjas de buenas :ahn: Com meu martelo em mãos e 3 escamas de Dragão do Trovão no bolso, ponho-me a trabalhar e, Hefesto-sabe-la-como, transfiro a essência elementar das escamas pro martelo, tornando-o um Martelo Grande [Elétrico] :ahn:
Depois saio das forjas tocando na cabeça do martelo e gritando a cada 10 segundos Manolo



Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 2431665010Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 2486766904Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 2431665010
#44

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Re: Forjas do Acampamento Meio-Sangue

por Hefesto em Dom 17 Nov 2013 - 19:07

Hefesto

Hefesto
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
@Roran escreveu:Entro nas forjas de buenas :ahn:Com meu martelo em mãos e 3 escamas de Dragão do Trovão no bolso, ponho-me a trabalhar e, Hefesto-sabe-la-como, transfiro a essência elementar das escamas pro martelo, tornando-o um Martelo Grande [Elétrico] :ahn:
Depois saio das forjas tocando na cabeça do martelo e gritando a cada 10 segundos Manolo
|Não att por falta de perícia|



Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Hefest10
https://www.facebook.com/paulohenrique.morais.9
#45

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Treino de Forja

por Jayce Montgomery em Sab 23 Nov 2013 - 22:47

Jayce Montgomery

Jayce Montgomery
Filho(a) de Hefesto
Filho(a) de Hefesto
Ver perfil do usuário
Entro nas forjas, minha primeira visita, mas não sei o por que aquele lugar me acalmava e eu me sentia bem. então fui tirando o material da minha mochila. Primeiro tiro 1.5 kg de Bronze Celestial, após isso ligo as fornalhas e derroto todo o bronze celestial e o deixo lá enquanto faço o molde de um escudo pequeno que nele há entalhado o formato de uma Hidra. Após terminado o molde e terminado o derretimento do Bronze Celestial, jogo todo o Bronze derretido no molde, depois o coloco na água para ele resfriar. Após o resfriamento estiver terminado tiro o molde da água, escudo do molde, o coloco no fogo até deixá-lo incandescente, pego meu martelo e começo a martelar até o escudo ficar perfeito. Depois de terminado a sessão "martelada" coloco as luvas à prova de fogo, seguro o escudo e o mergulho na água para resfriá-lo e pronto o escudo pequeno está finalizado.

Pontos de forja Recebidos: 10



Última edição por Cristopher Clean em Dom 24 Nov 2013 - 14:33, editado 1 vez(es)

#46

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Re: Forjas do Acampamento Meio-Sangue

por Convidado em Dom 24 Nov 2013 - 1:56

Convidado

Anonymous
Convidado
Chego nas forjas e vejo que elas tem andado mais movimentada do que o de costume.

Vou até a minha bancada e coloca  a minha mochila sobre ela e a abro. Retiro de dentro 1 poção de vida mítica, uma erva medicinal forte, uma barra de ambrosia ,uma pasta de ervas e um frasco de lagrimas da minha fênix que consegui após lhe mostrar Demien Ricce

Antes de começar meus experimentos, vou até um armário onde guardávamos os equipamentos de segurança. Eu quase nunca usava aquilo, mas hoje seria um dia especial. Coloco o capacete, a viseira, as luvas grossas de couro e vou ao trabalho.

Pego um pouco de osso que havia comprado recentemente e esculpo ele na lixadeira até virar um pingente em forma de moeda.

Volto para a bancada e pego um refratário que usamos como molde para o metal e coloco a barra de ambrosia dentro. Com um pilão, começo a mexe-la até ficar despedaçada. Depois disso, despejo a poção de vida mítico dentro e mexo até virar uma pasta meio amarelo/azulado.

Pego as ervas medicinais, as lagrimas da fênix, a pasta de ervas e misturo tudo naquela gororoba de suprimentos para a vida. Passo a mão no meu bolso e pego uma Semente de Deméter. Coloco-a entre minhas duas mãos e começo a esfrega-la esmagando-a ao mesmo tempo. Os farelos iam caindo direto na mistura.

Depois disso tudo, coloco o pingente de osso no refratário. Começo a encantá-lo para que o osso, um material que é usado bastante para itens mágicos, absorva o poder curativo de todos aqueles itens ao mesmo tempo que rezo a Hefesto e a Esculápio para que isso de certo.

Meu objetivo era forjar um item que recuperasse a minha vida para sempre. (Tipo, recupera 20 de energia por turno.)

Habilidades:

Pericia com Forjas Avançado

Nível 17 - Encantar Forja: Seu personagem pode encantar a arma que está fabricando, isto é, pode lhe conceder um efeito especial. A intensidade e poder do efeito depende do nível. E custo de energia depende do efeito desejado(consulte um narrador para mais detalhes).

#47

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Re: Forjas do Acampamento Meio-Sangue

por Hefesto em Dom 24 Nov 2013 - 3:56

Hefesto

Hefesto
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
@Ω Johnny Singer escreveu:Chego nas forjas e vejo que elas tem andado mais movimentada do que o de costume.

Vou até a minha bancada e coloca  a minha mochila sobre ela e a abro. Retiro de dentro 1 poção de vida mítica, uma erva medicinal forte, uma barra de ambrosia ,uma pasta de ervas e um frasco de lagrimas da minha fênix que consegui após lhe mostrar Demien Ricce

Antes de começar meus experimentos, vou até um armário onde guardávamos os equipamentos de segurança. Eu quase nunca usava aquilo, mas hoje seria um dia especial. Coloco o capacete, a viseira, as luvas grossas de couro e vou ao trabalho.

Pego um pouco de osso que havia comprado recentemente e esculpo ele na lixadeira até virar um pingente em forma de moeda.

Volto para a bancada e pego um refratário que usamos como molde para o metal e coloco a barra de ambrosia dentro. Com um pilão, começo a mexe-la até ficar despedaçada. Depois disso, despejo a poção de vida mítico dentro e mexo até virar uma pasta meio amarelo/azulado.

Pego as ervas medicinais, as lagrimas da fênix, a pasta de ervas e misturo tudo naquela gororoba de suprimentos para a vida. Passo a mão no meu bolso e pego uma Semente de Deméter. Coloco-a entre minhas duas mãos e começo a esfrega-la esmagando-a ao mesmo tempo. Os farelos iam caindo direto na mistura.

Depois disso tudo, coloco o pingente de osso no refratário. Começo a encantá-lo para que o osso, um material que é usado bastante para itens mágicos, absorva o poder curativo de todos aqueles itens ao mesmo tempo que rezo a Hefesto e a Esculápio para que isso de certo.

Meu objetivo era forjar um item que recuperasse a minha vida para sempre. (Tipo, recupera 20 de energia por turno.)

Habilidades:

Pericia com Forjas Avançado

Nível 17 - Encantar Forja: Seu personagem pode encantar a arma que está fabricando, isto é, pode lhe conceder um efeito especial. A intensidade e poder do efeito depende do nível. E custo de energia depende do efeito desejado(consulte um narrador para mais detalhes).

Não é possível forjar um item que recupere HP constantemente.
Item forjado: Pingente de Esculápio: Este pingente recuperará a vida do usuário no total de 1066 pontos. Esses pontos poderão ser fracionados (usado pouco a cada turno) ou mesmo usados de uma vez. Depois de usado o total de pontos, o item entrará em espera até a próxima narração.



Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Hefest10
https://www.facebook.com/paulohenrique.morais.9
#48

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Treino

por Convidado em Dom 24 Nov 2013 - 19:55

Convidado

Anonymous
Convidado
As forjas pareciam estar mais movimentadas do que ultimamente. Pelo menos eu podia deduzir isso pela bagunça que meus irmãos desleixados estavam deixando. Retiro algumas tralhas quebradas que alguém havia deixado quebradas em cima da minha bancada para que eu pudesse começar o meu trabalho.

Anda até a fornalha e a acendo, precisava de muita caloria para derreter o metal por isso era bom sempre deixá-la ligada antes. Pego um lápis e uma folha e começo a desenhar projeto. Acho que somente eu conseguia entender a minha letra, ela estava mais para um código ultra secreto do que palavras. Meus desenhos não ficavam para traz no meu nível de "garrancho".

Após ter o projeto pronto, pego a argila para começar a fazer os moldes. Eram para fazer os apoios de um tripé compridos de mais ou menos 1,20m. Também faço outros menores e mais finos, do diâmetro de um lápis.

Após fazer esses moldes, começo a fazer os mais complicados. Pequenos buracos para engrenagens e rolamentos. Depois faço um maior, com cerca de 10cm de diâmetro e messo outro molde para fazer um anel que caiba ao redor dele.

Depois de ter feito os moldes, vou até a fornalha e coloco a caldeira com o Bronze Celestial dentro para derreter, era um processo um pouco demorado. Faço outros moldes enquanto espero, dessa vez pequenos buracos na argila do tamanho de agulhas. Faço também uma espécie de pente para colocar as agulhas e uma caixa para encaixar em cima do tripé.

Após o metal derreter, despejo o conteúdo no moldes. Depois de esperar um pouco e ver que eles já estavam ficando duros, coloco uma peça de cada vez no óleo para esfriar. Faço o mesmo processo só que no banho químico, para não enferrujar ou ser danificado facilmente.

Agora vinha a parte da montagem, a mais difícil. Era agora que eu veria se os moldes que eu fiz estavam certos. :fuckit:

Começo com o tripé, que era mais fácil. O monto rápido e vejo que ele havia ficado nivelado, coloco a caixa que havia feito em cima da bancada e monto todas as engrenagens que havia forjado. Acoplo ao sua lado o pente e coloco as agulhas dentro. Pego uma placa de circuitos e faço algo simples para acionar o motor. Pego um motor potente e pequeno que lá havia e acoplo ele dentro da caixa, afim de fazer com que ele gire todas as engrenagens.

Pego o sensor de calor que havia perto da porta. Ele media a temperatura média da forja, caso algo estivesse próximo a explodir ele havia, e acoplo a placa de circuitos que eu havia feito. Regulo a placa para sentir o calor corporal médio de uma pessoa, mais ou menos 37º.

Pego agora os tubos do tamanho de lápis e os coloco no torno mecânico para abrir buracos neles, de ponta a ponta, da circunferência das agulhas e os acoplo a caixa.

Fico atras da maquina e faço uma labareda de fogo voar para frente dela. Minha centry gun é acionada pelo censor de calor e começa a disparar varias agulhas por segundo.

#49

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty >>>>>>>>> forjando arma <<<<<<<<<

por Convidado em Seg 25 Nov 2013 - 20:20

Convidado

Anonymous
Convidado
A muito tempo eu não passava aqui. Acho que nunca havia entrado aqui pra fazer algo realmente importante.

Eu estava segurando uma maça média que usaria para derreter e fabricar uma arma para o meu amigo Alceu. Conversamos sobre isso e decidimos fazer o melhor para uma pessoa.
Ao adentrar na forja, ligo o forno. Verifico se o óleo para temperar o metal havia o suficiente no recipiente. Coloco um pouco mais de óleo. verifico se a máquina usada para moldar metal estava limpa e lubrificada. Troco a base usada
para amassar o metal para uma base menos arredondada. Estando tudo pronto, pego a maça média e a desmonto na mesa. Seria mais fácil derreter as partes separadas. Coloco meu livro do forjador a minha frente para que eu possa fazer a arma com mais eficiência.

Com a base cilíndrica da maça média, pego uma régua e meço 35cm para cortar 35cm da mesma. Me dirijo a maquina de corte mas antes me certifico se a cerra está em boas condições. Troco caso não esteja e a testo antes. Estando tudo certo, coloco os EPI's. Um óculos, luvas de couro e avental de couro. Com cuidado, seguro a base cilíndrica com as duas mãos firmes, uma em cada ponta e corto 30cm do mesmo devagar. Bombeio um óleo de resfriamento pra manter a peça fria e não deforme durante o processo.

Feito isso, meço novamente conferido os 35cm que eu havia marcado. vendo que estava certinho, verifico a temperatura do forno para que eu possa derreter o restante do material tranquilamente. Vendo que estava subindo como nos conformes, volta a terminar com o cilindro de bronze celestial. Pego

Pego um giz e marco o centro nas duas extremidades e marco um tamanho de 5cm de uma das extremidades. De um lado uso uma broca grossa para furar o centro do cilindro para que eu encaixe o chicote futuramente, feito isso, furo a lateral do cilindro mas marco com o giz usando a régua.  Furo para que o mesmo passe por dentro do outro furo. Feito isso, jogo mais óleo de resfriamento para deixar a peça fria. Agora me volto a outra extremidade. Pego uma broca grossa também mas dessa vez era uma broca de rosca para encaixar a ponta de chifre de minotauro.

Troco a broca para uma broca de rosca e prendo o cilindro. Regulo a profundidade do corte. A parte marcada de 5cm, faço uma rosca com ele, cortando o mesmo de fora para dentro para que esses 5cm, ficasse como um parafuso na base. Tomo cuidado para não apertar muito e aperta o suficiente sem estragar a peça. Começo a cortar devagar e jogando óleo de resfriamento para não estragar a peça.

Vendo que a base estava pronta, a deixo na mesa junto com o livro do forjador. A limpo devidamente e a deixo um pouco de lado.

Agora pego o pedaço de chifre de minotauro que eu havia comprado recentemente. Vou para a máquina de lixa e pego uma lixa mais lisa. Troco da que estava na máquina e coloca a que eu usarei. Verifico se ela estava apta para uso e a preparo devidamente para o trabalho.

Começo a lixar a base do chifre lentamente, tomando cuidado só para tirar as partes falhas e deixar a base lisinha, bem lisinha. Feito isso, retiro a máscara e sopro para ver como estava. Estando bem lisinha como eu queria, me volto para a mesa mas se não estivesse, voltaria para o mesmo processo até estar.

Na minha mesa de trabalho, pego uma outro folha em branco e coloco a base do chifre nela, Pego um lápis a uso a base do chifre para fazer um círculo para ver a sua circunferência. Feito isso, marco as partes ruins da circunferência da base do chifre para que eu arrume na máquina de lixar. Meço o tamanho da base do cilindro de 35cm que usarei para fazer a base do chicote. Feito isso, uso um compasso para riscar a base do chifre para fazer o mesmo encaixar no chicote mas com uns 3mm a menos.  Lixo devidamente e tomo cuidado para não lixar de mais, dando pequenos toque e usando a força devida para isso.

Terminado, olho como o forno estava. Sua temperatura estava ideal para o derretimento então, troco minhas luvas e coloco luvas térmicas. Feito isso, pego uma pinça usada para manipular o metal do forno e a uso para colocar a maça média lá dentro e feito a portinha em seguida.

Voltando para a mesa, retiro minhas luvas térmicas e volto a desenhar novamente. pego a base do chifre que fiz acabamento e o uso para desenhar um circulo com sua base. Feito isso, pego um compasso e faço outro circulo maior, o suficiente para fazer uma ruela que encaixaria na base do chicote e prenderia o chifre. Depois de concluir com cautela, me volto ao forno.

Coloco uma mascara protetora e luvas térmicas. Pego a pinça e pego a maça média que provavelmente estaria vermelha, propícia para ser moldada. Pegando-a com a pinça a levo para a máquina de molde. Eu já havia trocado a base dela então a ligo e começo a molda-la. Seguro firme deixando a mesma martelando com força precisa. Vou girando a mesma, vou dobrando a mesma para que o bronze celestial ficasse bem resistente. Feito isso, molho no óleo de refinamento e depois coloco no forno mais uma veis elevando mais a temperatura do mesmo.

Voltando a mesa, retiro meus equipamentos, pego o cilindro e vou para a máquina onde se faz roscas para encaixe. Coloco uma luva e óculos. Passo a mão na testa retirando um pouco do suor porque estava sendo mais trabalhoso do que eu imaginava. Prendo o cilindro de bronze celestial na base, troco a lâmina da máquina e regulo a espiral e regulo a profundidade das espirais para não estragar a peça. Vou fazendo as espirais na base superior onde eu vou colocar uma argola que servirá para prender o chifre e dar um certo ornamento a arma. Depois de feito jogo um pouco de óleo de resfriamento e limpo a peça. A rosca terá 5cm de espessura.

Volto para o forno colocando as luvas e a máscara de proteção. Pego a barra de bronze celestial e retiro dela 0,05gramas para fazer a argola depois a coloco no forno novamente. Aproveito que a mesma estava quente e vou para a bancada onde possuía uma base pontuda para fazer argolas. Meço o tamanho que usarei do cilindro e uso o tamanho para fazer a argola.

Uso um martelo pequeno deixando-a no tamanho devido, feito isso, uso a pinça para resfriar um pouco a peça em óleo de resfriamento. A coloco na bancada e começo a fazer uma base em sua extremidade para que essa base prenda a base do chifre. Feito isso, resfrio a argola com o óleo de resfriamento e a levo para a máquina de fazer rosca.

Prendo a peça devidamente, troco a broca de rosca para que eu possa prender a mesma no cilindro de bronze celestial. Regulo a profundidade de acordo com os cm que eu queria. Feito isso, a molho no óleo de resfriamento e a limpo. Pego o cilindro e vejo se as roscas estão compatíveis. Abro um sorriso ao ver que estava indo tudo bem.

Agora me direciono a mesa para pegar o chifre para o furar com uma broca de rosca, compatível com a que usei para fazer o parafuso na base do cilindro. Furo 5,1cm a dentro. Furo com cuidado para não ficar torto o chifre quando eu o encaixar. Terminando, o enrosco na no parafuso da base do cilindro de bronze celestial, depois pego a argola e a enrosco no cilindro, prendendo o chifre no mesmo.

_Que maravilha. Nunca pensei que poderia fazer algo assim. - Sorrio em meio ao meu trabalho.

Volto para o forno onde eu deixara a barra de bronze celestial. O pego com a pinça e começo a martelar com a maquina. Vou dobrando por meia hora. Molho o mesmo no óleo de refinamento e depois o coloco no forno.

Agora volto para a mesa e desenho uma lâmina curva, do tamanho de uma faca, proporcional para o chicote. Volto para o forno e retiro a peça com minha luva térmica, a máscara protetora e a pinça. Retiro a peça e uso a máquina para martela-la e vou usando o óleo de refinamento para resfriar ela. Deixo a barra de bronze celestial esticada, quase da mesma espessura de uma faca, das lâminas que eu usaria. Feito isso, pego o molde da lâmina curva e desenho na peça de bronze celestial que eu havia acabado de preparar.

Feito isso, me volto mais uma vez para a máquina de corte. Troco suas lâminas e corto 3 lâminas com o molde que eu fiz. Faço devagar para não errar o molde. Depois de feito as três lâminas, de aproximadamente 0,25kg, as coloco no forno com a pinça. Uso o resto do metal para fazer a base que segurará as lâminas com furos e pequenos preguinhos. 4 Pregos pequenos de uns 3cm cada e um prego do tamanho da espessura do cilindro. Derreto o resto que sobrou para fazer os pregos que eu queria e logo os deixo esfriando no óleo de refinamento.

Pego as lâminas com a pinça,  e os trabalho na máquina de prensa. Regulo a força e troco sua base para uma base mais arredondada. Faço uma base quadrada na parte inferior das lâminas e logo faço um furo no meio com as espessura exata para passar os pregos que eu havia feito antes.. Jogo mais um pouco de óleo de resfriamento e as deixo descansando.

Uso mais um pouco do que sobrou da barra para fazer a base onde vai ser preso as lâminas e o chicote de couro.

Desenho um pé de águia só que deixando 4 extremidade para cima, e uma para baixo com uma entrada para o chicote. Derreto o material e deposito em uma base. Deixo esfriando com óleo de refinamento. Troco a broca de rosca que eu havia usado para uma broca menor e mais precisa para que furar as extremidades da base que vai prender as lâminas. Meço e anoto o tamanho que usei do centro para a extremidade. Agora faço a mesma coisa na parte da extremidade inferior da base onde vai segurar o chicote. Furo o mesmo de acordo com o tamanho que vai ser usado os pregos nas extremidades.

Agora pego o couro e corto tiras de 3m por 10cm. Vou trançando todas bem firme. nas suas pontas, deixo extremidades soltas para prender na base do cilindro e na base de onde se vai as lâminas.

Na extremidade direita do chicote, separo 15cm e os drobro. Tranço-os entre sim, deixando uma argola em sua extremidade. Encaixo o mesmo até no fundo do cilindro para que a argola trançada do chicote esteja no meio do furo da lateral do cilindro. Feito isso, pego o prego de que fiz que tem a espessura do cilindro e o encaixo firme. Vou até a máquina de solda e soldo o prego que acabei de prender no cilindro de bronze celestial. Lixo devidamente para deixar melhor o acabamento. Uso uma luva e óculos para isso e um avental de couro para isso.

Certifico que ficou tudo bem preso. Abro um sorriso de satisfação.

Com a outra ponta livre do chicote , pego a base que servirá para prender as lâminas. faço a mesma coisa que fiz antes. Pego 15cm do chicote e o tranço entre si fazendo uma argola na ponta e logo depois, a encaixo por dentro na extremidade inferior da base que prenderá as lâminas. Pego o prego que fiz e a prendo. Soldo, lixo.

Deixo o chicote de lado um pouco e me volto as lâminas. Pego um giz e risco nelas, fazendo uma marca de onde vai ser as lâminas. Feito isso, vou para a máquina de lixa. Troco de luvas e de óculos. Troco sua lixa para uma mais própria para fazer lâminas. Calmamente lixo uma por uma. Vou jogando óleo de resfriamento para não danificar as lâminas. Feito isso, troco a lixa para fazer a lâmina ficar bem afiada. Trabalho cuidadosamente para que todas fiquem iguais e com um perfeito fio de corte.

Depois de trabalhar com as lâminas, as encaixo com o restante dos pregos que fiz. Encaixo, soldo, lixo retirando o excesso.

Agora era a hora do detalhamento. Pego uma tira de papel usando para marcar metal. escrevo o nome de Dite Dinarte e faço ornamentos e alguns cisnes. Coloco cuidadosamente na base do cilindro de bronze celestial. Na parte de onde ela segurará. Coloco o papel e jogo o produto químico no mesmo. Deixo agir por algum tempo. Tiro e limpo.

Depois de feito esse detalhe, Banho as partes de bronze celestial em um líquido que deixará o material com um aspecto de velho e com um bronze mais bonito. Deixo agir por um tempo. Limpo tudo.

Feito isso, troco a lixa para uma de polir. Cuidadosamente, seguro pressionando o material contra a lixa de polir tomando extremo cuidado para não arranhar ao invés de polis. Faço isso em toda a parte de bronze celestial. Jogo uma base líquida no chifre para que ele fique com uma aparência mais bonita, branca. Deixo secar e logo depois de um tempo e já seco, o deixo polido.


Guardo a sobra do bronze celestial, em torno de uns 1,2kg e guardo o chicote de três lâminas para que eu possa entregar para o Alceu depois.



Referências de forjas tiradas nesse canal Lord. Exemplo: o papel usado para marcar metal. =)

https://www.youtube.com/channel/UCNKcMBYP_-18FLgk4BYGtfw



Última edição por Ω Alvelin Lorien em Qui 28 Nov 2013 - 20:42, editado 2 vez(es)

#50

Forjas do Acampamento Meio-Sangue - Página 5 Empty Re: Forjas do Acampamento Meio-Sangue

por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado


#51

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 5 de 23]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 14 ... 23  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum